• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.25.2011.tde-27092011-162138
Documento
Autor
Nombre completo
Marcela Charantola Rodrigues
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Bauru, 2011
Director
Tribunal
Franco, Eduardo Batista (Presidente)
Borges, Ana Flávia Sanches
Nunes, Margareth Calvo Pessutti
Título en portugués
Influência da variação da densidade de potência na contração de polimerização e na pigmentação de resinas compostas fotossensíveis
Palabras clave en portugués
Contração
Cor
Polimerização
Resumen en portugués
O presente estudo, in vitro, teve como objetivo avaliar a influência da variação da densidade de potência (300, 600, 1000 e 1550 mW/cm2) na contração de polimerização e na pigmentação de duas resinas compostas, Filtek Z250 e Filtek Z350XT (3M/ESPE). Para avaliação das forças geradas durante a contração de polimerização foram utilizadas duas bases de aço, em forma retangular (6 X 2 mm), posicionadas paralelamente na máquina de ensaios (Emic - DL 500), uma conectada à célula de carga de 100 Kg e, a outra, ao braço fixo. As resinas compostas foram introduzidas entre as bases metálicas, com altura de 1mm, volume de 12mm3 e fator C de 1,5. Para fotoativação foi utilizado o aparelho LED Blue Star 3 (Microdont Micro Usinagem de Precisão LTDA), determinando-se o tempo de 20 s para as diferentes densidades de potência. As bases ficaram fixas durante o ensaio (120 s) e as forças geradas durante a polimerização foram registradas numericamente e por meio de gráficos [força (N) x tempo (s)], num total de dez ensaios para cada grupo. Para os testes de pigmentação foram confeccionados, em uma matriz pré-fabricada, cinco espécimes circulares (6 mm X 2 mm) para cada grupo. As avaliações das alterações de cor (_E) foram realizadas com o Espectrofotômetro Easyshade com o sistema CIE-Lab, em diferentes períodos (inicial, após 6 e 12hs, 1, 2, 3, 4 e 5 dias de imersão em café). Os resultados obtidos foram submetidos à análise estatística ANOVA a dois critérios e teste Tukey para comparações individuais (p<0,05). Os resultados evidenciaram que a variação da densidade de potência influenciou diretamente na indução da contração de polimerização, com geração de forças significantemente maiores à medida que se aumentou os valores de irradiância, independente da resina composta utilizada. De forma semelhante, as alterações de cor apresentaram uma relação com a variação da densidade de potência, porém de forma indireta, evidenciando-se que o aumento progressivo da irradiância inferiu em menores valores de _E, assim como uma pigmentação mais acentuada para a resina composta nanoparticulada em relação à resina micro-híbrida. Considerando a observação de efeitos distintos com emprego de diferentes densidades de potência, dentro de um mesmo tempo de fotoativação das resinas compostas analisadas, tanto em relação à indução da contração de polimerização quanto de alteração de cor, deve ser concebido que o fator densidade de potência não pode ser estabelecido de forma independente aos demais parâmetros técnicos relacionados à dose de irradiância, à sequência de energia necessária e ao espectro de luz requerido para efetivação da polimerização das diferentes formulações de compósitos disponíveis.
Título en inglés
Influence of variation of power density on polymerization shrinkage and pigmentation of photosensitive resins
Palabras clave en inglés
Color
Polymerization
Shrinkage
Resumen en inglés
The aim of this in vitro study was to evaluate the influence of the power density (300, 600, 1000 and 1550 mW/cm2) on polymerization shrinkage and pigmentation of two composite resins, Filtek Z250 and Filtek Z350XT (3M/ESPE). The experimental groups were set based on different combinations of the influencing factors. For the polymerization shrinkage test two steel bases with a parallel disposition were used, the movable one was connected to a 100 kg load cell and the other one was fixed using a universal testing machine (EMIC - DL 500). The resin composite was inserted between the bases and light-cured for 20 s with a LED unit (Blue Star 3, Microdont) The bases stayed fixed during the test (120 s) and the polymerization stresses generated were recorded in graphs [curves force (N) x time (s)]. A total of ten tests for each group were made. For the pigmentation tests five circular specimens (6 mm X 2 mm) for each group were made using a prefabricated mold. Using the color-measuring device Easyshade with the CIE-Lab system, evaluations were made at different times (baseline, after 6 hours, 12 hours, 1, 2, 3, 4 and 5 days of coffee immersion). Statistical analysis was performed with two-way ANOVA and Tukey test for individual comparisons (p <0.05). The results showed that the power density variation directly influenced the induction of polymerization shrinkage, with significantly greater generation force as it increased the values of irradiance, independent of the resin used. Similarly, color changes showed a relation with the power density variation, however demonstrating indirectly that the gradual increase in irradiance inferred at lower values of _E, as pigmentation was more pronounced for the composite with nanoparticles compared to a micro-hybrid resin. Considering the observation of various effects when using different power densities within the same light-curing time of the composite resins analyzed, in relation to the induction of polymerization shrinkage and color change, should be understood that the power density factor can not be established independently of other technical parameters related to the irradiation dosage, the sequence of necessary energy and light spectrum required to effecting the polymerization of composites with different available formulations.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2011-10-03
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2020. Todos los derechos reservados.