• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Davi Donato Amorim de Araujo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Iazzetta, Fernando Henrique de Oliveira (Presidente)
Caesar, Rodolfo
Fenerich, Alexandre Sperandéo
Garcia, Denise Hortência Lopes
Mello Filho, Silvio Ferraz
Título em português
Limites da escuta: epistemologias do sonoro na música concreta, na ecologia acústica e nos estudos do som
Palavras-chave em português
Arte Sonora
Audiovisão
Escuta
Estudos do Som
Música Concreta
Paisagem Sonora
Sonologia
Teoria
Resumo em português
O presente trabalho se trata de uma reflexão teórica localizada na intersecção entre os campos da música, das artes sonoras e dos estudos do som, que pretende discutir os limites da escuta a partir de formulações teóricas de um grupo selecionado de autores. Nele comento diferentes posições sobre a escuta e o som, com enfoque em questões epistemológicas, estéticas e políticas, surgidas em diferentes contextos. O primeiro deles é o contexto da música concreta no GRM de Paris entre as décadas de 1950 e 1960, discutido a partir do trabalho de Pierre Schaeffer, que tornou-se um paradigma para o campo da música eletroacústica. O segundo capítulo trata do trabalho de Michel Chion, a partir da década de 1980, que até hoje é fundamental para o pensamento sobre som no audiovisual, de maneira bastante acrítica. Outro contexto, discutido no terceiro capítulo é o dos estudos da paisagem sonora desenvolvido na Simon Fraser University, na década de 1970 e que se torna um conceito chave para o campo de estudos do som, passando por diversas revisões. Faço a discussão a partir de textos de Murray Schafer e também do grande conjunto de trabalhos críticos a noção de paisagem sonora desenvolvidos desde então no campo dos estudos do som. Por fim, trago para a discussão o contexto atual de debate de teorias do som, bastante rico, que se dá no meio acadêmico internacional ligado a arte sonora e aos estudos do som. Este contexto atual é representado aqui por quatro autores de destaque: Christoph Cox, Marie Thompson, Steve Goodman e Rodolfo Caesar. Espero, através desta revisão crítica de conceitos, contribuir com o debate crítico neste campo híbrido da Sonologia no Brasil.
Título em inglês
-
Palavras-chave em inglês
Audiovision
Concrete Music
Listening
Sonologia
Sound Art
Sound Studies
Soundscape
Theory
Resumo em inglês
The presente research amounts to a theoretical inquirie localized in the interseccion between the fields of music, sound arts, and sound studies, which intends to discuss the limits of listening parting from theoretical formulationsby a select group of authors. Here I discuss different positions on regard to listening and sound, with an emphasis on matters of epistemology, aesthetics and politics, brought by in different contexts. The first of these contexts is concrete music at the Paris GRM, between the decades of 1950 and 1960, drawing from the work of Pierre Schaeffer, which became a paradigm for the field of electroacoustic music. The second chapter delas with the worl of Michel Chion, following from the 1980s, which, until today, is a fundamental work for the thought in the audiovisual arts, in a rather acritical way. Another context, discussed in the third chapter, is the study of the soundscape, developed at the Simon Fraser University, through the 1970s, and which became a key concept for the field of sound studies, passing through several revisions. I'll discuss following from Murray Schafer's texts, but also from the great amount of critical work that has been done in the last decades. Finaly, I'll bring to the discussion the contemporary context of the debate of sound theories, quite rich, that happens in the international academic context, connected to sound art and sound studies. This contemporary context is presented here with four authors of prominence: Christoph Cox, Marie Thompson, Steve Goodman e Rodolfo Caesar. I hope, with this discussion, to contribute with the critical debate in this hybrid field of Sonologia in Brazil.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-07-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.