• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.25.2006.tde-15102007-160050
Documento
Autor
Nome completo
Maria Renata Sales Nogueira Costa
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2006
Orientador
Banca examinadora
Lara, Vanessa Soares (Presidente)
Fleury, Raul Negrão
Oliveira, Denise Tostes
Pereira, Alessandro Antônio Costa
Soares, Cléverson Teixeira
Título em português
Distúrbios angioproliferativos bucais e cutâneos: correlações histopatológicas e expressão de mediadores angiogênicos
Palavras-chave em português
Granuloma
Hemangioma
Mucosa oral
Patologia bucal
Sarcoma
Resumo em português
A mucosa bucal e a pele podem apresentar distúrbios vasculares proliferativos com comportamento biológico variado. Para classificar tais lesões foram adotados critérios etiopatogênicos e a avaliação desses critérios em grupos específicos de lesões angioproliferativas pode contribuir para o diagnóstico e tratamento das mesmas. O objetivo desse estudo retrospectivo foi caracterizar as principais lesões angioproliferativas da mucosa bucal, comparando-as com os mesmos tipos de lesões cutâneas, em relação aos achados histopatológicos e à expressão endotelial do fator de crescimento fibroblástico básico (FGFb) e do receptor p75 para neurotrofinas (p75NTR). Foram utilizados espécimes arquivados em blocos parafinados, divididos conforme o diagnóstico microscópico em seis grupos: (I) malformações venosas; (II) malformações linfáticas; (III) granulomas piogênicos; (IV) hemangiomas capilares; (V) hemangiomas arteriovenosos; (VI) sarcomas de Kaposi. Cada grupo foi subdividido em dois grupos quanto a sua localização bucal e cutânea. Os padrões microscópicos das lesões angioproliferativas bucais e cutâneas de nossa amostra são similares e podem ser classificadas sob os mesmos parâmetros. No entanto, alguns grupos apresentaram diferenças quanto ao estádio de maturação das lesões, em relação à incidência e principalmente em relação à expressão dos mediadores estudados. A diferença na expressão de FGFb e p75NTR, observada entre os grupos bucais e cutâneos dos mesmos tipos de lesões, permitiunos concluir que a evolução da angiogênese na mucosa bucal e na pele não é necessariamente mediado pelos mesmos fatores. Tais diferenças abrem perspectivas para pesquisas futuras e abordagens terapêuticas baseadas em tecnologias moleculares.
Título em inglês
Oral and cutaneous angioproliferative diseases: histopathologic correlations and expression of angiogenic mediators
Resumo em inglês
The oral mucosa and the skin may present proliferative vascular diseases with varied biological behavior. To classify such lesions, pathogenic criteria were adopted in specific groups of vascular lesions. The objective of this retrospective study was to characterize the main oral vascular lesions, comparing them with the same types of cutaneous lesions. The histopathologic findings were compared, as well as the endothelial expression of basic fibroblastic growth factor (FGFb) and p75 neurotrophin receptor (p75NTR). Paraffin embedded specimens were purchased and divided, according to microscopic diagnostic, into six groups: (I) venous malformations; (II) lymphatic malformations; (III) pyogenic granulomas; (IV) capillary hemangiomas; (V) arteriovenous hemangiomas; (VI) Kaposi sarcomas. Each group was divided in two subgroups of oral and cutaneous location. The microscopic data demonstrated that oral and cutaneous vascular lesions, in our sample, are similar and they can be classified under the same parameters. However, some groups presented differences related to maturation stage, incidence, and expression FGFb and p75NTR. These differences allowed us to conclude that the evolution of angiogenic process inside oral mucosa and in the skin, not necessarily is mediated by the same biological factors. Such differences open perspectives for future researches and therapeutic approaches, based on molecular technologies.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2007-10-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.