• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.25.2009.tde-21102009-094556
Documento
Autor
Nome completo
Ana Paola Nicolielo
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2009
Orientador
Banca examinadora
Hage, Simone Rocha de Vasconcellos (Presidente)
Crenitte, Patricia Abreu Pinheiro
Fóz, Flávia Ferreira de Sá e Benevides
Título em português
Relações entre processamento fonológico e alterações de leitura e escrita em crianças com Distúrbio Específico de Linguagem
Palavras-chave em português
Distúrbio de linguagem escrita
Distúrbio Específico de Linguagem
Processamento fonológico
Resumo em português
A compreensão da relação entre linguagem oral e escrita tem se concentrado nos estudos sobre o processamento fonológico (PF). Limitações neste processamento são apontadas como responsáveis pelas dificuldades fonológicas, lexicais, de compreensão e de escrita das crianças com Distúrbio Especifico de Linguagem (DEL). Os objetivos desta dissertação foram: verificar a ocorrência de alteração nas habilidades da linguagem escrita e nas habilidades do PF em crianças com DEL; comparar o desempenho entre crianças com DEL e com Desenvolvimento Típico de Linguagem (DTL) quanto as habilidades do PF e verificar se ha associação entre as habilidades do PF e as de linguagem escrita em crianças com DEL, e ainda, se ha uma habilidade do PF que se destaca nesta associação. Participaram deste estudo 40 sujeitos: 20 com diagnostico de DEL (GE) e 20 com DTL (GC) com idades entre 7 e 10 anos de ambos os sexos. Para avaliação das habilidades do PF foram aplicados os seguintes procedimentos: prova de repetição de não palavras para avaliação da Memória de Trabalho Fonológica (MTF), Teste de Nomeação Automatizada Rápida (RAN) para avaliação do Acesso Lexical (AL) e Perfil de Habilidades Fonológicas para avaliação da Consciência Fonológica (CF). Para avaliação da linguagem escrita os seguintes sub-testes do Teste de Analise de Leitura e Escrita (TALE) foram utilizados: leitura e compreensão de texto, ditado e escrita espontânea. Para analise estatística foi utilizado o teste Qui Quadrado, sendo adotado nível de significância estatística 0,05. A ocorrência de alterações na linguagem escrita na grande maioria dos sujeitos com DEL na amostra estudada foi constatada. As crianças deste grupo apresentaram desempenhos significantemente piores nas provas do PF quando comparadas as do GC. A existência de associação entre desempenho em provas de leitura e escrita e o desempenho em provas do PF foi confirmada. As analises estatísticas evidenciaram que a MTF foi aquela que apresentou maior nível de significância com as provas de leitura e de escrita. Pode-se concluir que a grande maioria das crianças com DEL apresentam alteração nas habilidades de linguagem escrita e do PF; elas apresentaram desempenho significantemente pior em relação aquelas com DTL nas habilidades do PF; ha associação entre desempenho em provas de leitura e escrita e provas do PF, sendo que as dificuldades nas habilidades do PF podem justificar as dificuldades de linguagem escrita; a MTF foi aquela que apresentou maior associação, o que reforça a hipótese de que defasagem na MTF e um forte marcador psicolingüístico nos quadros de DEL.
Palavras-chave em inglês
Phonological process
Specific language impairment
Written language impairment
Resumo em inglês
The understanding of the relationship between oral language and written language hás focused on studies on the phonological processing (PP). Limitations in this area have been identified as one of those responsible, in addition for lexical difficulties and comprehension difficulties, for the phonological disorders of children with specific language impairment (SLI) and the consequent alteration in the written language. This study aimed: verifying the occurrence of alterations in the written language skills and abilities of the PP in children with SLI; compare the performance between children with SLI and typical language development (TLD) and the abilities of the PP; check the association between the PP and the skills of written language in children with SLI, and, if there is one skill of the PP that stands out in these association. Participated of these study 40 subjects: 20 with SLI (EG) and 20 with TDL (CG), with ages between 7 and 10 years old, of the both sexes. For evaluation of the PP the following procedures had been used: non words repetition proof of the Prova de Memoria de Trabalho Fonologica, Teste de Nomeacao Automatizada e Rapida (RAN), for evaluation the lexical acces, and the Perfil de Habilidades Fonologicas, for evaluate the phonological awareness. For evaluation of written language the following subtests of the Teste de Analise de Leitura e Escrita TALE had been used: reading and understanding of text, dictated and spontaneous writing. Statistical analysis was performed using the Qui Quadrado test, and adopted level of statistical significance 0.05. The occurrence of alteration in the written language in most of the subjects with SLI in the sample was found. Children in this group had significantly worse performance in tests of PP when compared to the CG. The existence of the association between performance in tests of reading and writing and performance in tests of PP was confirmed. Statistical analysis showed that the phonological working memory (PWM) was one that showed higher level of significance with the proof reading and writing. It was observed that the majority of children with SLI have alterations in the skills of written language and the PP, they performed significantly worse for those with skills in TDL of PF; there is association between performance in tests of the PP and evidence reading and writing, and that difficulties in the abilities of the PP may explain the difficulties of written language. The PWM was what stood out most in this association, which reinforces the hypothesis, that deficit the PWM is a strong psycholinguistics marker of SLI.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
AnaPaolaNicoliel.pdf (2.13 Mbytes)
Data de Publicação
2009-10-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.