• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.42.2013.tde-26092013-104400
Documento
Autor
Nome completo
Vanessa Pacciari Gutierrez
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Cury, Yara (Presidente)
Brigatte, Patrícia
Dagli, Maria Lucia Zaidan
Picolo, Gisele
Vessoni, Sandra Coccuzzo Sampaio
Título em português
Efeito antinociceptivo da crotalfina sobre a dor óssea induzida pelo tumor de Walker 256 em fêmur de ratos.
Palavras-chave em português
Analgésicos
Células cultivadas de tumor
Dor
Fêmur
Neoplasias
Resumo em português
Neste estudo padronizamos modelo de dor óssea induzida pela administração de células do tumor de Walker 256 em fêmur de ratos e avaliamos o efeito analgésico da crotalfina, um peptídeo com atividade analgésica. Análises radiográficas, tomográficas e cintilográficas demonstraram a presença de processos osteolíticos difusos, destruição do tecido cortical ósseo e intensa atividade osteogênica. Foi detectado aumento de partes moles adjacentes ao osso, fenômeno observado em pacientes com câncer ósseo. Análises histopatológicas mostraram a presença de células tumorais no pulmão, baço e fígado dos animais, indicando disseminação das células tumorais. Foi detectada a presença de hiperalgesia, alodinia e dor manifesta, a partir do 1º dia após a inoculação das células, persistindo por pelo menos 14 dias. Crotalfina (8 mg/kg, p.o) administrada no 14º dia, bloqueou estes fenômenos. Esse efeito antinociceptivo é de longa duração (48 h) e mediado por receptores opióides do tipo k e d. Não foi observado desenvolvimento de tolerância após o tratamento prolongado com crotalfina.
Título em inglês
Antinociceptive effect of crotalphine in bone pain induced by Walker 256 tumor cells into femoral cavity of rats.
Palavras-chave em inglês
Analgesics
Cultured tumor cells
Femur
Neoplasms
Pain
Resumo em inglês
The aim of the present work was to standardize a new rat model of bone pain induced by the injection of Walker 256 carcinoma cells into the femoral cavity of rats, and to evaluate the analgesic effect of crotalphine, an analgesic peptide. Radiographic, tomographic and scintigraphic analysis showed the presence of diffuse osteolytic processes, destruction of cortical bone tissue and intense osteogenic activity. Increase of soft tissue adjacent to the bone was also detected, being this phenomenon observed in patients with bone cancer. Hystopathological analysis showed the presence of tumor cells in lungs, spleen and liver, indicating the occurrence of metastasis. Tumor cell inoculation induced the presence of hyperalgesia, allodynia and spontaneous pain. Crotalphine (8 mg/kg, p.o.), administered on day 14, blocked these phenomena. This antinociceptive effect is long-lasting effect (2 days) and mediated by peripheral k and d- opioid receptors. Prolonged treatment with crotalphine (14 days) did not cause the development of tolerance to its antinociceptive effect.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-12-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.