• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.39.2011.tde-09052011-100300
Documento
Autor
Nombre completo
Nelo Eidy Zanchi
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2011
Director
Tribunal
Lancha Junior, Antonio Herbert (Presidente)
Gualano, Bruno
Nascimento, Claudia Maria da Penha Oller do
Ramires, Paulo Rizzo
Seelaender, Marilia Cerqueira Leite
Título en portugués
Efeito da suplementação com leucina sobre a resposta atrófica da musculatura esquelética induzida pelo uso de dexametasona
Palabras clave en portugués
Força muscular voluntária
Homeostasia da glicose.
Massa muscular esquelética
Suplementação com leucina
Resumen en portugués
A dexametasona (DEXA) é um potente agente imunossupressor e antiinflamatório, mas apresenta importantes efeitos colaterais, tais como a atrofia muscular e a resistência à ação da insulina nos músculos esqueléticos. Neste contexto, a suplementação com leucina poderia representar uma estratégia nutricional terapêutica capaz de limitar os efeitos colaterais do tratamento com DEXA. Neste estudo, foram investigados os efeitos da suplementação com leucina em baixas e altas doses sobre a massa muscular, força muscular, assim como vários marcadores metabólicos que estão sob controle da insulina em ratos com restrição calórica e em ratos tratados com DEXA. Como a resposta da suplementação com leucina pode também estar ligada à forma de administração desse aminoácido, realizamos experimentos com leucina administradas via gavagem (bolus) versus leucina diluída no bebedouro dos animais. A suplementação com leucina demonstrou preservar a massa muscular, a força muscular voluntária média e a homeostasia da glicose em animais sob restrição calórica, mas este efeito foi observado apenas com a leucina suplementada em baixas concentrações/doses. Este efeito da leucina sobre a massa muscular esteve associado com a expressão de genes envolvidos no remodelamento da musculatura esquelética. Quanto ao efeito da leucina sobre a homeostasia da glicose, um efeito benéfico do aminoácido foi observado com a suplementação em baixas doses, o qual foi evidenciado pelos dados metabólicos avaliados. No entanto, sob tratamento com DEXA, a suplementação com leucina agravou o estado "diabetogênico" dos animais. Por último, a via de administração da leucina influenciou significativamente a resposta a este aminoácido, onde a suplementação via gavagem mostrou-se menos prejudicial do que a suplementação com leucina diluída nos bebedouros, ao menos em relação ao aspecto diabetogênico causado pelo tratamento concomitante com DEXA
Título en inglés
Effects of leucine supplementation on skeletal muscle atrophy dexamethasone-induced
Palabras clave en inglés
Leucine supplementation
skeletal muscle mass
voluntary medium strength and glucose homeostasis
Resumen en inglés
Dexamethasone (DEXA) is a potent immunosupressor and anti-inflammatory agent but presents side effects such as muscle atrophy and insulin resistance in skeletal muscles. In this context, leucine supplementation may represent a way to limit the DEXA side effects. In this study, we investigated the effects of a low and a high dose of leucine on muscle mass, on muscle strength as well as on several metabolic markers that are under insulin control in energy-restricted and DEXA-treated rats. Since leucine response may also be linked to the way of administration of this amino acid, we performed experiments with leucine given in a gavage versus leucine given in drinking water way. Leucine supplementation was found to spare muscle mass, voluntary medium strength and glucose homeostasis in energy restricted animals but the effect was observed only with the low dose/concentration of leucine. The leucine effect on muscle mass was associated with expression of genes involved in muscle remodeling. However, under DEXA treatment, leucine supplementation was found to aggravate the diabetogenic state. Lastly, the route of leucine administration was found to significantly influence this variable to this amino acid, where leucine supplemented via gavage demonstrated to be less deleterious than supplemented diluted in the water drink, concomitantly with DEXA treatment
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Dissertacao_Nelo.pdf (756.80 Kbytes)
Fecha de Publicación
2011-08-03
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2020. Todos los derechos reservados.