• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.39.2010.tde-20092010-112200
Documento
Autor
Nome completo
Elizabeth Leite Bettencourt de Souza Augusto
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Simões, Antonio Carlos (Presidente)
Machado, Afonso Antonio
Moreira, Alexandre
Título em português
Esporte e "resistência psicológica": um estudo das características comportamentais de atletas maratonistas
Palavras-chave em português
Comportamento
Inventário
Maratona
Modalidade esportiva individual
Resistência psicológica
Resumo em português
O principal objetivo deste estudo foi o de abordar o comportamento de atletas maratonistas, no que diz respeito à resistência psicológica durante o transcorrer da prova. O estudo restringiu-se a pesquisar opiniões de sete atletas, quatro do sexo masculino e três do feminino, que participavam de provas de maratonas promovidas pelas organizações que representam a modalidade no Brasil. Os dados foram coletados mediante a aplicação do instrumento denominado Inventário do Comportamento do Maratonista, criado e desenvolvido pela autora do presente estudo, visando compreender o processo de elaboração mental quanto à resistência psicológica dos atletas no transcorrer das provas. O instrumento é composto de sete questões objetivas e descritivas que possibilitam a obtenção de informações sobre fatores sociais e psicológicos dos atletas maratonistas e de como eles se comportam e descrevem as suas percepções (pensamentos, sentimentos e emoções) quanto à resistência psicológica. Os resultados alcançados foram baseados em 242 falas dos atletas foram classificadas em onze categorias cujos percentuais obtidos se desenvolveram da seguinte forma: persistência (19,4%), determinação (15,7%), precisão técnica (15,7%), seguidos de estratégia mental (10,7%), escolha da tarefa (9,9%), aspectos psicossomáticos (8,3%), conflito (7,4%), relação social (5,8%), religiosidade (4,9%), infraestrutura (1,2%) e aspecto físico (0,8%). Conclui-se que, o comportamento dos atletas maratonistas está estritamente relacionado com a resistência psicológica no que diz respeito a finalizar as prova de maratona
Título em inglês
Sport and psychological resistance: a study of behavior characteristics of marathonist athletes
Palavras-chave em inglês
Behavior
Individual sport modality
Inventory
Marathon
Psychological resistance
Resumo em inglês
The main purpose of this study was to approach the behavior of marathon athletes, in what concerns the psychological resistance during the elapse of the test. The study restrained to research opinions of 7 athletes, four of the masculine sex and three of the feminine sex, that took part in tests of marathons promoted by the organizations that represent the category in Brazil. The data was collected by the application of the instrument denominated Inventory of the Marathonist Behavior, created and developed by the author of the present study, aiming to comprehend the process of mental elaboration as to the psychological resistance of the athletes during the elapse of the test. The instrument is composed of seven objective and descriptive questions that makes possible the attainment of information about social and psychological factors of marathonist athletes and about how they behave and describe their perceptions (thoughts, feelings and emotions) as to the psychological resistance. The achieved results were based in 242 speeches of the athletes, that were classified in eleven categories, in relation to which the speeches developed in the following way, in percentages: persistence (19,4%), determination (15,7%), technical accuracy (15,7%), mental strategy (10,7%), task choice (9,9%), psychosomatic aspects (8,3%), conflict (7,4%), social relation (5,8%), religiosity (4,9%), infrastructure (1,2%) and physical aspect (0,8%). It is concluded that the behavior of marathonist athletes is strictly related to the psychological resistance in what concerns ending the marathon test
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Capa_Elizabeth.pdf (32.91 Kbytes)
Data de Publicação
2010-09-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.