• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.44.1999.tde-15052014-094033
Documento
Autor
Nome completo
Silvio Takashi Hiruma
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1999
Orientador
Banca examinadora
Riccomini, Claudio (Presidente)
Mello, Claudio Limeira
Modenesi, May Christine
Título em português
Neotectônica no Planalto de Campos do Jordão, SP
Palavras-chave em português
Geologia Estrutural
Resumo em português
O Planalto de Campos do Jordão, situado na porção sudoeste do bloco principal da Serra da Mantiqueira, apresenta várias evidências de reativações tectônicas recentes, expressas pela organização da rede de drenagem e pela presença de inúmeras feições morfotectônicas. Análises morfométricas usualmente utilizadas para estudos da morfotectônica indicam um nítido controle neotectônico na morfologia do planalto. Mapas de isovalores de densidade de drenagem, rugosidade de relevo, gradientes hidráulicos, superfícies de bases e declividade confirmam a compartimentação em blocos do planalto, delimitados pelos principais trends de lineamentos. Esta compartimentação coincide, muitas vezes, com os limites de unidades geossistêmicas estabelecidas para o planalto. As feições morfotectônicas observadas - capturas de drenagem, vales assimétricos com escarpas retilíneas, facetas triangulares e trapezoidais, vales e anfiteatros suspensos, shutter ridges e divisores pouco nítidos - estão associados diretamente aos falhamentos recentes. Estes ocorrem principalmente pela reativação tectônica ao longo de zonas de fraqueza representadas pelas foliações metamórficas (xistosidade, bandamento e foliação milonítica) das rochas pré-cambrianas. A análise estrutural, em conjunto com os dados sobre a sedimentação quaternária, permitiu reconhecer a superposição de três regimes de esforços neotectônicos. O mais antigo (Pleistoceno Superior a Holoceno), corresponde a um regime compressivo NW - SE, caracterizado por falhas transcorrentes sinistrais NNW-SSE e dextrais ENE-WSW/WNW-ESE, compatíveis com um binário transcorrente dextral, de direção E - W. Este regime seria seguido por outro de extensão E - W a NW-SE, evidenciado por falhas normais de direção NE - SW. Finalmente, um regime de esforços compressivos de direção E-W a NW-SE, definido por juntas neotectônicas subverticais que afetam stone-lines, depósitos de colúvios e turfeiras, compatível com o regime atual de esforços horizontais máximos, obtidos a partir de dados geofísicos. Observa-se, portanto, a continuidade - orientação e idade - dos regimes de esforços identificados em áreas vizinhas, como no Vale do Rio Paraíba do Sul e na região de Alto de Queluz.
Palavras-chave em inglês
Not available.
Resumo em inglês
The Campos do Jordão Plateau, on the southwestern border of the main block of the Serra da Mantiqueira presents evidence of recent tectonic reactivations, as expressed by the organization of the drainage network and the presence of morphotectonic features. Morphometric analyses usually used in morphotectonic studies revealed neotectonic control of the morphology of the plateau. Isovalue maps of drainage density, relief roughness, hydraulic gradients, isobase surface and slope confirm the compartimentalization of the plateau in blocks delimited by the main trend of lineaments. This compartimentalization coincides with the limits of geosystemic units established for the plateau. Morphotectonic features - river captures, assymetric valleys with straight scarps, triangular and trapezoidal facets, suspended amphitheaters, shutter ridges, indistinct drainage divides, truncated hill crests - are directly associated with recent faults caused mainly by tectonic reactivation of zones of weakness represented by metamorphic foliation in Precambrian rocks. Morphostructural analysis of the Campos do Jordão Plateau, including characterization of Quaternary deposits and brittle tectonic structures, has led to the identification of three superposed neotectonic regimes. an initial E-W right-lateral transcurrent binary with left-lateral movement of NNW-SSE and right-lateral movement of ENE-WSW/WNW-ESE transcurrent faults (Late Pleistocene/Holocene), followed by E-W extension characterized by normal faults and a final E-W/NW-SE compression that generated neotectonic joints in colluvium, organic-rich soils and peat deposits, compatible with the present-day horizontal maximum stress obtained from geophysical data. Thus, the same pattern and ages of the tectonic regimes identified in neighboring areas, such as in the Paraíba do Sul Valley and in the area of the Queluz Structural High, are confirmed for the Campos do Jordão Plateau.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Hiruma_mestrado.pdf (47.18 Mbytes)
Data de Publicação
2014-05-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.