• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.39.2014.tde-25072014-085527
Documento
Autor
Nome completo
Florio Joaquim Silva Filho
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Bohme, Maria Tereza Silveira (Presidente)
Franchini, Emerson
Rocha, Cláudio Miranda da
Título em português
Estrutura organizacional e qualidade da detecção, seleção e promoção de talentos do judô de alto rendimento no Estado de São Paulo
Palavras-chave em português
Estrutura organizacional
Judô
Treinamento esportivo
Resumo em português
Para alcançar o sucesso esportivo no contexto internacional, ou seja, conquistar medalhas nas principais competições internacionais, é necessária a interação de diversos fatores, sendo alguns deles os aspectos financeiros, as políticas públicas para o esporte, o desenvolvimento do atleta da iniciação ao alto rendimento, boas instalações esportivas, o apoio à carreira de técnicos, a ciência aplicada ao esporte entre outros. Apesar de o Brasil ainda não ser uma potência esportiva, algumas modalidades esportivas se destacam em competições internacionais, como o judô, a natação, a vela e o voleibol. Identificar os motivos pelos quais essas modalidades apresentam sucesso é importante para contribuir para o esporte no país, assim como para se criar uma referência para outras modalidades. A presente pesquisa teve como objetivo verificar a estrutura organizacional das entidades esportivas e a qualidade dos programas de desenvolvimento de atletas de alto rendimento na modalidade judô, com ênfase nos processos de detecção, seleção e promoção de talentos esportivos (DSPTE) de judocas talentosos nos clubes que se destacam no Estado de São Paulo. Para isso, a pesquisa foi dividida em duas etapas (A e B respectivamente) e contou com participação de nove técnicos e quarenta e três atletas das principais entidades esportivas que desenvolvem o judô no estado. Na etapa A, nove técnicos participaram de uma entrevista semiestruturada baseada em dez fatores para o sucesso no esporte. As entrevistas foram transcritas e analisadas pelo método Discurso do Sujeito Coletivo (LEFÈVRE; LEFÈVRE, 2003). Na etapa B, os quarenta e três atletas responderam a um questionário padronizado sobre a qualidade de detecção e seleção do talento esportivo (DSTE) proposto por Rütten e Ziemainz (2005). Os resultados da etapa A demonstraram que as entidades de prática esportiva são responsáveis pelo desenvolvimento de atleta para o esporte de alto rendimento. Todavia, os técnicos apontaram que não existe uma interação eficiente entre as entidades de judô com as entidades que organizam o esporte e que não existe um sistema nacional de identificação e desenvolvimento de talentos do judô brasileiro. Com relação aos resultados da etapa B, os atletas avaliaram como positivo o apoio dos pais e consideram que conseguir confiança é de fundamental importância na Detecção e Seleção de talentos (DSTE). Por outro lado, classificaram como aspectos negativos o apoio político, os recursos materiais, o papel da escola e a baixa quantidade de atletas detectados e selecionados. Quanto à promoção do talento (PTE), os atletas classificaram como aspectos positivos a qualidade dos treinamentos e dos técnicos, o apoio dos pais e a existência de um bom sistema de competição. Os atletas avaliaram como aspectos negativos o apoio político, econômico e a contribuição da escola para a PTE. De acordo com os resultados obtidos, os atletas do judô são desenvolvidos por cada entidade esportiva de prática, contando com o apoio dos pais e com a boa qualidade dos treinamentos e técnicos, sem que haja uma participação efetiva das entidades de organização esportiva, uma vez que não existe interação entres as entidades para o desenvolvimento da modalidade, assim como não existe um sistema nacional de identificação e desenvolvimento de talentos, e também não se utiliza o esporte na escola para a formação de atletas
Título em inglês
Organizational structure and quality of the detection, selection and promotion of talent in high performance judo in São Paulo
Palavras-chave em inglês
Judo
Organizational structure
Sport training
Resumo em inglês
The achievement of international sporting successes, that is, winning medals in the major international competitions, requires the interaction of several factors, such as finance, public policies for sport, good sport facilities, support for coaches, science applied to the sport, among others. Although Brazil is not a sports power, some of its sports stand out in international competitions such as judo, swimming, sailing and volleyball. Identifying the reason why these sports are successful is important to contribute to the sport in the country, as well as to create a benchmark to other sports. This research aimed to analyze the organizational structure of sports institutions and the quality of elite athletes development programs in judo, with emphasis on sporting talents detection, selection and promotion processes of talented judokas in sports clubs that stand out in the State of São Paulo. In order to do so, this research was divided into two phases (namely, A and B) and included the participation of 43 athletes and 9 coaches from major sports entities that develop judo in the state. In phase A, nine coaches answered a semi-structured interview based on 10 factors for sporting success. The interviews were transcribed and analyzed using the Collective Subject Discourse method (LEFÈVRE; LEFÈVRE, 2003). In phase B, the 43 athletes answered a standardized questionnaire on the quality of detection and selection of sporting talent proposed by Rütten and Ziemainz (2005). The results of phase A showed that sports practice entities are responsible for developing athletes for elite sport. However, coaches pointed out that there is no efficient interaction among entities in judo with sport management entities and that there is no national system for identifying and developing Brazilian judo talents. Concerning the results of phase B, athletes rated as positive the support of parents and consider that conquering trust is fundamentally important in detection and selection of sporting talents. On the other hand, they rated as negative the political support, the material resources, the role of the school, and the low number of detected and selected athletes. Regarding the talents promotion, athletes rated as positive the quality of training and coaches, the support of parents and the existence of a good competition system. Athletes rated as negative the political and economic support, and the contribution of school to the promotion of talents. According to the obtained results, judokas are developed by each sports practice entity, relying on the support of parents and on the quality of training and coaches, without any effective participation of sport management organizations, since there is no favorable interaction among sport development entities, there is no national system for identifying and developing talents as well as sport is not used in schools for training athletes
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-08-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.