• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.45.2006.tde-20210729-145008
Documento
Autor
Nome completo
Angela Cristina Bonini dos Santos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Título em português
Sistemas de numeração: um problema didático
Palavras-chave em português
Educação
Sistemas De Numeração
Resumo em português
Aborda o problema pedagógico referente ao ensino/aprendizagem de sistemas de numeração, dada a importância desse assunto e a dificuldade com que vem sendo tratado no ensino fundamental. Considerando a amplitude do tema, procurou-se estabelecer uma perspectiva para o problema, que abarcasse as razões históricas favorecedoras da consolidação do sistema de numeração hindo-arábico, a inevitabilidade de tal processo, bem como uma análise comparativa das vantagens e desvantagens dos diversos sistemas de numeração, abordagem essa construída a serviço das atividades didáticas realizadas, cujos resultados são apresentados ao final da dissertação. Com o intuito de dar subsídios teóricos à leitura de sistemas de numeração mencionados anteriormente, fez-se uso de pressupostos teóricos de Gaston Bachelard no que se refere principalmente ao conceito de obstáculo epistemiológico, bem como de abordagens sobre tal conceito estabelecidas por autores posteriores, fazendo com que a pesquisa utilizasse história e epistemologia da matemática para fins pedagógicos. Ao final, são apresentados exemplos de oficinas temáticas abordadas sob uma perspectiva histórico-epistemológica que, por meio da análise estrutural de diversos sistemas de numeração sob uma ótica bachelardiana, procuraram não somente dar consciência do processo histórico que levou à prevalência do atual sistema de numeração hindo-arábico, mas ainda discutir e problematizar as trajetórias dese processo em diferentes culturas, com o intuito de propiciar a formação de um significado mais amplo para sistemas de numeração. Fazendo uso ainda das concepções epistemológicas de Bachelard, procurou-se em seguida analisar os resultados obtidos nas oficinas mencionadas.
Título em inglês
not available
Resumo em inglês
not available
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-07-29
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.