• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.25.2011.tde-06122011-105902
Documento
Autor
Nome completo
Paloma Gagliardi Minotti
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2011
Orientador
Banca examinadora
Bramante, Clovis Monteiro (Presidente)
Moraes, Ivaldo Gomes de
Morais, Carlos Alberto Herrero de
Título em português
Avaliação microscópica da reação tecidual em subcutâneo de rato frente a cimentos Portland contendo diferentes concentrações de arsênico
Palavras-chave em português
Agregado trióxido mineral
Arsênico
Endodontia
Teste de materiais
Resumo em português
O MTA (Agregado Trióxido Mineral) tem sido utilizado na endodontia com diferentes finalidades terapêuticas. Essencialmente ele é constituído pelo cimento Portland acrescido de um radiopacificador. Entre seus componentes, é destacada a presença do arsênico, o qual sofre variação de concentração em função da origem do calcário. A dúvida é que se diferentes concentrações de arsênico representam alguma influência na sua biocompatibilidade. O objetivo deste estudo foi avaliar, microscopicamente, a reação tecidual em subcutâneo de ratos frente a cimentos Portland contendo diferentes concentrações de arsênico. Foram utilizados 36 ratos Wistar albinos, distribuídos em 4 grupos experimentais segundo o material empregado perfazendo um total de 6 implantes por período (15, 30 e 60 dias). A lateral dos tubos serviram como grupo controle. Após 15, 30 e 60 dias, os animais foram mortos e os espécimes foram preparados histotecnicamente para análise microscópica. Os dados da avaliação morfométrica foram submetidos à análise de variância a dois critérios (ANOVA) e teste de Tukey para a comparação (p<0,05). Os resultados mostraram uma maior densidade de volume de células inflamatórias aos 15 dias, com redução dessa densidade com o passar do tempo para todos os materiais. Os resultados da análise descritiva mostraram inflamação crônica induzida pelos materiais, com intensidade de leve a moderada, e organização de uma cápsula fibrosa ao redor de todos os espécimes e em todos os períodos. Os cimentos analisados produziram respostas inflamatórias semelhantes, mesmo apresentando quantidades diferentes de arsênico na composição, apenas com diferença estatisticamente significante entre o cimento Portland cinza Votoran e os demais cimentos nos três períodos estudados.
Título em inglês
Microscopic evaluation of the tissue reaction in subcutaneous of rats to Portland cements containing different arsenic concentrations
Palavras-chave em inglês
Arsenic
Endodontics
Material test
Mineral trioxide aggregate
Resumo em inglês
The MTA (Mineral Trioxide Aggregate) has been used in Endodontics for different therapeutic purposes. Essentially, it is composed of Portland cement with addition of a radiopacifier. Its components include arsenic, whose concentration is variable according to the origin of the calcareous. There is doubt whether different arsenic concentrations might influence its biocompatibility. This microscopic study evaluated the reaction of subcutaneous tissue of rats to Portland cements containing different arsenic concentrations. The study was conducted on 36 albinus Wistar rats, divided in 12 animals for each study group. Each animal received two implants of polyethylene tubes, completely filled with the test cements, and the lateral aspect of the tubes was taken as control group. The animals were killed after 15, 30 and 60 days and the specimens were submitted to histotechnical preparation for microscopic analysis. Data of the morphometric analysis were submitted to two-way analysis of variance (ANOVA) and the Tukey test for comparison (p<0.05). The results evidenced greater density of volume of inflammatory cells at 15 days, which was reduced with time for all materials. The results of this descriptive analysis demonstrated chronic inflammation induced by the materials, of mild to moderate intensity, and organization of a fibrous capsule around all specimens and in all periods. The cements induced similar tissue responses, despite the different arsenic concentrations in their composition.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2011-12-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.