• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.42.2010.tde-25032010-150635
Documento
Autor
Nome completo
Robson Eder
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Seelaender, Marilia Cerqueira Leite (Presidente)
Christoffolete, Marcelo Augusto
Colquhoun, Alison
Nascimento, Claudia Maria da Penha Oller do
Toledo, Julio Orlando Tirapegui
Título em português
O exercício intermitente modula o metabolismo lipídico em ratos: o fígado como órgão gerenciador
Palavras-chave em português
Alta intensidade
Exercício físico
Fígado
Lipoproteínas
Metabolismo de gorduras
Secreção de VLDL
Resumo em português
A associação de uma série de influências ambientais como dietas com excesso de gordura ou falta de atividade física regular (sedentarismo) são importantes fatores que podem levar ao desenvolvimento da obesidade e dislipidemias. Portanto, a prática de atividade física regular, caracterizada pelo treinamento, mostra-se atualmente como parte de estratégias para combater problemas como dislipidemias. Sabe-se que o aumento do gasto calórico e a melhora no desempenho podem ser atingidos com treinamentos de endurance ou intermitentes, uma vez que ambos levam à alterações fisiológicas e metabólicas semelhantes. O treinamento intermitente é caracterizado pela execução de repetidas sessões de curtos ou longos períodos, preferencialmente de alta intensidade (aproximadamente 100% do VO2máx.), intercaladas por pausas ou períodos de menor intensidade, visando a recuperação do indivíduo. Dada a importância do fígado no metabolismo lipídico em repouso e no exercício foi nosso interesse avaliarmos o comportamento do fígado frente a oito semanas de treinamento intermitente de alta intensidade e comparar tais alterações às promovidas pelo treinamento de endurance em ratos, com especial atenção a síntese e secreção de VLDL. Os animais foram divididos em três grupos: sedentário (SD), treinamento contínuo (TC) e treinamento intermitente de alta intensidade (TI). Os dois protocolos de treinamento resultaram em menor ganho de peso em comparação com o grupo SD. Ainda o grupo TI apresentou maior secreção de VLDL em comparação aos grupos TC e SD. Além disso, a expressão gênica da MTP, proteína chave na montagem da VLDL e da LPL muscular responsável por catalisar a liberação de TAG da VLDL para captação pelo músculo esquelético demonstrou aumento no grupo TI em comparação ao SD. Tais resultados inferem que o treinamento intermitente modulou o transporte de TAG para a periferia e contribui para um efeito hipotrigliceridêmico após o exercício de alta intensidade
Título em inglês
Intermittent exercise modulates the lipid metabolism in rats: the as the manager
Palavras-chave em inglês
Exercise
High intensity
Lipid metabolism
Lipoprotein
Liver
VLDL secretion
Resumo em inglês
The combination of environmental influence, including high fat diets and lack of regular physical activity (sedentary lifestyle) are important factors leading to the development of obesity and dyslipidemias. Regular practice of physical activity, characterized by training, appears as important strategy to reduce such problems. Increased caloric expenditure and improvement of physical performance can be reached with endurance or intermittent training since both lead to similar physiological and metabolic adaptations. Intermittent training is characterized by the execution of repeated bouts of physical effort (high intensity, approximately 100% of VO2max.) Due to the importance of the liver in lipid metabolism during rest and exercise, we examined the adaptations of organ to 8 weeks of high intensity intermittent training, compared with the effect of endurance exercise with special attention to VLDL synthesis and secretion. The animals were randomized into three groups: sedentary (SD), continuous training (TC) and intermittent training (TI). Both training protocols resulted in reduced weight body gain compared with SD, although IT presents higher VLDL secretion, compared with TC and SD. In addition, gene expression of MTP, a key protein in the assembly of VLDL and LPL muscle responsible for catalyzing the release of TAG for VLDL uptake by skeletal muscle, showed an increase in TI compared to SD. These results suggest that intermittent training modulated the transport of TAG to the periphery and contributed to an hypotriglyceridemic effect caused by high intensity exercise
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
RobsonEder_Doutorado.pdf (415.19 Kbytes)
Data de Publicação
2010-03-29
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.