• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.42.2007.tde-19102007-165220
Documento
Autor
Nome completo
Renata Lopes Neto
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Timenetsky, Jorge (Presidente)
Matushima, Eliana Reiko
Moreno, Andrea Micke
Título em português
Estudo da freqüência de micoplasma no trato urogenital, conjuntiva e orofaringe de macacos silvestres (Cebus).
Palavras-chave em português
Animais silvestres
Macaco
Mollicutes
Mycoplasma
PCR
Ureaplasma
Resumo em português
Pesquisou-se a freqüência de Mollicutes na orofaringe, conjuntiva e trato urogenital de 58 macacos. Na orofaringe detectou-se Mollicutes em 55,17 % e Ureaplasma spp em 43,10%. As espécies identificadas nesta região foram: M. arginini (43,10%), M salivarium (41,37%), e M. pneumoniae (18,96%). No trato genital detectou-se Mollicutes em 27,58% sendo identificado M. arginini em 8,62%, A. laidlawii em 1,72 % e Ureaplasma spp em 32,75%. Na conjuntiva detectou-se Mollicutes em 29,31 % e A. laidlawii em 1,72 %. Os cultivos apresentaram limitações pelo alto índice de contaminação e obtiveram-se apenas dois isolamentos da conjuntiva. As espécies detectadas constituem-se o achado inicial destas bactérias em macacos no Brasil.
Título em inglês
Study of mycoplasma frequency in the urogenital tract, ororpharynx, and conjunctiva of wild monkeys.
Palavras-chave em inglês
Mollicutes
Monkeys
Mycoplasma
PCR
Ureaplasma
Wild animals
Resumo em inglês
The frequency of Mollicutes in oropharynx, conjunctiva, and urogenital tract were accessed in 58 monkeys. In oropharynx, Mollicutes and Ureaplasma spp were detected in 55.17% and 43.01% of the samples, respectively. The identified species in this site included: M. arginini (43.10%), M. salivarium (41.37%), and M. pneumoniae (18.96%). In the urogenital tract, Mollicutes were detected in 27.58% of the samples; including M. arginini (8.62%), A. laidlawii (1.72%) and Ureaplasma spp (32.75%). In the conjunctiva, Mollicutes were detected in 29.31% and A. laidlawii in 1.72% of the animals. Mollicutes culture showed technical limitations because of the high level of contamination and only two isolates were obtained; both from conjunctival sites. The Mollicute specie surveillance of this study provided initial and new insights about these bacteria in Brazilian monkeys.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
RenataLNeto_Mestrado.pdf (455.05 Kbytes)
Data de Publicação
2007-10-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.