• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.41.2012.tde-23012013-140431
Documento
Autor
Nome completo
Jose Heitzmann Fontenelle
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Simone, Luiz Ricardo Lopes de (Presidente)
Cunha, Carlo Magenta da
Santos, Franklin Noel dos
Título em português
Anatomia, taxonomia e distribuição geográfica dos caracóis gigantes do "Complexo Megalobulimus granulosus" (Mollusca, Gastropoda, Pulmonata).
Palavras-chave em português
"Complexo Megalobulimus granulosus"
Anatomia
Distribuição geográfica
Megalobuliminae
Taxonomia
Resumo em português
Neste estudo foram comparadas anatomicamente as espécies de gastrópodes terrestres pertencentes ao "complexo Megalobulimus paranaguensis" (M. paranaguensis, M. granulosus, M. abbreviatus, e M. foreli) e as espécies M. cf. haemastomus e M. aff. gummatus, utilizadas como comparativo externo. Todas foram comparadas conquiliologicamente entre si e com M. ovatus, M. sanctipauli, M. yporanganus, e M. gummatus. O complexo apresenta uma distribuição geográfica contígua entre o litoral sul de São Paulo e o nordeste do Rio Grande do Sul, mas não possuem embasamento morfológico que o sustente. Todas as espécies possuem um conjunto exclusivo de caracteres que as individualizam. M. paranaguensis e a simpátrica M. aff. gummatus compartilham caracteres na cavidade palial, sistema digestivo e reprodutivo, diferenciando-se morfologicamente das demais espécies e consideradas como espécies-irmãs. A esculturação de M. foreli e M. abbreviatus similares a M. sanctipauli infere que estas espécies sejam transferidas para o complexo homônimo. M. granulosus, com ocorrência para o litoral de Santa Catarina, possui uma concha singular, mas apresenta uma anatomia interna similar a M. abbreviatus. M. cf. haemastomus distribuiu-se pela depressão central do Rio Grande do Sul e Uruguai, com simpatria na região de Porto Alegre com M. abbreviatus diferenciando-se por caracteres na borda do manto e sistemas digestivo e reprodutivo. O confronto de M. aff. gummatus, com ocorrência no Vale do Ribeira em São Paulo, e M. gummatus de distribuição no Rio de Janeiro, evidenciou que a primeira é uma espécie independente
Título em inglês
Anatomy, taxonomy and geographical distribution of the giant snails "complex Megalobulimus granulosus" (Mollusca, Gastropoda, Pulmonata)
Palavras-chave em inglês
"Complex Megalobulimus granulosus"
Anatomy
Geographical distribution
Megalobuliminae
Taxonomy
Resumo em inglês
This study compares anatomically species of the terrestrial gastropods belonging to the "complex Megalobulimus paranaguensis" (M. paranaguensis, M. granulosus, M. abbreviatus and M. foreli). M. aff. gummatus and M. cf. haemastomus was analyzed as outgroup. They also were conchologically compared with M. ovatus, M. sanctipauli, M. yporanganus and M. gummatus. The complex has a contiguous geographical distribution, between the south of São Paulo and northeastern Rio Grande do Sul States, but lacks morphological foundation supports. The species of the complex have a unique set of characters that individualizes it. M. paranaguensis and sympatric M. aff. Gummatus share characters in the palial cavity, digestive and reproductive systems, differing morphologically from other species, they are regarded as sister species. The shell sculpture of M. foreli and M. abbreviatus is similar to M. sanctipauli, infering that these species may be transferred to the complex M sanctipauli. The M. granulosus, occurring in Santa Catarina coastal zone, has a singular shell, but presents an internal anatomy similar to M. abbreviatus. The M. cf. haemastomus, distributed in the central depression of the Rio Grande do Sul State and Uruguay, sympatric in the region of Porto Alegre with M. abbreviatus, possesses different characters on the edge of the mantle and digestive and reproductive systems. The confrontation of M. aff. Gummatus, occurring in Vale do Ribeira, São Paulo, with M. gummatus, from Rio de Janeiro, showed that the first is an independent species
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
JOse_Fontenelle.pdf (17.03 Mbytes)
Jose_Fontenelle_SIMP.pdf (518.76 Kbytes)
Data de Publicação
2013-04-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.