• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.25.2013.tde-14082013-094157
Documento
Autor
Nome completo
Joselene Martinelli Yamashita
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2013
Orientador
Banca examinadora
Sales Peres, Sílvia Helena de Carvalho (Presidente)
Greghi, Sebastiao Luiz Aguiar
Meneghim, Marcelo de Castro
Título em português
Estudo transversal sobre problemas bucais em pacientes obesos mórbidos
Palavras-chave em português
Cárie dentária
Desgaste dentário
Doenças periodontais
Obesidade
Saliva
Resumo em português
A prevalência da obesidade tem aumentado em proporções alarmantes, tornando-se um problema de saúde pública. Há relatos de uma possível relação da obesidade com a condição bucal e o objetivo do presente estudo foi identificar os problemas bucais e seu impacto na qualidade de vida de indivíduos obesos mórbidos. A amostra foi composta por 100 pacientes obesos mórbidos (grupo obeso) e 50 indivíduos eutróficos (grupo controle), atendidos no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP. Os pacientes responderam um questionário socioeconômico e outro de qualidade de vida, o Oral Impacts on Daily Performances (OIDP) e, em seguida, foi realizado o exame bucal. O índice International Caries Detection & Assessment System II (ICDAS II) foi utilizado para avaliar a cárie dentária; o Índice Periodontal Comunitário (IPC) e Perda de Inserção Periodontal (PIP) avaliaram as condições periodontais e o Índice de Desgaste Dentário (IDD) para avaliar a prevalência e severidade do desgaste. Ainda foram avaliados o fluxo salivar estimulado e o pH da saliva. Para análise estatística foram utilizados os testes T de Student, Qui-quadrado e Regressão Linear Múltipla. A média do OIDP foi de 13,06 ± 23,27 para o grupo obeso e 4,36 ± 10,92 para o grupo controle, indicando maior impacto da condição bucal no desempenho diário dos obesos (p=0,060). O grupo obeso apresentou maior prevalência e severidade de cárie (p=0,041) e de doença periodontal (p<0,050). Foi observada maior severidade de desgaste nos obesos (p<0,050). Ambos os grupos apresentaram fluxo salivar baixo, sendo significativamente menor entre os obesos (p=0,005). Após o ajuste da amostra, observou-se que as condições periodontais continuaram relacionadas à obesidade, enquanto que perda dentária, desgaste e fluxo salivar foram influenciados pela idade no grupo obeso e a cárie dentária pelo nível socioeconômico deste grupo. As condições de saúde bucal dos pacientes obesos mostraram-se piores em relação aos eutróficos, principalmente quanto à doença periodontal, o que contribuiu para um impacto negativo na qualidade de vida.
Título em inglês
Cross-sectional study about oral problems in morbidly obese patients
Palavras-chave em inglês
Dental caries
Obesity
Periodontal diseases
Saliva
Tooth wear
Resumo em inglês
The prevalence of obesity has increased in alarming proportions, becoming a public health problem. There are reports of a possible relationship between obesity and oral condition and the objective of this study was to identify oral problems and their impact in quality of life of morbidly obese individuals. The sample was composed of 100 morbidly obese patients (obese group) and 50 normal weight patients (control group) examined at the School of Medicine Hospital of Ribeirão Preto- USP. The subjects answered a socioeconomic and a quality of life questionnaire, the Oral Impacts on Daily Performances (OIDP) and, in the sequence the dental examination was performed. The International Caries Detection & Assessment System II (ICDAS II) was used to evaluate tooth decay, the Community Periodontal Index (CPI) and Clinical Attachment Level (CAL) evaluated periodontal conditions and the Dental Wear Index evaluated the prevalence and severity of wear. Also were evaluated the stimulated salivary flow and the Ph of saliva. Students t test, Chi- Square and Multiple Regression were used for statistical analysis. The average OIDP was 13.06 ± 23.27 for the obese group and 4.36 ± 10.92 for the control group, indicating higher impact of oral health in the quality of life of obese individuals (p=0.060). The obese group showed greater prevalence and severity of decay (p=0.041) and of periodontal disease (p< 0.050). Both groups showed low salivary flow and it was significantly lower among obese (p=0.005). After adjustment of the sample, it was observed that the periodontal conditions related to obesity continued, while that tooth loss, dental wear and salivary flow were influenced by age in obese group and the dental decay by the socioeconomic level of this group. The oral health condition of obese patients appeared worse when compared to eutrophic, mainly regarding periodontal disease, which contributed to a negative impact on quality of life.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-08-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.