• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.27.2013.tde-06052014-110606
Documento
Autor
Nome completo
Eliete da Silva Pereira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Caldas, Waldenyr (Presidente)
Barreto Filho, Eneus Trindade
Bento, Maria Aparecida
Ferrara, Lucrecia D'Alessio
Ferreira, Ricardo Alexino
Título em português
O local digital das culturas: as interações entre culturas, mídias digitais e territórios
Palavras-chave em português
comunicação digital
culturas locais
diáspora
habitar
mídias digitais
redes digitais
territorialidade
Resumo em português
No interior do amplo processo de digitalização, que se caracteriza como um qualitativo fenômeno de dinamismo e de transformação sociocultural, difunde-se, em diversos contextos e por diversas modalidades, um importante processo de digitalização de grupos étnicos. Tal realidade é responsável não somente por um processo de tradução digital de saberes e culturas locais, mas, ao mesmo tempo, pela instauração de um importante processo de alteração da condição habitativa dessas culturas. De fato, ao conectar-se às redes digitais, uma comunidade expande seu território e seu ecossistema, estendendo-o por meio de um dinamismo metageográfico que o conecta aos outros contextos e culturas e a outros mundos. Criase, assim, um complexo ecossistema que une reticularmente os grupos envolvidos, suas culturas, seus territórios, aos circuitos informativos digitais através de um singular dinamismo tecno-comunicativo-habitativo. Nesse sentido, a pesquisa da qual resultou esta tese objetivou investigar o processo de digitalização decorrente das relações entre "culturas, mídias digitais e territórios" - inspirada no conceito do habitar (HEIDEGGER, 1951; ABRUZZESE, 2006; DI FELICE, 2009). Para isso, realizamos uma pesquisa experimental baseada na imersão, na interação, na observação, na interpretação e na comparação de experiências que se desenvolvem reticularmente, propondo, portanto, uma leitura teórica em torno dos significados do "local digital das culturas". Tal objetivo foi alcançado pela descrição dos dinamismos associativos dos seus atores-redes (LATOUR, 2004, 2012) mediante o estudo comparativo de dois casos exemplares. A Rede Povos da Floresta compreende o processo de digitalização das culturas e das territorialidades de comunidades situadas na região amazônica e a "e-diáspora" dos povos cabilas, originários dos povos berberes (Amazigh) do norte da Argélia, atualmente espalhados no mundo e reunidos nas redes digitais. No primeiro caso, a digitalização significou, além da disseminação dos saberes tradicionais dos Povos da Floresta, a criação de um complexo ecossistema informativo emergente (MORIN, 2001), que estende sua rica biodiversidade a uma dimensão tecno-informativa. No caso da "e-diáspora" cabila, a digitalização proporcionou um ecossistema informativo que tornou possível a reunião, a disseminação, a tradução da cultura amazigh (berbere) nos fluxos informativos das redes digitais. O estudo e a análise desses dois casos nos permitiram problematizar o conceito de social, abrindo-nos a uma perspectiva reticular e conectiva do mesmo.
Título em inglês
The digital local of cultures - the interaction between cultures, digital media and territories
Palavras-chave em inglês
diaspora
digital networks
digital communication
digital media
dwelling
local cultures
territories
Resumo em inglês
In the interior of the extensive process of digital conversion, which is characterized by a qualitative dynamic phenomenon and by socio-cultural transformation, an important process of digital transformation of ethnic groups is diffused, in various contexts and by diverse modalities. Such reality is responsible not only for a process of digital translation of wisdom and local cultures, but, at the same time, for the implementation of an important process of alteration of the dwelling conditions of these cultures. In fact, in connecting with digital networks, a community expands its territory and ecosystem, extending it by a means of a dynamic metageography which connects it to other contexts and cultures and to other worlds. Thus is created a complex ecosystem which reticularly unites the involved groups, their cultures, their territories, to digital informational circuits through a singular dynamism of techno-living-communication. In this sense, the object of the research which resulted in this thesis was the investigation of the process of digital transformation, deriving from the relationship between "cultures, digital media and territories" - inspired by the concept of Dwelling (HEIDEGGER, 1954; ABRUZZESE, 2006; DI FELICE, 2009). For this we realized an experimental research based on immersion, interaction, in observation, in interpretation, and the comparison of the experiences which are reticularly developed, proposing, therefore, a theoretical reading in terms of the "digital local of cultures". Such objective was reached by the description of the associative dynamisms of its actor-networks (LATOUR, 2004, 2012), by means of a comparative study of two exemplary cases. The Network of the People of the Forests understand the digital transformation of cultures and territories of communities situated in the Amazon region; and the e-diaspora of the Kabyla people, descendants of Berbers (Amazigh) of the north of Algeria, actually spread throughout the world and connected by digital networks. In the first case, this transformation signified, besides the dissemination of the traditional wisdom of the People of the Forest, the creation of an emerging complex informational ecosystem (MORIN, 2001), which extends its rich biodiversity to a techno-informational dimension. In the case of the Kabyla "e-diaspora", this transformation provided an informational ecosystem which made possible the reunion, the dissemination, and the translation of the information flows through digital media. The study and analysis of these two cases permits us to problematize the social context, opening us to a reticular perspective and connection of this social context.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
ElietePereira.pdf (7.16 Mbytes)
Data de Publicação
2014-05-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.