• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.41.2010.tde-07122010-172814
Documento
Autor
Nome completo
Nicolle Veiga Sydney
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Rosso, Sergio (Presidente)
Monteiro Filho, Emygdio Leite de Araujo
Zaher, Erika Hingst
Título em português
Ontogenia e assimetria craniana do boto-cinza, Sotalia guianensis(Cetacea: Delphinidae)
Palavras-chave em português
Assimetria direcional
Morfometria geométrica
Ontogenia
Sotalia guianensis
Resumo em português
Vários estudos sobre ontogenia e assimetria foram e vêm sendo realizados com cetáceos odontocetos através da utilização da morfometria convencional. Frequentemente compara-se o tamanho de estruturas do sistema respiratório de ambos os lados do crânio para avaliar a assimetria de tamanho e analisa-se o aumento de tamanho do corpo com a idade para avaliar ontogenia. Porém, através da morfometria convencional nem sempre é possível descrever ou representar a variabilidade de forma dos organismos, sendo que informações sobre a forma craniana dos odontocetos são bastante escassas. A morfometria geométrica é uma técnica que vem sendo amplamente utilizada em estudos de comparação da forma dos organismos, a qual leva em consideração o caráter geométrico das formas biológicas e analisa estatisticamente sua variação. Além disso, possibilita a realização de descrições independentes de forma e tamanho, o que permite que os mesmos sejam analisados separadamente. Sendo assim, este estudo se propôs a investigar as alterações ontogenéticas na forma e tamanho do crânio do boto-cinza, Sotalia guianensis, buscando alterações cranianas entre indivíduos de diferentes classes etárias, além de verificar a existência e analisar a assimetria direcional na forma e tamanho craniano para esta espécie. Para isso, os crânios foram digitalizados através de um braço digitalizador e depois de um tratamento geométrico as configurações geradas foram analisadas estatisticamente, a partir dos seus componentes de forma e tamanho. Foi observada assimetria de tamanho e forma para muitas das estruturas cranianas estudadas, notando-se diferenças com relação à assimetria entre as subunidades de desenvolvimento do crânio. Com relação à ontogenia, verificou-se um padrão semelhante para a alteração da forma e do tamanho com a idade, evidenciando que, tanto a forma como o tamanho craniano, se estabilizam por volta dos oito anos de idade.
Título em inglês
Ontogeny and asymmetry of estuarine dolphin skull, Sotalia guianensis (Cetacea: Delphinidae)
Palavras-chave em inglês
Directional asymmetry
Geometric morphometrics
Ontogeny
Sotalia guianensis
Resumo em inglês
Several studies exploring the ontogeny and asymmetry involving the skull and skeleton of the species of the Suborder Odontoceti have been performed using traditional morphometric techniques. Ontogenetic studies are usually based on the relationship between body size and age, while those focusing on the existence and degree of asymmetry compare the size of skull elements related to the respiratory tract. However, traditional morphometrics can not describe or represent adequately the variability of shape between organisms and therefore information about shape of dolphin skulls are very scarce. Geometric Morphometrics is a toolbox of techniques that is been widely applied in studies comparing the shape of organisms taking into consideration the biological shapes and analyzing their variation statistically. In addition, this technique allows to independently describe both shape and size separately, as well as exploring their relationship. The main objective of this study is to investigate the changes in skull shape and size during the ontogeny for the estuarine dolphin, Sotalia guianensis, characterizing the shape of the skull among different age groups. The second goal is to verify and analyze directional asymmetry in skull size and shape for this species. Dolphin skulls were scanned using a Microscribe-3D digitizer, statistically analyzing size and shape of the configurations created after translating, rotating and rescaling the original variables. Asymmetry in size and shape was detected for some cranial structures. There were also differences in asymmetry degree between the development subunits of the skull. For the ontogenetic trajectory it was detected a similar pattern of changes in shape and in size with age, in which both are stabilizing around eight years old for this species.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Sydney.pdf (11.83 Mbytes)
Data de Publicação
2011-01-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.