• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Tabata Mariz Bohlen
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Frazão, Renata (Presidente)
Lotfi, Claudimara Ferini Pacicco
Szawka, Raphael Escorsim
Xavier, Ana Claudia Latrônico
Título em português
Influência da sensibilidade à leptina na maturação sexual de camundongos.
Palavras-chave em português
Obesidade
puberdade precoce
reprodução
resistência à leptina
SOCS3
Resumo em português
Como a incidência de obesidade em crianças têm aumentado e a leptina é um fator permissivo para o início da puberdade, os níveis circulantes de leptina elevados se tornaram um fator comum que pode causar um adiantamento da puberdade. Entretanto, o aumento no acúmulo de gordura nos organismos está associado à resistência ao hormônio leptina. Atualmente existem poucas informações sobre como a sensibilidade a esse hormônio afeta o desenvolvimento sexual. Portanto, este projeto teve como objetivo investigar como diferentes modelos de sensibilidade ou resistência à leptina agem na puberdade de camundongos fêmeas. Técnicas como acompanhamento in vivo das diferentes fases da maturação sexual e da composição corporal, testes de sensibilidade à leptina, testes de tolerância à glucose e à insulina, e PCR em tempo real foram utilizadas. Animais com maior peso corporal desde a infância apresentaram adiantamento da maturação sexual, maior acúmulo de gordura corporal e alterações na expressão de genes metabólicos. Já animais que sofreram inativação do gene Socs3 no sistema nervoso central ou em células que expressam o receptor de leptina, apresentaram um atraso na maturação sexual e alterações na expressão de genes relacionados ao consumo alimentar, porém nos casos de inativação em células Kiss1, os animais não apresentaram nenhum tipo de alteração. Dessa forma, concluímos que o peso corporal é mais importante para o desencadear da maturação sexual do que a sensibilidade do organismo ao hormônio leptina, sugerindo que a leptina atua na maturação sexual de forma indireta sobre o eixo hipotálamo hipófise gonadal. Além disso, na análise da expressão de genes ao longo do desenvolvimento traçamos um perfil de genes associados à reprodução e metabolismo, que servirão de base para comparação para outros estudos.
Título em inglês
Leptin sensibility influences on mouse sexual maturation.
Palavras-chave em inglês
early puberty
obesity
reproduction
resistance to leptin
SOCS3
Resumo em inglês
As the incidence of obesity in children has increased and leptin is a permissive factor for the onset of puberty, elevated circulating leptin levels have become a common factor that may cause puberty to progress. However, the increase in fat accumulation in organisms is associated with resistance to the hormone leptin. There is currently little information on how sensitivity to this hormone affects sexual development. Therefore, this project aimed to investigate how different models of leptin sensitivity or resistance act in the puberty of female mice. Techniques such as in vivo monitoring of the different stages of sexual maturation and body composition, leptin sensitivity tests, glucose and insulin tolerance tests, and real-time PCR were used. Animals with higher body weight since childhood presented an advance of sexual maturation, greater accumulation of body fat and alterations in the expression of metabolic genes. On the other hand, animals that underwent inactivation of the Socs3 gene in the central nervous system or cells expressing the leptin receptor showed a delay in sexual maturation and alterations in the expression of genes related to food consumption, but in cases of inactivation in Kiss1 cells, animals did not present any type of change. Thus, we conclude that body weight is more important for the onset of sexual maturation than the body's sensitivity to the hormone leptin, suggesting that leptin acts indirectly on sexual maturation on the hypothalamus - pituitary - gonadal axis. In addition, in the analysis of gene expression along the development we have traced a profile of genes associated with reproduction and metabolism, which will serve as a basis for comparison to other studies.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Há arquivos retidos devido a solicitação (publicação de dados, patentes ou diretos autorais).
Data de Liberação
2021-07-30
Data de Publicação
2019-10-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.