• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.25.2009.tde-25032010-084600
Documento
Autor
Nome completo
Sylvie Brener
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2009
Orientador
Banca examinadora
Oliveira, Denise Tostes (Presidente)
Biasoli, Eder Ricardo
González Moles, Miguel Angel
Hanemann, João Adolfo Costa
Taveira, Luis Antonio de Assis
Título em português
Expressão da substância P e de seu receptor Neuroquinina-1 em carcinomas espinocelulares de boca e sua implicação na atividade proliferativa tumoral
Palavras-chave em português
Câncer de boca
Ki-67
Receptor neuroquinina-1
Substância P
Resumo em português
A substância P (SP) é um neuropeptídeo da família das taquicininas que regula numerosas funções biológicas por meio da ligação ao seu receptor altamente específico neuroquinina-1 (NK-1R). Este complexo SP/NK-1R está envolvido em diversos processos relacionados à oncogênese, como a mitogênese, angiogênese, migração celular e metástase. O objetivo deste trabalho foi investigar a expressão de substância P e de seu receptor NK-1 e sua correlação com o índice de proliferação celular em 73 pacientes portadores de 90 carcinomas espinocelulares de boca, diagnosticados e tratados no Hospital General e Hospital de La Princesa, Jaen, Espanha, durante o período de 1995 a 2008. Todos os tumores foram corados pela técnica imunoistoquímica da estreptavidina-biotina-peroxidase com os anticorpos anti-SP, anti-NK-1R e anti-Ki-67. As alterações celulares epiteliais das margens cirúrgicas livres de doença também foram registradas. A expressão imunoistoquímica da substância P e do seu receptor neurokinina-1 foi avaliada na membrana, no citoplasma e no núcleo das células epiteliais malignas e do epitélio da mucosa bucal adjacente ao tumor, nos linfócitos e nos vasos sanguíneos dos tumores. O índice de proliferação celular tumoral foi determinado pela expressão imunoistoquímica de Ki-67 identificada no núcleo das células neoplásicas. As correlações entre as diversas localizações da SP, de seu receptor NK-1R e do índice de proliferação tumoral determinado pelo Ki-67 foram determinadas estatísticamente utilizando-se o Crosstab, Regress e Descript de SUDAAN. A expressão de SP foi identificada no estroma de 77% dos tumores, na membrana de 71% das células malignas e no citoplasma de 81,2% dos tumores. A maioria dos tumores apresentou altas taxas de proliferação das células neoplásicas com mais de 50% das células imunopositivas para o Ki-67. Ao analisar as margens cirúrgicas livres de doença, observou-se expressão da SP, sobretudo no terço inferior e médio, tanto no núcleo, como no citoplasma e na membrana celular. A expressão concomitante de substância P e do receptor neurokinina-1 no citoplasma das células neoplásicas ocorreu mais frequentemente nas células tumorais em proliferação. Verificou-se que expressão de SP no câncer bucal ocorre juntamente com o aumento da expressão de NK-1R, sugerindo que as células neoplásicas epiteliais bucais podem utilizar esta via para tornarem-se mais susceptíveis aos estímulos mediados pela SP. A expressão de substância P nos linfócitos do infiltrado inflamatório e vasos sanguíneos intratumorais e peritumorais se associaram a tumores de menor tamanho, menor estádio clínico e com menor frequência metástase ganglionar. Concluiu-se que as células neoplásicas epiteliais bucais podem utilizar a via substância P/NK-1R para tornarem-se mais susceptíveis aos estímulos mediados pela SP, particularmente aqueles associados à proliferação celular. Além disso, a expressão epitelial, citoplasmática e nuclear da substância P é um evento precoce na carcinogênese bucal podendo ser considerado um marcador da presença e intensidade de displasia epitelial.
Título em inglês
Expression of the substance P and its receptor NK-1 in oral squamous cell carcinoma and its tumor proliferative activity
Palavras-chave em inglês
Ki-67
Oral cancer
Receptor neurokinin-1
Substance P
Resumo em inglês
The substance P (SP) is a neuropeptide of the tachykinin family that regulates multiple biological functions by binding to the highly specific receptor neurokinin-1. This complex SP/NK-1 is involved in several processes related to oncogenesis, such as mitogenesis, angiogenesis, cell migration and metastasis. This study investigated the expression of substance P and its receptor NK-1 and its correlation with the cell proliferation index in 73 patients with oral squamous cell carcinoma, diagnosed and treated at the General Hospital and Princess Hospital at Jaen, Spain, during the period 1995 to 2008. All tumors were stained immunohistochemically by the streptavidin-biotin-peroxidase technique using the antibodies anti-SP, anti-NK-1R and anti-Ki-67. The epithelial cell alterations on the disease-free surgical margins were registered. The immunohistochemical expression of SP and its receptor neurokinin-1 were evaluated on the membrane, cytoplasm and nucleus of malignant epithelial cells and cells of healthy oral mucosa adjacent to the tumor, as well as on the infiltrating lymphocytes and peritumoral or intratumoral blood vessels. The tumor cell proliferation index was determined by the immunohistochemical expression of Ki- 67 identified on the malignant cell nucleus. The correlations between the distinct localizations of SP, its receptor NK-1 and the proliferation index Ki-67 were statistically analyzed using the Sudaan Crosstab, Regress and Descript tests. The SP expression was identified on the stroma of 77% of tumors, on the membrane of 71% of malignant cells and cytoplasm of 81.2% of tumors. Most tumors presented high proliferation rates of neoplastic cells, with more than 50% of cells immunopositive for Ki-67. Analysis of the disease-free surgical margins revealed SP expression especially on the lower and medium third, both on the nucleus, cytoplasm and cell membrane. The simultaneous expression of substance P and its receptor NK-1 on the cytoplasm of neoplastic cells occurred more frequently in proliferating malignant cells. The expression of SP in oral cancer occurred simultaneously to an increased expression of NK-1R, suggesting that the oral malignant epithelial cells might use this pathway to become more susceptible to the stimuli mediated by the SP. The substance P expression on infiltrating lymphocytes and intratumoral or peritumoral blood vessels was associated with tumors of small size, lower clinical stage and less frequent node metastasis. It was concluded that the oral neoplastic epithelial cells may use the pathway SP/NK-1R to become more susceptible to the stimuli mediated by the SP, particularly those associated with cell proliferation. Additionally, the epithelial, cytoplasmic and nuclear expression of substance P is an early event in oral carcinogenesis and may be considered a marker of the presence and intensity of epithelial dysplasia.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
SylvieBrener.pdf (32.81 Mbytes)
Data de Publicação
2010-03-30
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • Brener, S, et al. A role for the substance P/NK receptor complex in cell proliferation in oral squamous cell carcinoma. Anticancer Research, 2009, vol. 29, p. 2323-2329.
  • GONZALES-MOLES, M. A., et al. Substance P and NK-1R expression in oral precancerous epithelium [doi:10.3892/or_00000571]. Oncology Reports [online], 2009, vol. 22, p. 1325-1331.
  • Brener, S, OLIVEIRA, D. T., e GONZALES-MOLES, M. A. Papel do complexo SP/NK-1R na prolifeção celular em carcinoma espinocelular. In XXVI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Pesquisa Odontológica - Divisão Brasileira da International Association for Dental Research, Águas de Lindóia, 2009. Brazilian Oral Research ., 2009. Resumo.
  • Brener, S, OLIVEIRA, D. T., y GONZALES-MOLES, M. A. Acciones del complejo SP/NK-1R sobre la proliferación celular en el carcinoma oral de células escamosas. In VIII Reunión de la Academia Iberoamericana de Patologia y Medicina Bucal., Isla de Margarita - Venezuela, 2009. Medicina Oral, Patología Oral y Cirugía Bucal (Ed. impresa)., 2009. Resumo.
  • Brener, S., Oliveira, D.T., and Gonzalez-Moles, M.A. P3.16. A role for SP/NK-1R complex in cell proliferation in oral squamous cell carcinoma [doi:10.1016/j.oos.2009.06.542]. In Second World Congress of the International Academy of Oral Oncology, Toronto - Canadá. Oral Oncology Supplement., 2009. Abstract.
  • Brener, S, e OLIVEIRA, D. T. Ameloblastoma periférico com duas recidivas. In XX Jornada Odontológica de Bauru., Bauru, 2007. Anais da XX Jornada Odontológica de Bauru., 2007. Resumo.
  • Segundo lugar no Forúm Científico com o trabalho "Papel do complexo SP/NK-1R na proliferação celular em carcinomas espinocelular" - Sociedade Brasileira de Pesquisa Odontológica - International Association for Dental Research
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.