• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.42.2011.tde-20032012-155547
Documento
Autor
Nome completo
Alexandra dos Anjos Cassado
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Bortoluci, Karina Ramalho (Presidente)
Barbuto, Jose Alexandre Marzagao
Gazzinelli, Ricardo Tostes
Keller, Alexandre de Castro
Silva, Carla Lima da
Título em português
Heterogeneidade dos macrófagos peritoneais.
Palavras-chave em português
Cavidade peritoneal
Heterogeneidade
Imunidade ativa
Macrófagos
Monócitos
Peritônio
Resumo em português
Os macrófagos (MΦs) compõem uma população celular altamente heterogênea, e são extensivamente adotados como ferramenta experimental, em especial os MΦs peritoneais murinos. O objetivo desse trabalho foi revisitar o peritônio dando ênfase à heterogeneidade dos MΦs. Duas populações distintas compõem os MΦ peritoneais residentes: LPM (Large Peritoneal Macrophage) e SPM (Small Peritoneal Macrophage). Todas as condições proporcionadas in vivo resultam no desaparecimento de LPM, aumento de SPM e influxo de monócitos. Em paralelo, ocorre uma diminuição na marcação para b-galactosidase (marcador de senescência) e um aumento na produção de Óxido Nítrico (NO) e na frequência de células F4/80+IL-12+ após a subseqüente estimulação com LPS e IFN-g, que parece ser às custas da SPM. Além disso, parece haver uma especialização onde LPM assume um perfil M2 após inoculação de zimosan, e SPM um perfil M1 após reestimulo com LPS ou IFN-g.Esses dados sugerem que renovação celular que ocorre no peritônio após estimulação, parece ser benéfica para a resposta celular frente a estímulos infecciosos.
Título em inglês
Peritoneal macrophage heterogeneity.
Palavras-chave em inglês
Active immunity
Heterogeneity
Macrophages
Monocytes
Peritoneal cavity
Peritoneum
Resumo em inglês
Macrophages (MΦ) are a heterogeneous population extensively adopted as experimental model, especially peritoneal MΦ. Then, the aim of this work was to revisit peritoneal cavity looking for MΦ heterogeneity. Peritoneal MΦ comprise two distinct subpopulations: LPM (Large Peritoneal Macrophage) and SPM (Small Peritoneal Macrophage). The different conditions proporcioned in vivo, resulted in the disappearance of LPM and the accumulation of SPM and monocytes. In parallel, adherent cells isolated from stimulated mice displayed reduced staining for b-galactosidase (senescence marker). Further, an increase in nitric oxide (NO) production and IL-12-producing cells frequency was observed in response to LPS/FN-g re-stimulation. In addition, there was a specialization of activation profile marked by a M2 activation profile after zymosan administered in vivo assumed by LPM, and SPM showed a bias to M1 after re-stimulation with LPS/IFN-g. Then, the substitution of LPM by a robust SPM and monocytes in response to infectious stimuli greatly improves peritoneal effector activity.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-05-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.