• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.3.2013.tde-19092014-102156
Documento
Autor
Nombre completo
Adriano Alex de Almeida
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2013
Director
Tribunal
Landgraf, Fernando José Gomes (Presidente)
Paolinelli, Sebastião da Costa
Tschiptschin, André Paulo
Título en portugués
Influência do tamanho de grão, teor de silício e frequência de excitação nas perdas anômalas do aço GNO.
Palabras clave en portugués
Aço GNO
Frequência de excitação
Histerese da perda anômala
Perda anômala
Tamanho de grão
Resumen en portugués
Este trabalho discute o efeito do tamanho de grão, frequência de excitação e resistividade elétrica nas perdas magnéticas, destacando-se a perda anômala. Também é proposto um método de sobreposição de histereses onde é revelada a região de ocorrência da perda anômala durante o ciclo de magnetização e desmagnetização, e posteriormente a curva de histerese da perda anômala é construída. Para tal, três ligas de aço de grão não orientado, com teor de silício de 2,05%, 2,45%, 3,3%, foram tratadas termicamente para aumento do tamanho de grão por crescimento. Cada liga foi tratada sobre a mesma sequência de temperatura, em recozimento contínuo. Os tamanhos de grão das amostras foram medidos pelo método de interceptos. A caracterização das propriedades magnéticas foi realizada por meio do quadro de Epstein. As amostras, no total de 21 conjuntos, foram ensaiadas em regime de frequência de 50, 60, 100, 150 e 200 Hz e regime quase estático (5mHz), ambos a 1 e 1,5 T. Possibilitando desta forma, a construção da histerese da perda histerética e total. Por meio dos resultados da perda total, histerética e parasita, a perda anômala pode ser calculada. Os resultados mostraram o comportamento da perda anômala (Pa) em função do tamanho de grão (l) do tipo Pa ∝ l0,34 e em frequência (f) a relação de Pa ∝ f1,65. A respeito do comportamento da perda anômala em função da resistividade elétrica (ρ), os resultados encontrados são inconclusivos. Constatou-se empiricamente que, o tamanho de grão ótimo é função da frequência e da indução. A partir de tratamento matemático, a histerese da perda parasita mais histerética, foi construída e sobreposta à histerese da perda total. Os espaços vazios entre as curvas corresponder à perda anômala. É visto que a perda anômala ocorre em três regiões distintas da curva de histerese. Tais regiões podem supostamente ser associadas à fenômenos de dissipação de energia como; movimento de parede de domínio, nucleação de domínios e aniquilação de domínio. Como as histereses da perda total, histerética e parasita possuem a mesma indução, a histerese da perda anômala pode ser construída. O campo associado à perda anômala foi obtido como resultado da soma entre campo histerético mais parasita menos o campo magnético da perda total.
Título en inglés
Influence of grain size, and content of silicon frequency excitation in anomalous loss of NO steel.
Palabras clave en inglés
Excitation frequency
Grain size
Loss anomalous hysteresis of anomalous loss
Steel NO
Resumen en inglés
This paper discusses about the effect of grain size, excitation frequency and electrical resistivity in magnetic losses, especially the anomalous loss. Also is proposed a method of overlapping hysteresis where the region of occurrence of the anomalous loss during magnetization and demagnetization cycle is disclosed, and thereafter the hysteresis curve of anomalous loss is constructed. For this purpose, three non-oriented steel alloys, with silicon content of 2.05%, 2.45%, 3.3%, were heat treated to increase the grain size by grain growth. Each alloy was treated in the same sequence of temperature in continuous annealing. The grain sizes of the samples were measured by an intercept method. Characterization of magnetic properties was performed using the Epstein frame. The samples, in total 21 sets, were tested under a frequency of 50, 60, 100, 150 and 200 Hz and quasi-static regime (5mHz), both at 1 and 1.5 T. Thus allowing the construction of the hysteresis of quasi-static and total loss. Through the results of the total loss, quasi-static loss and parasite loss, the anomalous loss can be calculated. The results show the behavior of the anomalous loss (Pa) as a function of grain size (l) as Pa ∝ l0.34 and frequency (f) the relationship of Pa ∝ f1.65. Regarding the behavior of the anomalous loss due to resistivity (ρ), the results are inconclusive. It was found empirically that the optimum grain size is a function of frequency and induction. From a mathematical treatment, the hysteresis of parasite loss plus quasi-static loss was constructed and overlapped to the hysteresis of total loss. The areas between the curves correspond to anomalous loss. It can be seen that anomalous loss occurs in three distinct regions of the hysteresis curve. Such regions may be associated with energy dissipation phenomena, such as: domain wall motion, nucleation and annihilation of domain. Since the hysteresis of total loss, quasi-static loss and parasite loss have the same induction, anomalous hysteresis loss can be constructed. The field associated with anomalous loss was obtained as a result of the sum of quasi-static field plus parasite field minus the magnetic field of the total loss.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2014-09-19
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2020. Todos los derechos reservados.