• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.47.2017.tde-20032017-124933
Documento
Autor
Nombre completo
Guilherme Borges Valente
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2016
Director
Tribunal
Rodrigues, Avelino Luiz (Presidente)
Ambrogini Junior, Orlando
Dantas, Martha Serodio
Motta, Ivonise Fernandes da
Yamamoto, Kayoko
Título en portugués
Repercussões da intervenção psicológica em pacientes com Síndrome do Intestino Irritável
Palabras clave en portugués
Capacidade de simbolização
Medicina psicossomática
Psicoterapia breve operacionalizada
Síndrome do intestino irritável
Transtorno somatoforme
Resumen en portugués
Na Psicossomática, dentro do modelo biopsicossocial, entende-se que respostas psicológicas a condições de vida podem interagir com fatores somáticos existentes, alterando a susceptibilidade e manifestação da doença, o que se mostra evidente nas somatizações, como na Síndrome do Intestino Irritável (SII), onde há alteração da motilidade intestinal e no formato das fezes, acompanhada de dores abdominais. O funcionamento mental associado às somatizações, no qual a pessoa apresenta dificuldade em relacionar o adoecimento com seu universo psicológico, é que a capacidade de simbolização, ou seja, a construção de representações mentais para o alívio do estado emocional, é afetada, cronificando as alterações fisiológicas correspondentes. O objetivo da pesquisa foi verificar se o atendimento clínico psicológico, baseado na técnica da Psicoterapia Breve Operacionalizada (PBO), com ênfase na promoção da capacidade de simbolização em relação a determinadas questões significativas, pode contribuir para a melhora dos sintomas no quadro clínico de pacientes com SII. O método utilizado na pesquisa foi o clínico-qualitativo, a partir do estudo de caso de duas pacientes adultas, com o diagnóstico principal de transtorno neurovegetativo somatoforme, portadoras de SII. A intervenção psicológica foi estruturada em três fases: 1) psicodiagnóstico, composto por entrevista semi-dirigida, Sistema Diagnóstico Adaptativo Operacionalizado (SISDAO) e Teste de Apercepção Temática (TAT), questionário de avaliação clínica da SII; 2) psicoterapia breve, em doze sessões; 3) reavaliação após seis meses. A capacidade de simbolização da primeira participante era comprometida fundamentalmente relacionada à sua dificuldade em lidar com a perda da mãe quando criança, num luto não elaborado. Apresentava dores abdominais forte, a cada dois ou três dias, evacuando uma vez ao dia e quando em crise, duas ou três vezes por dia. A segunda participante apresentou uma capacidade de simbolização que passava a ser comprometida quando o conflito entre o desejo de ser aceita por sua família, em especial sua mãe, e o de rompimento tornava-se insuportável. Apresentava dores moderada, a cada cinco dias, evacuando quatro vezes ao dia e, quando em crise, seis vezes ao dia. A intervenção clinico psicológica em pacientes com SII, baseada na técnica da PBO, com elaboração da demanda psicológica e das questões significativas que comprometiam a capacidade de simbolização, possibilitou a elaboração psicológica dos estados emocionais que estariam influenciando os sintomas da SII, de forma que contribuiu para a melhora do quadro clínico das participantes. Após seis meses da psicoterapia, a primeira participante apresentou dores fracas a cada cinco dias, frequência única de evacuação por dia, não apresentou crises. A segunda participante estava evacuando uma a duas vezes por dia, dores fracas a cada cinco dias e crises ocorriam em menor frequência. O modelo de intervenção mostrou-se vantajoso para as participantes da pesquisa, de forma que seu uso no tratamento clinico psicológica para pacientes com SII, levando em consideração as especificidades do funcionamento mental associado às somatizações, apresenta-se promissor
Título en inglés
Repercussions of psychological intervention on patients with irritable bowel syndrome
Palabras clave en inglés
Capacity for symbolization
Irritable bowel syndrome
Operationalized brief psychotherapy
Psychosomatic medicine
Somatoform dysfunction
Resumen en inglés
In Psychosomatics, within the biopsychosocial model, it is understood that psychological responses to living conditions may interact with existing somatic factors, altering the susceptibility and manifestations of diseases, which is evidenced in somatizations, such as the case of Irritable Bowel Syndrome (IBS), where there is altered intestinal motility and stool format, accompanied by abdominal pain. The mental functioning associated with somatizations, in which a person presents difficulties in associating the illness to their psychological universe, that is, the capacity of symbolization, i.e. the construction of mental representations for the relief of the emotional state is affected, cronifying the physiological changes. The research objective was to determine whether psychological clinical care, based on the technique of Operationalized Brief Psychotherapy (OBP), with emphasises on promoting symbolization capacity regarding certain significant issues, can contribute to the improvement of symptoms in clinical condition of patients with IBS. The method used in the study was the clinical-qualitative, from the case study of two female adult patients with primary diagnosis of somatoform autonomic disorder, suffering from IBS. Psychological intervention was structured in three phases: 1) psychodiagnosis, composed of semi-directed interview, Operationalized Adaptive Diagnostic System (OADS) and Thematic Apperception Test (TAT), questionnaire of clinical evaluation of IBS; 2) brief psychotherapy split in twelve sessions; 3) re-evaluation after six months. The symbolization capacity of the first participant was compromised primarily because of her difficulty dealing with the loss of her mother when a child, in a non-elaborated mourning. The patient presented strong abdominal pains, every two or three days, evacuating once a day and when in crisis, two or three times a day. The second participant presented a symbolization capacity that began to be compromised when the conflict between the desire to be accepted by her family, especially her mother, and the disruption became unbearable. She felt moderate pain, every five days, evacuating four times a day, and when in crisis, six times a day. Psychological clinical intervention in patients with IBS, based on the technique of OADS, with development of psychological demand and significant issues that compromised the capacity of symbolization, allowed the psychological development of emotional states that would influence the symptoms of IBS, so it contributed to the improvement of the clinical condition of the participants. After six months of psychotherapy, the first participant presented weak pains every five days, single daily stool frequency, no crisis. The second participant was evacuating once or twice a day, felt weak pains every five days and crisis occurred less frequently. The intervention model was advantageous to the participants, so that its use in clinical psychological treatment for IBS patients presents promising, taking into account the specifics of mental functioning associated with somatization
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
valente_do.pdf (2.44 Mbytes)
Fecha de Publicación
2017-04-18
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2019. Todos los derechos reservados.