• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.25.2011.tde-13122011-171434
Documento
Autor
Nombre completo
Rachelle Simões Reis
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Bauru, 2011
Director
Tribunal
Henriques, Jose Fernando Castanha (Presidente)
Abrao, Jorge
Janson, Guilherme dos Reis Pereira
Pedrin, Renata Rodrigues de Almeida
Santos, Eduardo Cesar Almada
Título en portugués
Alterações cefalométricas produzidas pelos aparelhos Distal Jet e Pendulum no tratamento da má oclusão de Classe II
Palabras clave en portugués
Cefalometria
Má oclusão de Angle Classe II
Ortodontia corretiva
Resumen en portugués
A proposta deste estudo consistiu em comparar, por meio de telerradiografias em norma lateral, as alterações dentoesqueléticas e tegumentares promovidas pelos distalizadores intrabucais Distal Jet e Pendulum, seguidos do aparelho fixo corretivo, e compará-los a um grupo controle. O grupo 1 constituí-se de 20 pacientes, 15 do gênero feminino e 5 do masculino apresentando idade média inicial de 12,77 ± 1,22 anos (10,54 a 14,50) e idade média final de 16,92 ± 1,37 anos (14,90 a 19,09). Estes pacientes foram tratados com o distalizador intrabucal Distal Jet seguido do aparelho ortodôntico fixo corretivo por um período médio de 4,15 ± 0,66 anos (2,35 a 5,07). O grupo 2 composto por 15 pacientes, 10 do gênero feminino e 5 do gênero masculino, com idade média inicial de 13,42 ± 1,32 anos (11,18 a 14,86) e idade média final de 17,77 ± 1,62 anos (15,12 a 21,50), recebeu o tratamento com o aparelho Pendulum seguido do aparelho ortodôntico fixo por um período médio de 4,41 ± 0,84 anos (3,12 a 6,71). O grupo 3 compreendeu 16 pacientes, 8 do gênero feminino e 8 do masculino, com má oclusão de Classe II, não submetidos a qualquer tipo de tratamento ortodôntico. Este grupo apresentou a idade média inicial de 12,25 ± 1,38 anos (10,10 a 14,95) e a idade média final de 15,98 ± 1,84 anos (13,18 a 19,48). O tempo médio de observação foi de 3,73 anos ± 1,27 anos (2,02 a 6,09). Os pacientes foram compatibilizados de acordo com a idade, tempo de tratamento/observação, gênero, severidade da má oclusão de Classe II e variáveis cefalométricas iniciais. Utilizou-se a análise de variância a um critério (ANOVA) seguida do teste de Tukey para comparar as idades iniciais e finais, tempo de tratamento/observação, valores cefalométricos iniciais e finais e as alterações decorrentes do tratamento/tempo de observação. A distribuição dos gêneros e a severidade da má oclusão foram analisadas pelo teste do qui-quadrado. Os resultados da comparação das alterações promovidas pelo tratamento/tempo de observação entre os três grupos demonstraram que, os distalizadores Distal Jet e Pendulum não interferiram nos componentes maxilar e mandibular e no relacionamento maxilomandibular. Estes também não promoveram alterações significantes no componente vertical e tegumentar, entretanto observou-se uma extrusão significantemente menor dos segundos molares superiores no grupo do Pendulum em relação ao controle. Os incisivos superiores apresentaram uma lingualização significantemente maior no grupo do Distal Jet em relação ao controle. Verificou-se uma vestibularização maior dos incisivos inferiores nos grupos experimentais, uma diminuição significante do overjet e correção da relação molar dos grupos experimentais em relação ao grupo controle.
Título en inglés
Cephalometric changes produced by the distal jet and pendulum appliances for the treatment of Class II malocclusion
Palabras clave en inglés
Angle Class II malocclusion
Cephalometrics
Corrective orthodontics
Resumen en inglés
This study compared, by analysis of lateral cephalograms, the dentoskeletal and soft tissue changes promoted by the intraoral distalizers Distal Jet and Pendulum, followed by corrective fixed appliances, compared to a control group. Group 1 was composed of 20 patients, being 15 females and 5 males, with initial mean age 12.77 ± 1.22 years (10.54 to 14.50) and the final mean age was 16.92 ± 1.37 years (14.90 to 19.09). These patients were treated with the intraoral distalizer Distal Jet followed by corrective fixed appliances for a mean period of 4.15 ± 0.66 years (2.35 to 5.07). Group 2 was composed of 15 patients, being 10 females and 5 males, with initial mean age 13.42 ± 1.32 years (11.18 to 14.86) and final mean age 17.77 ± 1.62 years (15.12 to 21.50), and was treated with the Pendulum appliance followed by fixed orthodontic appliances for a mean period of 4.41 ± 0.84 years (3.12 to 6.71). Group 3 comprised 16 patients, being 8 females and 8 males, with Class II malocclusion, not submitted to any orthodontic treatment. This group presented initial mean age 12.25 ± 1.38 years (10.10 to 14.95) and final mean age 15.98 ± 1.84 years (13.18 to 19.48). The mean follow-up period was 3.73 years ± 1.27 years (2.02 to 6.09). The patients were matched for age, period of treatment/follow-up, gender, severity of the Class II malocclusion and initial cephalometric variables. The initial and final ages, period of treatment/follow-up, initial and final cephalometric values and changes caused by treatment/follow-up time were analyzed by one-way analysis of variance (ANOVA) followed by the Tukey test. The distribution of genders and severity of malocclusion were analyzed by the chi-square test. The results of comparison of changes promoted by treatment/follow-up period between the three groups demonstrated that the distalizers Distal Jet and Pendulum did not interfere with the maxillary and mandibular components or the maxillomandibular relationship. These also did not cause significant changes in the vertical and soft tissue components; however, there was a significantly lower extrusion of the maxillary second molars in the Pendulum group compared to the control group. The maxillary incisors presented significantly greater lingual tipping in the Distal Jet group compared to the control group. There was a greater buccal tipping of mandibular incisors in the experimental groups, significant reduction of overjet and correction of molar relationship in the experimental groups compared to the control group.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2011-12-14
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.