• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.42.2009.tde-09112009-123700
Documento
Autor
Nome completo
Alexandre Urban Borbely
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2009
Orientador
Banca examinadora
Oliveira, Sergio Ferreira de (Presidente)
Sun, Sue Yazaki
Zorn, Telma Maria Tenorio
Título em português
Expressão de pequenos proteoglicanos ricos em leucina: decorim e biglicam, em placentas humanas a termo normais e com alterações da invasividade trofoblástica.
Palavras-chave em português
Biglicam
Camundongos
Corio carcinoma
Decorim
Fotorreceptores
Histologia
Leucemia
Mola invasora
Placenta (Humano)
Placenta a termo
Placenta acreta
Proteoglicanas
Retina
Resumo em português
O decorim e o biglicam são membros da família dos pequenos proteoglicanos ricos em leucina e possuem importantes funções no controle da proliferação, migração e invasão do citotrofoblasto extraviloso (TEV). O objetivo deste trabalho foi de caracterizar a expressão diferencial e a imunolocalização de decorim e biglicam em placentas humanas normais a termo (PNT), na placenta acreta (PA), na mola invasora (MI) e no coriocarcinoma (CO). Na PNT, as células deciduais apresentaram positividade para o decorim, enquanto o TEV foi negativo. O decorim foi fracamente expresso na matriz endometrial, mas negativo no fibrinoide do tipo matriz, enquanto foi positivo para biglicam. Na PA e na MI, o TEV mostrou positividade para decorim e biglicam. No CO, somente o citotrofoblasto foi positivo para ambos proteoglicanos. Portanto, o decorim e o biglicam são expressos diferencialmente em placentas normais e patológicas, sugerindo que os padrões de expressão desses proteoglicanos nas patologias estudadas indicam um papel na modulação da migração e da invasão do trofoblasto.
Título em inglês
Expression of small leucine-rich proteoglycans: decorin and biglycan, in human normal term placenta and with invasiveness-changed trophoblast pathologies.
Palavras-chave em inglês
Biglycan
Chorio carcinoma
Decorin
Histology
Invasive mole
Leukemia
Mice
Photoreceptors
Placenta (human)
Placenta Accreta
Proteoglycans
Retina
Term Placenta
Resumo em inglês
Decorin and biglycan are family members of the small leucine-rich proteoglycans family, and they have many functions as controlling proliferation, migration and invasion of extravillous trophoblast cells (EVT). The aim of this study was to characterize decorin and biglycan differential expression and immunolocalization in human normal term placenta (NTP), in placenta accreta (PA), in invasive mole (IM), and in choriocarcinoma (CH) samples. In PNT, deciduas cells were positive to decorin whereas EVT was negative. Decorin was faintly stained at endometrial matrix, but negative at matrix-type fibrinoid, although it was positive for biglycan. In PA and IM, the EVT was positive for decorin and biglycan. In CH, only cytotrophoblast cells were positive for both proteoglycans. Therefore, decorin and biglycan are differentially expressed in normal placenta and in placenta pathologies, suggesting that the expression patterns of the proteoglycans in studied pathologies indicate a role in modulating trophoblast migration and invasion.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2010-02-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.