• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.25.2009.tde-22042009-091859
Documento
Autor
Nome completo
Ruben Leon Salazar
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2009
Orientador
Banca examinadora
Janson, Guilherme dos Reis Pereira (Presidente)
Henriques, Jose Fernando Castanha
Raveli, Dirceu Barnabé
Título em português
Avaliação do tempo e do grau de eficiência do tratamento da má oclusão de classe I realizado com e sem extrações de pré-molares
Palavras-chave em português
Classe I
eficiência
má oclusão
ortodontia
resultado oclusal
Resumo em português
O objetivo deste estudo retrospectivo foi comparar os resultados oclusais o tempo e a eficiencia do tratamento da ma oclusao de Classe I, realizado com e sem extracoes de pre-molares. Para tanto foi selecionada a partir das documentacoes do arquivo da Disciplina de Ortodontia da Faculdade de Odontologia de Bauru, uma amostra composta pelas documentacoes de 111 pacientes com ma oclussao de Classe I, e em seguida dividida em dois grupos que apresentaram as seguintes caracteristicas: Grupo 1, constituido por 65 pacientes (24 masculino e 41 feminino) com idade inicial media de 13,82 anos (minima de 10,69 e maxima de 22,04 anos), que foram tratados com extracoes de quatro pre-molares. Grupo 2, constituido por 46 pacientes, (16 masculino e 30 feminino) com idade inicial media de 14,01 anos (minima de 11,04 e maxima de 21,54 anos) tratados sem extracoes de pre-molares. Ambos os grupos foram tratados com aparelho fixo, utilizando a mecanica edgewise simplificada. As avaliacoes oclusais foram realizadas em modelos de gesso dos pacientes nas fases inicial e final utilizando o indice PAR. A avaliacao da compatibilidade no inicio do tratamento foi realizada por meio do teste do Qui- Quadrado e o teste t. As comparacoes entre os resultados oclusais, tempo e eficiencia do tratamento foram realizadas tambem por meio do test t e foi realizada a analise de regressao linear multipla para avaliacao das variaveis que poderiam estar relacionadas com o tempo de tratamento. Os resultados demonstraram que os grupos obtiveram resultados e alteracoes oclusais semelhantes, nao entanto, o tempo de tratamento foi menor e a eficiencia maior no grupo 2. Na analise de regressao linear multipla o modelo estatistico explicou 15% da variacao no tempo de tratamento, sendo que o protocolo de tratamento com extracoes foi a unica variável estatisticamente significante, a qual mostrou uma relacao direta com o tempo de tratamento. Pode-se concluir que, o tratamento com extracoes de pre-molares prove resultados oclusais e porcentagem de alteracoes oclusais semelhantes num maior tempo de tratamento, demonstrando por tanto um menor grau de eficiencia quando comparado ao tratamento realizado sem extracoes.
Título em inglês
Evaluation of time and efficiency of Class I malocclusion treatment carried out with and without premolar extractions
Palavras-chave em inglês
Class I
efficiency
malocclusion
occlusal outcome
orthodontics
Resumo em inglês
The objective of this retrospective study was to compare the occlusal outcomes, duration and efficiency of the treatment of Class I malocclusions carried out with and without premolar extractions. Accordingly, initial and final clinical charts and models of patients treated with fixed edgewise appliances were selected from the files of the Orthodontic Department at Bauru Dental School. Complete records of 111 patients were obtained and then divided into two groups: Group 1 consisted of 65 patients (24 male, 41 female), at an initial mean age of 13.82 years (range, 10.69 to 22.04 years) treated with four premolar extractions. Group 2 consisted of 46 patients (16 male; 30 female), at an initial mean age of 14.01 years (range, 11.04 to 21.54 years) treated without extractions. Initial and final occlusal evaluations were accomplished in study models of the patients using the peer assessment rating (PAR) index. Compatibility was evaluated with Chi-Square and t tests. The occlusal outcome, treatment duration and efficiency of the groups were also compared with t test and the variables that may be related to the duration of treatment were evaluated using the multiple linear regression analyses. Results showed that both groups had similar final occlusal outcomes and PAR reduction, however, Group 2 showed a significantly smaller treatment time and greater treatment efficiency index than group 1. In the regression analysis, the 9 selected variables explained 15% of the variance in treatment time and the extraction treatment protocol was the only statistically significant variable which was positively associated with treatment time. It can be concluded that premolar extractions influence significantly in treatment duration of Class I malocclusions and the use of this protocol provides the same occlusal outcome and occlusal improvement in a greater time and consequently less efficiency degree than non-extraction protocol.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
RubenLeonSalazar.pdf (783.79 Kbytes)
Data de Publicação
2009-04-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.