• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.25.2016.tde-26042016-111254
Documento
Autor
Nome completo
Fernanda da Luz Anastacio-Pessan
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2015
Orientador
Banca examinadora
Lamonica, Dionisia Aparecida Cusin (Presidente)
Abramides, Dagma Venturini Marques
Crenitte, Patricia Abreu Pinheiro
Giacheti, Célia Maria
Rodrigues, Olga Maria Piazentin Rolim
Título em português
Desempenho em habilidades motoras, comunicativas e cognitivas de crianças com hipotireoidismo congênito tratadas desde o período neonatal
Palavras-chave em português
Desenvolvimento infantil
Hipotireoidismo congênito
Linguagem
Resumo em português
O hipotireoidismo congênito (HC) é um distúrbio do metabolismo, caracterizado pela produção deficiente dos hormônios tireoidianos. A literatura ressalta que crianças podem apresentar alterações cognitivas, linguísticas e problemas comportamentais, mesmo quando o diagnóstico e o tratamento iniciaram precocemente. O estudo teve como objetivo verificar desempenho em habilidades motoras, comunicativas e cognitivas de indivíduos com hipotireoidismo congênito, tratados desde o período neonatal e comparar esses achados com seus pares sem alterações da tireoide. Participaram deste estudo 15 indivíduos com o diagnóstico de hipotireoidismo congênito do gênero feminino, com idade cronológica variando entre 36 a 71 meses, com Quociente de Inteligência superior a 70, denominado Grupo Experimental (GE); e 15 indivíduos típicos, sem alterações da tireoide, denominado Grupo Comparativo (GC). Os participantes dos dois grupos foram pareados quanto à idade cronológica e nível socioeconômico. Os instrumentos de avaliação utilizados foram: Entrevista com pais; Observação do Comportamento Comunicativo; Teste de Vocabulário por Imagem Peabody TVIP; Teste de Screening de Desenvolvimento DenverII. Foi realizada avaliação psicológica, quanto ao nível intelectual, com a aplicação da Escala de Inteligência StanfordBinet. Os resultados mostraram que o desempenho das crianças do GE quanto às habilidades comunicativas, de linguagem, cognitiva e de linguagem receptiva apresentaram diferença estatística significante quando comparado com o GC. Os achados desse trabalho confirmam a interferência do HC no desenvolvimento infantil, ressaltando que indivíduos com HC, mesmo diagnosticados e tratados precocemente, podem apresentar alterações motoras, comunicativas e cognitivas e esses prejuízos poderão afetálos no decorrer da vida, inclusive nas habilidades escolares. Reiterase que estudos longitudinais são importantes para acompanhar e prevenir essas alterações.
Título em inglês
Performance motor, communication and cognitive skills of children with congenital hypothyroidism treated since the neonatal period
Palavras-chave em inglês
Congenital hypothyroidism
Development
Language
Resumo em inglês
Congenital hypothyroidism (CH) is a metabolic disorder characterized by deficient production of thyroid hormones. The literature points out that children may have cognitive, language and behavioral problems changes even when the diagnosis and treatment started early. The study aimed to verify performance in motor, communication and cognitive abilities of individuals with congenital hypothyroidism treated from the neonatal period and to compare these findings with their peers without thyroid changes. The study included 15 subjects with a diagnosis of congenital hypothyroidism females with chronological age ranging from 36 to 71 months, with Intelligence Quotient greater than 70, called Experimental Group (GE); and 15 typical individuals without thyroid changes, called Comparative Group (GC). Participants in both groups were matched for chronological age and socioeconomic status. The assessment instruments used were: Interview with parents; Observation of Communicative Behavior; Vocabulary Test Peabody Picture TVIP; Screening Test Development DenverII. Psychological assessment was conducted, on the intellectual level, with the application of the StanfordBinet Intelligence Scale. The results showed that children's performance of GE regarding communication skills, language, cognitive and receptive language showed statistically significant differences when compared to the GC. The findings of this study confirm the interference of HC in child development, noting that individuals with HC, even if diagnosed and treated early, may have driven, communicative and cognitive changes and these losses may affect them throughout their lives, including in school skills. It is reiterated that longitudinal studies are important to monitor and prevent these changes.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-04-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.