• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.25.2009.tde-05112009-101336
Documento
Autor
Nombre completo
Juliana Felippi David e Goés de Azevedo
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Bauru, 2009
Director
Tribunal
Mondelli, Rafael Francisco Lia (Presidente)
Bagnato, Vanderlei Salvador
Corrêa, Ivo Carlos
Ishikiriama, Sergio Kiyoshi
Taveira, Luis Antonio de Assis
Título en portugués
Avaliação clínica de diferentes técnicas de clareamento de dentes polpados quanto à efetividade durante 12 meses
Palabras clave en portugués
Alteração de cor
Clareamento dental
Sensibilidade
Resumen en portugués
Objetivos: Este estudo in vivo avaliou comparativamente diferentes técnicas de clareamento de dentes polpados, quanto ao grau de mudança de cor e estabilidade do tratamento num período de doze meses, sensibilidade dentinária e o condicionamento ácido prévio ao clareamento. Métodos: Quarenta e cinco voluntários foram selecionados, de acordo com os critérios de inclusão e exclusão, e divididos aleatoriamente em 5 grupos (n=15). No clareamento em consultório, apenas na hemi-arcada direita (inferior e superior), o gel clareador foi ativado com uma fonte de luz híbrida enquanto no outro lado o gel não foi ativado, assim um mesmo voluntário participou de dois grupos. Além disso, um primeiro pré-molar superior direito ou esquerdo foi condicionado previamente ao clareamento com ácido fosfórico a 37% durante 15s. G1- Lase Peroxide (DMC Equipamentos), a base de peróxido de hidrogênio (PH) a 35% + duas ativações do gel com luz híbrida (LED e Laser de Diodo) (Whitening Lase II DMC Equipamentos) por três minutos e intervalo de 1min; em três aplicações; G2- Lase Peroxide em três aplicações de 15min e intervalos de 15mim; G3 - Opalescence Xtra Boost (Ultradent), a base de PH a 38% + duas ativações do gel com luz híbrida por três minutos e intervalo de 1min; em três aplicações; G4- Opalescence Xtra Boost em três aplicações de 15min e intervalos de 15mim; G5 - Opalescence PF (Ultradent), a base de peróxido de carbamida (PC) a 15%, 2 horas diárias por 10 dias. A avaliação da cor quantitativamente foi realizada com o espectofotômetro Vita EasyShade (Vita), antes do clareamento e após 24horas, 1 semana, 6 e 12 meses. A diferença de cor (_E) foi mensurada através do programa CIELab. A sensibilidade dentinária foi avaliada por meio do questionário VAS antes, imediatamente após o clareamento, 24 horas e uma semana. Resultados: A análise estatística não revelou nenhuma diferença estatística significante entre os grupos com e sem ativação do gel com luz híbrida. Diferença estatística foi observada entre os resultados após 24h, 1 semana e 1, 6 e 12 meses para todos os grupos experimentais. O clareamento em consultório utilizando o Lase Peroxide mostrou um aumento significante na sensibilidade quando comparado com o clareamento caseiro. O Lase Peroxida utilizado com luz híbrida e condicionamento prévio do esmalte demonstrou aumento significante da alteração de cor. Conclusão: Pode-se concluir que todas as técnicas e agentes clareadores usados são efetivos no clareamento dental. O uso de condicionamento ácido prévio ao clareamento aumenta o grau clareamento dos dentes.
Título en inglés
Clinical evaluation of effectiveness for different techniques of extrinsic bleaching
Palabras clave en inglés
Color change
Dental bleaching
Sensitive
Resumen en inglés
Objectives: This study was evaluated color change and stability and tooth sensitivity in patients submitted to different bleaching techniques. Methods: Forty five patients were selected according to inclusion/exclusion criteria and divided in five groups (n=15). A half-mouth design was conducted to compare two in-office bleaching techniques with the same product and the effect of acid condition before treatment. G1: 35% hydrogen peroxide (HP) (Lase Peroxide, DMC Equipments) + hybrid light (LED + Diode Laser) Whitening Lase II (DMC equipments); G2: 35%HP; G3: 38%HP, X-tra Boost (Ultradent) + hybrid light; G4: 38%HP and G5: 20% Carbamide Peroxide (PC), Opalescence PF (Ultradent). For G1 and G2, PH was applied on the enamel surface for three consecutive times and activated by hybrid light during 6 min; G2 and G4, PH was applied on the enamel surface for three consecutive times during 15min and interval of 15min; G5, 15% PC for 2 hours daily during 10 days at home. The spectrophotometer VITA Easyshade (VITA) was used for color change, before the treatment and 24h, 1 week, 1, 6 and 12 months after. Color differences (_E) were assessed by means of the CIELab Program. VAS questioner was used for sensitivity tooth before the treatment and immediately, 24h and 1 week after. Results: The statistical analysis did not reveal any significant difference between activated or not by hybrid light. Statistical difference was observed between the results after 24h, 1 week and 1, 6 and 12 months, for both experimental groups. In-office bleaching with Lase Peroxide showed significant increase tooth sensitivity compared to home bleaching. Lase Peroxide with hybrid light and acid condition showed a significant increase in color change. Conclusion: It could be concluded that all the techniques and bleaching agents used are effective for dental bleaching. The use of acid condition before bleaching increase color chance.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2009-11-09
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2019. Todos los derechos reservados.