• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Liedson Tavares de Sousa Carneiro
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Santos, Isabel Alves dos (Presidente)
Buzato, Silvana
Alcantara, Suzana de Fátima
Amorim, Felipe Wanderley
Cogni, Rodrigo
Título em português
Estrutura geográfica da interação entre abelhas coletoras de óleo e Krameria Loefl. (Krameriaceae): funcionalidade e integração fenotípica de caracteres florais
Palavras-chave em português
Caenonomada
Centris
Diagonal seca
Evolução floral
Variação geográfica
Resumo em português
Nesse estudo, explorei aspectos da ecologia evolutiva da interação planta-polinizador, ao avaliar o fenótipo floral sob pressões seletivas geograficamente divergentes. Para isso utilizei a interação entre abelhas coletoras de óleo e Krameria (Krameriaceae) como sistema modelo. A tese abrange a história natural do sistema e manipulações experimentais in situ que deram suporte à investigação sobre integração floral no contexto multipopulacional. No primeiro capítulo, estudei a biologia da polinização de Krameria tomentosa, listando as espécies de visitantes florais associadas a suas flores. Assim, mostrei que essa espécie depende de seus polinizadores para o sucesso na polinização e que a maioria das abelhas coletoras de óleo associada a suas flores pertence ao gênero Centris (Centridini). No entanto, observei uma alta frequência de abelhas coletoras de pólen nessa espécie que parecem contribuir com a manutenção da polinização na população. No segundo capítulo, mostrei que há uma variação geográfica na assembleia de polinizadores de K. grandiflora que inclui diferentes comportamentos e ajustes à morfologia floral da espécie. Desse modo, testei a significância funcional das três estruturas especializadas das flores de Krameria (cálice conspícuo, pétalas petaloides e elaióforos) em dois cenários contrastantes de ajuste entre a arquitetura floral e o polinizador. No entanto, diferenças não foram detectadas. O ajuste mecânico que os elaióforos provêm parece essencial para o sucesso na polinização no grupo. No terceiro capítulo, demonstrei que populações similares no padrão de correlação de seus caracteres florais, apresentam composição e diversidade funcional de polinizadores semelhantes, sugerindo que diferenças na morfologia combinadas à abundância de polinizadores influenciam o padrão de integração fenotípica. Portanto, esses resultados mostram uma situação em que a variação geográfica na assembleia de polinizadores parece promover a diferenciação da estrutura correlacional do fenótipo floral
Título em inglês
Geographical structure of the interation between oil-collecting bees and Krameria Loefl. (Krameriaceae): functional significance and phenotypic integration of floral traits
Palavras-chave em inglês
Carnonomada
Centris
Dry diagonal
Floral evolution
Geographic variation
Resumo em inglês
In this study, I investigate some aspects of the evolutionary ecology of a plant-pollinator interaction, by evaluating the floral phenotype under geographically divergent selective forces. For this, I used the interaction between oil-collecting bees and Krameria (Krameriaceae) as a system model. This thesis comprises the natural history of the studied system and manipulative experiments in situ to support the investigation on the phenotypic integration in a multipopulation context. In the first chapter, I studied the pollination biology of Krameria tomentosa, listing the flower visitor species associated to its flowers. Thus, I showed that this species depends on their pollinator for pollination success and that most oil-collecting bees recorded belongs to Centris genus (Centridini). However, I observed a high frequency of pollen-collecting bees on this species which might contribute to pollination maintenance in the population. In the second chapter, I showed that there is a geographic variation in the pollinator assemblage of K. grandiflora which includes different behavior and matching to Krameria floral architecture. Thus, I tested the functional significance of the three specialized structures of Krameria flowers (showy calyx, petaloid petals and elaiophores) in two contrasting pollinator-matching scenarios; however, no differences were detected. The mechanical fit provided by the elaiophores might be a keystone for the pollination success in Krameria. O ajuste mecânico que os elaióforos provêm parece essencial para o sucesso na polinização no grupo. In the third chapter, I demonstrated that populations with similar patterns of floral trait correlation comprise similar pollinator composition and functional diversity, suggesting that differences in pollinator morphology combined to abundance influences the pattern of phenotypic integration. Therefore, these results show a condition in which geographic variation in pollinator assemblage might provide divergence in the phenotypic correlation structure
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Há arquivos retidos devido a solicitação (publicação de dados, patentes ou diretos autorais).
Data de Liberação
2021-08-17
Data de Publicação
2017-08-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.