• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.25.2016.tde-26042016-095806
Documento
Autor
Nome completo
Daniela Santos Pereira
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2015
Orientador
Banca examinadora
Assis, Gerson Francisco de (Presidente)
Hassunuma, Renato Massaharu
Ribeiro, Andreia Espíndola Vieira
Título em português
Efeito do antioxidante epigalocatequina-3-galato na perda óssea durante a periodontite induzida por ligadura em ratos. Análise por tomografia microcomputadorizada 2D e 3D e histomorfométrica
Palavras-chave em português
Camellia sinensis
Antioxidantes
Catequina
Periodontite
Resumo em português
A doença periodontal é uma das doenças inflamatórias crônicas mais comuns que acometem a população. A grande destruição tecidual observada durante o seu desenvolvimento tem sido atribuída ao processo inflamatório exacerbado e ao desequilíbrio favorável à geração de espécies reativas de oxigênio em relação àcapacidade de defesa dos antioxidantes. A epigalocatequina-3-galato (EGCG) obtida da Camellia sinensis é uma substância que apresenta potencial antioxidante e antiinflamatório e, mais recentemente, testes in vitro têm mostrado que também possui atividade anti-osteoclastogênica, sendo apontada como uma possível droga para uso terapêutico nas patologias ósseas com excessiva atividade osteoclástica e destruição óssea. O objetivo do trabalho foi verificar morfométricamente em imagens obtidas pela tomografia microcomputadorizada (micro-CT) e cortes histológicos se a administração diária de EGCG reduz o processo inflamatório e a perda óssea alveolar na doença periodontal induzida por ligadura em ratos. O primeiro molar inferior direito de 60 ratos foi amarrado com fio de seda 3.0 e divididos em grupo sem tratamento (GST), grupo tratado com EGCG (GTEGCG) que recebeu diariamente por gavagem 100mg/Kg de EGCG e grupo Sham (GTsalina) que recebeu apenas solução salina. Nos períodos de 0, 7, 14 e 21 dias (n=5 animais/período/grupo) imagens digitais foram obtidas no microtomógrafo sendo submetidos à análise do nível ósseo periodontal (PBL) e da densidade óssea (BV/TV) inter-radicular. Nos cortes longitudinais do M1 corados pela HE foi avaliado o PBL e morfometricamente o percentual e volume de processo inflamatório e tecido ósseo, além do número osteoclastos/cm2. Os dados foram submetidos à ANOVA a dois critérios e ao teste de Tukey (p<0,05). O PBL determinado nas imagens microtomográficas e histológicas mostraram que a perda óssea aumenta em todos os grupos durante a fase aguda da doença (0 a 14 dias) e estabiliza na fase crônica (14 dias-21 dias). Em geral, o PBL foi menor no GTEGCG (média de 0,839 mm) comparado aos GST e GTsalina (média de 0,953 ). Quanto à densidade óssea o BV/TV foi maior no GTEGCG (68%) comparados aos GST (62,06%). O percentual do processo inflamatório e o número de osteoclastos foram menores no GTEGCG, com pico aos 14 dias (3,4% de processo inflamatório e 32 osteoclastos/cm2), comparados aos GST e GTsalina cujo o pico foi aos 7 dias (média de 8,6% de processo inflamatório e 68 osteoclastos/cm2). Concluímos que, no modelo de periodontite induzida por ligadura, o tratamento com EGCG diminui o processo inflamatório e a osteoclastogênese e consequentemente a perda óssea e a severidade da doença.
Título em inglês
Effects of epigallocatechin-3-gallate antioxidant in bone loss during ligatureinduced periodontitis in rats. Analysis in 2D and 3D microcomputed tomography and histomorphometry
Palavras-chave em inglês
Camellia sinensis
Antioxidants
Catechin
Periodontitis
Resumo em inglês
Periodontal disease is currently one of the most common chronic inflammatory diseases affecting the population. The large tissue destruction observed during its development, has been attributed to exacerbated inflammatory process and unbalance response between production of reactive oxygen species and antioxidant defense capacity. Recently, the substance epigallocatechin-3-gallate (EGCG) obtained from Camellia sinensis have been associated to antioxidant and antiinflammatory actions. In vitro studies have shown that EGCG has also antiosteoclastogenic activity suggesting to be a potencial drug for use in therapeutic treatment of bone diseases with excessive osteoclast formation and bone destruction. The aim of this study was to verify morphometrically in micro-ct and histological images whether daily administration of EGCG inhibits/decreases alveolar bone loss in periodontal disease induced in rats by ligature. The lower right first molar of 60 rats was tied with surgical suture thread 3.0. The animals were divided into untreated group (GST), EGCG treated group (GTEGCG) which received 100mg/kg of EGCG by gavage daily and Sham group (GT saline) which received saline solution only. In periods of 0, 7, 14 and 21 days (n=5 animals/period/group) digital images were obtained in microtomography (SkyScan1176) and subjected to analysis of PBL in the mesial, distal, buccal and lingual root and BV/TV bone volume percentage. In the sagittal slides PBL volumetric points and inflammatory process as well as the number of osteoclasts/cm2 was analyzed. Data were submitted to twoway ANOVA and Tukey test (p <0.05). PBL determined in microtomographic and histological images showed that bone loss increased and stabilized, respectively, in the all groups acute phase (days 0 to 14) and chronic phase (14 days, 21 days) of the disease. In general, the PBL was lower in GTEGCG (average 0,839 mm) compared to GST and GTsaline (average 0,953). Regarding bone density BV/TV in GTEGCG was higher (68%) compared to GST (62.06%). The percentage of inflammation and the number of osteoclasts was more mild in GTEGCG, reaching peak at 14 days (3.4% inflammatory process and 32 osteoclasts / cm2) compared to GST and GTsaline whose peak was at 7 days (average 8.6% inflammatory process and 68 osteoclasts / cm2). It was concluded that in the current model of periodontal disease induced by ligature, EGCG treatment decreases inflammatory process, osteoclastogenesis activity, bone loss, and consequently the severity of the disease.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-04-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.