• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.47.2009.tde-19022010-141347
Documento
Autor
Nome completo
Heloisa Cursi Campos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2009
Orientador
Banca examinadora
Debert, Paula (Presidente)
Benvenuti, Marcelo Frota
Tomanari, Gerson Aparecido Yukio
Título em português
Procedimento go/no-go com estímulos compostos e relações emergentes em pombos
Palavras-chave em português
Equivalência de estímulos
Estímulos compostos
Pombos
Procedimento go/no-go
Simetria
Resumo em português
A emergência de relações não diretamente treinadas e a formação de classes de estímulos equivalentes têm sido demonstradas após treinos com o procedimento matching-to-sample em humanos. Entretanto, estudos com não-humanos têm encontrado dificuldade em demonstrálas. Estudos que utilizaram procedimentos alternativos ao matching-to-sample com pombos sugerem a emergência de relações de dentidade e simetria a partir do procedimento go/no-go. O presente estudo pretendeu avaliar se o procedimento go/no-go com estímulos compostos produziria relações emergentes de simetria, transitividade e equivalência, que atestam a formação de classes de equivalência, utilizando pombos como sujeitos. Três pombos passaram por um treino (AB e BC) de discriminação sucessiva, no qual responder aos compostos A1B1, A2B2, B1C1 e B2C2 foi consequenciado com alimento em VI60 e responder aos compostos A1B2, A2B1, B1C2 e B2C1 não foi seguido de consequência programada. Os testes envolveram compostos formados pelas recombinações dos elementos dos compostos de treino: BA e CB (simetria), AC (transitividade) e CA (equivalência). Todos os pombos apresentaram desempenhos indicativos de emergência de simetria, mas não de transitividade e equivalência. Esses resultados sugerem que testes de simetria com o procedimento go/no-go com estímulos compostos podem avaliar repertórios diferentes dos testes de simetria com o procedimento matching-to-sample, uma vez que no caso desse último procedimento a literatura indica maiores dificuldades de se estabelecer simetria do que transitividade. Outra possibilidade é que o procedimento go/no-go com estímulos compostos seria mais eficaz para testar emergência de simetria. Futuros estudos poderão investigar quais parâmetros do procedimento go/no-go com estímulos compostos poderiam favorecer a emergência também das relações de transitividade e equivalência.
Título em inglês
Go/no-go procedure with compound stimuli and emergent relations in the pigeon
Palavras-chave em inglês
Compound stimuli
Go/no-go procedure
Pigeons
Stimulus equivalence
Symetry
Resumo em inglês
Emergence of not directly trained relations and formation of stimulus equivalence classes have been shown using matching-to-sample procedure in humans. However, studies found difficulties to demonstrate these relations in nonhumans. Studies with alternative procedures suggest the emergence of identity and symmetry relations with the go/no-go procedure in pigeons. The present study aimed to evaluate if the go/no-go procedure with compound stimuli would produce symmetry, transitivity and equivalence relations with pigeons as subjects. Three pigeons were submitted to a successive discrimination training in which responding in the presence of the compounds A1B1, A2B2, B1C1 and B2C2 was followed by food and responding to A1B2, A2B1, B1C2 and B2C1 was not followed by programmed consequence. During tests, the compounds were formed by recombination of the elements of training compounds: BA and CB (symmetry), AC (transitivity) and CA (equivalence). All pigeons showed emergence of symmetry, but not transitivity and equivalence. These results suggest that symmetry tests with go/no-go procedure with compound stimuli would evaluate different repertories than the symmetry tests with matching-to-sample procedure because studies with matching-to-sample procedure indicate difficulties in establishing symmetry but not to establish transitivity. Another possibility is that the go/no-go procedure with compound stimuli would be more efficient to test emergence of symmetry. Future studies could investigate which parameters in a go/no-go procedure with compound stimuli would favor the emergence of transitivity and equivalence relations.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2010-02-26
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • CAMPOS, Heloisa, et al. Relational discrimination by pigeons in a go/no-go procedure with compound stimuli : A methodological note. Journal of the Experimental Analysis of Behavior, 2011, vol. 96, n. 3, p. 417-423.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.