• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.47.2016.tde-22022016-150104
Documento
Autor
Nome completo
Diana Bomeny Espallargas
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Rodrigues, Elisa Maria Parahyba Campos (Presidente)
Gimenes, Maria da Glória Gonçalves
Moretto, Maria Livia Tourinho
Título em português
A mulher e o câncer: a vida após diagnóstico e tratamento oncológico
Palavras-chave em português
Aspectos psicológicos
Donald Woods Winnicott (1896-1971)
Neoplasias mamárias
Psico-oncologia
Remissão oncológica
Resumo em português
O câncer de mama é uma das doenças mais temidas pelas mulheres, por não afetar apenas o corpo anatômico, mas também os aspectos psicossociais da paciente. Na atualidade, é considerada uma enfermidade crônica. Existe um grande número de pessoas que convivem com o câncer, seja em tratamento, seja em remissão ou com controle de sintomas. Esse panorama exige da Psicologia uma atuação mais eficiente, específica, interessada em compreender o que leva os pacientes a maiores dificuldades diante das diferentes etapas do tratamento. Considerada a inexistência de uma teoria própria para a Psico-Oncologia, na análise desta pesquisa, é utilizada a proposta teórica de Donald Woods Winnicott, para auxiliar na compreensão e interpretação dos relatos de mulheres que convivem com a doença oncológica. Esta pesquisa propõe-se a investigar as repercussões psicológicas de pacientes em primeira remissão de câncer de mama. O interesse por este estudo surge a partir da prática como psicóloga, na especialidade de Mastologia. Diversas pacientes são encaminhadas para o ambulatório de Psicologia, com impactos psicológicos que perduram além da presença da doença. O estudo é do tipo transversal descritivo, com método misto. A amostra é composta por oito pacientes que realizam tratamento oncológico na Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo. O procedimento para a coleta de dados consistiu na aplicação de uma ficha sociodemográfica e na realização de uma entrevista semidirigida, na Escala Hospitalar de Ansiedade e Depressão (HAD) e na Escala de Desesperança Beck (BHS). Este trabalho conclui que o término de um período de tratamento não coincide com o fim das preocupações com a doença. E, ainda que pese a relevância da Psico-Oncologia para o bem-estar dos pacientes com câncer, esta pesquisa considera necessária uma fundamentação teórica, que permita contextualizar o indivíduo e promova o conhecimento de sua totalidade, além das repercussões esperadas no adoecimento oncológico. Observa-se a importância da avaliação psicológica para compreender como essa paciente vivencia o câncer de mama, a partir de sua experiência e vida anterior. Este estudo pretende avançar nos temas da Psico-Oncologia e fornecer subsídios para profissionais da área da Saúde que tratam pacientes com câncer de mama
Título em inglês
The woman and the cancer: life after oncologic diagnosis and treatment
Palavras-chave em inglês
Breast cancer
Donald Woods Winnicott (1896-1971)
Oncologic remission
Psycho-Oncology
Psychological aspects
Resumo em inglês
Breast cancer is one of the most feared diseases by women, because it affects not only the body anatomy but also the psychosocial aspects of the patient. At present, it is considered a chronic illness. There are a large number of people living with cancer, either in treatment, either in remission or in symptoms control. This scenario requires from Psychology a more efficient and specific approach, more interested in understanding what leads patients to greater difficulties on the different stages of treatment. Given the lack of a specific theory for Psycho-Oncology, the analysis of this research uses the theoretical proposal of Donald Woods Winnicott to assist in the understanding and interpretation of reports of women living with cancer. This research intends to investigate the psychological repercussions of patients in first remission of breast cancer. The interest behind this study arises from the practice as psychologist in the Mastology specialty. Several patients are sent to the Psychology clinic, with psychological impacts that endure beyond the presence of the disease. This is a cross-sectional descriptive study, with mixed methods approach. The sample consists of eight patients undergoing cancer treatment in Irmandade da Santa Casa de Misericórdia of São Paulo. The procedure for data collection consisted of the application of a socio-demographic form and the conduction of a semi-directed interview, following the Hospital Anxiety and Depression (HAD) Scale and the Beck Hopelessness Scale (BDS). This paper concludes that the end of a treatment period does not coincide with the end of the concerns with the disease. And, despite the relevance of Psycho-Oncology for the well-being of cancer patients, this research considers necessary a theoretical foundation that contextualizes the individual and promotes the understanding of her entirety, in addition to the expected consequences of the oncologic illness. It is noted the importance of a psychological assessment to understand how this patient experiences breast cancer, based on her past experience. This study aims to advance Psycho-Oncology themes and provide valuable input to Health professionals who treat patients with breast cancer
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
espallargas_me.pdf (1.45 Mbytes)
Data de Publicação
2016-03-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.