• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.47.2011.tde-19072011-085923
Documento
Autor
Nome completo
Viviane Freire Bueno
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Valle, Luiz Eduardo Ribeiro do (Presidente)
Alouche, Sandra Regina
Claessens, Peter Maurice Erna
Helene, André Frazão
Xavier, Gilberto Fernando
Título em português
Influência da atenção temporal em tarefas de discriminação visual e auditiva
Palavras-chave em português
Atenção
Localização dos estímulos
Percepção auditiva
Percepção de forma e contorno
Percepção de tempo
Tempo de reação
Resumo em português
A ocorrência repetida de um estímulo sensorial precedendo o estímulo alvo geralmente reduz o tempo de reação (TR). Este efeito tem sido atribuído à atenção temporal mobilizada pelo estímulo precedente que facilitaria a resposta no momento em que o estímulo alvo fosse esperado. Examinamos a atuação da estimulação precedente em tarefas de TR de discriminação sensorial. Em um primeiro experimento testamos noventa e seis adultos jovens de ambos os sexos. Metade dos participantes realizou uma tarefa de TR que exigia a localização (esquerda ou direita) dos estímulos alvos visuais ou auditivos. A outra metade dos participantes realizou uma tarefa de TR que exigia a identificação da forma, no caso de estímulos visuais, e da seqüência de tons, no caso de estímulos auditivos. O estímulo alvo visual podia ser um círculo ou uma elipse. O estímulo alvo auditivo podia ser uma seqüência ascendente constituída por um tom de 1000 Hz seguido por um tom de 3000 Hz ou uma seqüência descendente formada por um tom de 3000 Hz seguido por um tom de 1000 Hz. A resposta consistiu em pressionar uma tecla com a mão esquerda ou a direita dependendo do estímulo alvo o mais rápido possível. O estímulo alvo podia ser precedido pelo piscar de um retângulo com as dimensões da tela do monitor de vídeo ou por um tom de 300 Hz e 57 dB. A assincronia entre o início dos dois estímulos (AIE) podia ser de 50, 100, 200, 400, 800 ou 1600 ms, em blocos de tentativas separados. Nas tarefas de localização, o estímulo precedente visual produziu efeito facilitador na AIE de 400 ms quando o estímulo alvo era visual. O estímulo precedente auditivo produziu efeito facilitador nas AIE de 50, 100, 200, 400, 800 e de 1600 ms quando o estímulo alvo era visual e nas AIE de 400, 800 e 1600 ms quando o estímulo alvo era auditivo. Nas tarefas de identificação, o estímulo precedente auditivo produziu efeito facilitador nas AIE de 200 e 400 ms quando o estímulo alvo era visual e nas AIE de 400, 800 e 1600 ms quando o estímulo alvo era auditivo. Em um segundo experimento, equilibramos o nível de dificuldade das tarefas de discriminação visual com estimulação precedente auditiva. Doze participantes realizaram uma tarefa de TR que exigia a localização do estímulo (acima e abaixo do ponto de fixação, tanto à esquerda como à direita). Outros doze participantes realizaram uma tarefa de TR que exigia a identificação da forma para a escolha da mão de resposta. Na tarefa de localização, o estímulo precedente auditivo produziu um efeito facilitador que não diferiu entre as AIE. Na tarefa de identificação, o estímulo precedente auditivo produziu efeito facilitador na AIE de 400 ms. A mobilização da atenção temporal e sua atuação ao longo do tempo dependem do tipo de tarefa realizada e da natureza do estímulo precedente e do estímulo alvo. Estímulos auditivos mobilizam mais intensamente a atenção temporal do que estímulos visuais
Título em inglês
Influence of temporal attention in auditory and visual discrimination tasks
Palavras-chave em inglês
Attention
Auditory perception
Form and shape perception
Reaction time
Stimulus location
Time perception
Resumo em inglês
The repeated occurrence of a prime stimulus preceding a target stimulus reduces a reaction time (RT). This effect has been usually attributed to the temporal attention mobilized by the prime stimulus which would facilitate the response at the moment that the target stimulus is expected. We systematically examined the influence of temporal attention on RT in sensory discrimination tasks. In one experiment we tested ninety-six young adults of both sexes. Half of the participants carried out a task which required the identification of the location of appearance of target auditory or visual stimuli (left or right). The other half of the participants carried out a task which required the identification of the shape, in the case of visual stimuli, and tones sequence, in the case of auditory stimuli. The visual target stimulus could be a circle or an ellipse. The auditory target stimulus could be an ascending sequence formed by a 1000 Hz tone followed by a 3000 Hz tone or a descending sequence formed by a 3000 Hz tone followed by a 1000 Hz tone. The response was a key press, which should be performed as fast as possible. The target stimulus could be preceded by the flashing of the border of the screen or by a 57 dB 300 Hz tone. The stimulus onset asynchronies (SOA) could be 50, 100, 200, 400, 800 or 1600 ms, in separated blocks of trials. In the identification tasks location, the visual prime stimulus produced facilitatory effect for SOA of 400 ms when the target stimulus was visual. The auditory prime stimulus produced a facilitatory effect for SOA of 50, 100, 200, 400, 800, and of 1600 ms when the target stimulus was visual and for SOA of 400, 800, and 1600 ms when the target stimulus was auditory. In the tasks of object identification, the auditory prime stimulus produced a facilitatory effect for SOA of 200 and 400 ms when the target stimulus was visual and for SOA of 400, 800 and 1600 ms when the target stimulus was auditory. In another experiment, we balanced the level of difficult of the visual discrimination tasks. We tested only the auditory prime stimulus. Twelve participants carried out a task which required the identification of the location of the target stimulus (upper and lower visual hemifield on left or right of the fixation point). Another twelve participants carried out a task which required the identification of the shape of the target stimulus. In the task of location identification, the auditory prime stimulus produced a facilitatory effect independent of the SOA. In the task of shape identification, the auditory prime stimulus produced a facilitatory effect for SOA of 400 ms. The mobilization of temporal attention and the time course depend on the type of task being performed and the nature of the prime and the target stimulus. Auditory prime stimuli mobilize temporal attention more intensely than visual prime stimulus
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
bueno_do.pdf (4.93 Mbytes)
Data de Publicação
2011-09-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.