• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.45.2008.tde-11062008-161212
Documento
Autor
Nome completo
Manoel Fernando Alonso Gadi
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Lago, Alair Pereira do (Presidente)
Silva, Leandro Nunes de Castro
Zuben, Fernando José von
Título em português
Uma comparação de métodos de classificação aplicados à detecção de fraude em cartões de crédito
Palavras-chave em português
classificação aprendizagem de máquina prevenção à fraude detecção carão de crádito
Resumo em português
Em anos recentes, muitos algoritmos bio-inspirados têm surgido para resolver problemas de classificação. Em confirmação a isso, a revista Nature, em 2002, publicou um artigo que já apontava para o ano de 2003 o uso comercial de Sistemas Imunológicos Artificiais para detecção de fraude em instituições financeiras por uma empresa britânica. Apesar disso, não observamos, a luz de nosso conhecimento, nenhuma publicação científica com resultados promissores desde então. Nosso trabalho tratou de aplicar Sistemas Imunológicos Artificiais (AIS) para detecção de fraude em cartões de crédito. Comparamos AIS com os métodos de Árvore de Decisão (DT), Redes Neurais (NN), Redes Bayesianas (BN) e Naive Bayes (NB). Para uma comparação mais justa entre os métodos, busca exaustiva e algoritmo genético (GA) foram utilizados para selecionar um conjunto paramétrico otimizado, no sentido de minimizar o custo de fraude na base de dados de cartões de crédito cedida por um emissor de cartões de crédito brasileiro. Em adição à essa otimização, fizemos também uma análise e busca por parâmetros mais robustos via multi-resolução, estes parâmetros são apresentados neste trabalho. Especificidades de bases de fraude como desbalanceamento de dados e o diferente custo entre falso positivo e negativo foram levadas em conta. Todas as execuções foram realizadas no Weka, um software público e Open Source, e sempre foram utilizadas bases de teste para validação dos classificadores. Os resultados obtidos são consistentes com Maes et al. que mostra que BN são melhores que NN e, embora NN seja um dos métodos mais utilizados hoje, para nossa base de dados e nossas implementações, encontra-se entre os piores métodos. Apesar do resultado pobre usando parâmetros default, AIS obteve o melhor resultado com os parâmetros otimizados pelo GA, o que levou DT e AIS a apresentarem os melhores e mais robustos resultados entre todos os métodos testados.
Título em inglês
A comparison of classification methods applied to credit card fraud detection
Palavras-chave em inglês
machine learning artificial immune system neural network bayesian network naïve bayes decision tree
Resumo em inglês
In 2002, January the 31st, the famous journal Nature, with a strong impact in the scientific environment, published some news about immune based systems. Among the different considered applications, we can find detection of fraudulent financial transactions. One can find there the possibility of a commercial use of such system as close as 2003, in a British company. In spite of that, we do not know of any scientific publication that uses Artificial Immune Systems in financial fraud detection. This work reports results very satisfactory on the application of Artificial Immune Systems (AIS) to credit card fraud detection. In fact, scientific financial fraud detection publications are quite rare, as point out Phua et al. [PLSG05], in particular for credit card transactions. Phua et al. points out the fact that no public database of financial fraud transactions is available for public tests as the main cause of such a small number of publications. Two of the most important publications in this subject that report results about their implementations are the prized Maes (2000), that compares Neural Networks and Bayesian Networks in credit card fraud detection, with a favored result for Bayesian Networks and Stolfo et al. (1997), that proposed the method AdaCost. This thesis joins both these works and publishes results in credit card fraud detection. Moreover, in spite the non availability of Maes data and implementations, we reproduce the results of their and amplify the set of comparisons in such a way to compare the methods Neural Networks, Bayesian Networks, and also Artificial Immune Systems, Decision Trees, and even the simple Naïve Bayes. We reproduce in certain way the results of Stolfo et al. (1997) when we verify that the usage of a cost sensitive meta-heuristics, in fact generalized from the generalization done from the AdaBoost to the AdaCost, applied to several tested methods substantially improves it performance for all methods, but Naive Bayes. Our analysis took into account the skewed nature of the dataset, as well as the need of a parametric adjustment, sometimes through the usage of genetic algorithms, in order to obtain the best results from each compared method.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-08-12
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.