• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.44.2011.tde-17082011-084821
Documento
Autor
Nome completo
Marlei Antônio Carrari Chamani
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Riccomini, Claudio (Presidente)
Bezerra, Francisco Hilário Rego
Schobbenhaus Filho, Carlos
Título em português
Tectônica intraplaca e deformação sinsedimentar induzida por abalos sísmicos: o Lineamento Transbrasiliano e estruturas relacionadas na Província Parnaíba, Brasil
Palavras-chave em português
Campo de paleotensões
Deformação sinsedimentar
Lineamento Transbrasiliano
Província Parnaíba
Sismitos
Tectônica intraplaca
Resumo em português
O Lineamento Transbrasiliano é uma das principais estruturas da Plataforma Sul-Americana, estendendose em território brasileiro por cerca de 2700km. Desde sua instalação, no Neoproterozóico, o lineamento sofreu diversas reativações, e evidências geofísicas mostram que este se constitui numa importante descontinuidade litosférica. O Lineamento Transbrasiliano e outras estruturas do embasamento exerceram grande influência na instalação e história deposicional das bacias sedimentares da Província Parnaíba. Zonas de fraqueza litosférica importantes, como o Lineamento Transbrasiliano, tendem a concentrar esforços remotos gerados na borda das placas, e dessa forma a ser foco de atividade tectônica e sismicidade intraplaca. Sismos intraplaca, embora pouco comuns, podem atingir magnitudes consideráveis e afetar grandes áreas, como o atestam os sismos ocorridos no início do século XIX em New Madrid, EUA. Tectônica e sismicidade intraplaca podem gerar diversos tipos de registro em bacias intracratônicas. Entre eles, se destacam os sismitos: estruturas de liquidificação produzidas em sedimentos inconsolidados submetidos a choque sísmico. Sismitos são ferramentas particularmente úteis para a reconstrução da história tectônica de bacias sedimentares; no entanto, sua caracterização e interpretação podem ser problemáticas, visto que processos não sísmicos podem induzir a formação de estruturas similares às produzidas por terremotos. Foram identificados horizontes com estruturas de deformação sinsedimentares em cinco unidades litoestratigráficas na área estudada, no sudoeste da Província Parnaíba: as formações Pimenteiras, Cabeças, Longá e Piauí (Bacia do Parnaíba) e o Grupo Areado (Bacia do Espigão-Mestre). Foi aplicada a estas feições uma metodologia para a caracterização de estruturas de deformação sinsedimentar geradas por abalos sísmicos, desenvolvida a partir de uma ampla revisão da literatura sobre o tema. A partir de sua caracterização como possíveis sismitos, as estruturas foram analisadas, visando determinar intervalos de atividade tectônica sinsedimentar, possíveis campos de paleotensões à época de sua formação e que estruturas do embasamento foram reativadas. Os resultados obtidos, embora ainda preliminares, sugerem atividade tectônica sinsedimentar em quatro episódios: no Neodevoniano (formações Pimenteiras e Cabeças), com o esforço horizontal máximo ('Sh IND.máx') do campo de paleotensões associado orientado segundo N-S; no Neodevoniano - Eocarbonífero (Formação Longá), com 'Sh IND.máx' orientado segundo N60-65E; no Neocarbonífero (Formação Piauí), com 'Sh IND.máx' orientado segundo N40E; e no Eocretáceo (Grupo Areado). Reativações do Lineamento Transbrasiliano parecem ser responsáveis pela atividade tectônica sinsedimentar, embora os lineamentos de Senador Pompeu e do Rio das Balsas possam ter sido responsáveis por parte desta atividade.
Título em inglês
Intraplate tectonics and earthquake-induced soft-sediment deformation: the Transbrasiliano Lineament and related structures in Parnaíba Province, Brazil
Palavras-chave em inglês
A Paleostress field
Intraplate tectonics
Parnaíba Province
Seismites
Soft-sediment deformation
Transbrasiliano Lineament
Resumo em inglês
The Transbrasiliano Lineament is one of the main structures in the South American Platform, with a lenght of ca. 2700km in brazilian territory. Since its formation, in the Neoproterozoic, the lineament was reactivated several times, and geophysical evidence shows that it is a major lithospheric discontinuity. The Transbrasiliano Lineament and other basement structures played a major role on the formation and depositional history of the sedimentary basins of the Parnaíba Province. Major zones of lithospheric weakness, such as the Transbrasiliano Lineament, may concentrate remote stresses originated on the edges of tectonic plates, and so may be focus of intraplate tectonics and seismicity. Intraplate earthquakes, although uncommon, can reach large magnitudes and affect large areas, as shown by the New Madrid (USA) earthquakes, in the beginning of the XIXth century. Intraplate tectonics and seismicity may leave several types of records in intracratonic basins. Of great significance among them are seismites: liquidization structures produced in soft-sediments under seismical shock. Seismites are particularly useful in the reconstruction of the tectonic history of sedimentary basins. However, identifying and interpreting seismites can be troublesome, since non-seismical processes can generate structures similar to those produced by earthquakes. Horizons with soft-sediment deformation structures were identified in five lithostratigraphic units in the study area, on the southwest of Parnaíba Province: the Pimenteiras, Cabeças, Longá and Piauí formations (Parnaíba Basin) and the Areado Group (Espigão-Mestre Basin). A methodology for distinguishing soft-sediment deformation structures generated by seismical shock was developed from a review of the literature concerning seismites, and applied to the described strutures. Structures interpreted as seismites were analised in order to identify intervals of sinsedimentary tectonic activity, possible paleostress fields at the time of their formation and which basement strutures were reactivated. The results obtained, although still preliminary, suggests four intervals of sinsedimentary tectonic activity: during the Neodevonian (Cabeças and Pimenteiras formations), with maximum horizontal stress ('Sh IND.max' ) of the associated paleostress field oriented N-S; Neodevonian-Eocarboniferous (Longá Formation), with an N60-65Eoriented 'Sh IND.max' ; Neocarboniferous (Piauí Formation), with an N40E-oriented 'Sh IND.max'; and on Eocretaceous (Areado Group). Transbrasiliano Lineament reactivations seem to be responsible for the sinsedimentary tectonic activity, although the Senadour Pompeu and Rio das Balsas lineaments may also have played some role on these deformations.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
MACC.pdf (12.73 Mbytes)
Data de Publicação
2011-08-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.