• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.48.2010.tde-02032010-091909
Documento
Autor
Nome completo
Marcia Borin da Cunha
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2009
Orientador
Banca examinadora
Giordan, Marcelo (Presidente)
Almeida, Maria José Pereira Monteiro de
Arroio, Agnaldo
Marandino, Martha
Queiroz, Salete Linhares
Título em português
A percepção de Ciência e Tecnologia dos estudantes de ensino médio e a divulgação científica
Palavras-chave em português
divulgação científica
ensino de Ciências
percepção da Ciência e da Tecnologia
teoria sociocultural
Resumo em português
O presente trabalho trata da percepção da Ciência e da Tecnologia dos estudantes de Ensino Médio de uma Escola Pública da cidade de São Paulo/Brasil e das relações destas percepções com a divulgação da Ciência. Como suporte teórico principal para esta pesquisa utilizou-se a Teoria Sociocultural de Vigotski e os estudos de Bakhtin sobre análise do discurso. A intenção principal deste trabalho foi discutir os aspectos que envolvem a Educação Formal e a Mídia, considerando que o indivíduo convive em um contexto sociocultural e, por meio de interações constantes construí significados. As significações atribuídas pelos indivíduos acontecerão tanto ao nível das percepções quanto ao nível da formação dos conceitos e, neste sentido, esta pesquisa traz não apenas algumas percepções de Ciência e Tecnologia que os estudantes apresentam, mas também contribui no sentido de entender como estes estudantes interagem com tais percepções e com as publicações em jornais e revistas que divulgam a Ciência e a Tecnologia. A metodologia de pesquisa utilizada baseou-se no paradigma interpretativo, o qual pressupõe que o mundo real vivido é uma construção dos atores sociais na busca de significados. A partir deste paradigma construímos uma fonte de dados por meio de duas abordagens de pesquisa: a abordagem quantitativa e a abordagem qualitativa. Para coleta dos dados utilizaram-se as técnicas de entrevistas estruturadas, entrevistas semiestruturadas, questionário sociocultural e registro das atividades em sala de aula. Esta ampla coleta resultou em uma vasta fonte de dados que, após analisadas, nos levaram a traçar alguns indicativos para pensar numa intervenção na sala de aula considerando as percepções de Ciência e Tecnologia dos estudantes e a influência destas nos processos de significação. Além disso, os resultados nos levam a concluir que existe uma necessidade real de uma leitura crítica da divulgação científica por parte dos estudantes e esta leitura pode e deve ser realizada por meio de interações com textos de divulgação científica nas aulas de Ciências.
Título em inglês
The perception of Science and Technology by secondary students and the divulgation of Science.
Palavras-chave em inglês
divulgation of Science
perception of Science and Technology
socio-cultural theory
teaching of Science
Resumo em inglês
This thesis deals with the perception that secondary students in a public school in São Paulo, Brazil, have of Science and Technology, and with the relationship of such perception with the divulgation of Science. The main theoretical support for the research employed Vigotskis Socio-cultural Theory, and Bakhtins studies on discourse analysis. The main purpose of the thesis is the discussion of the aspects that involve Formal Education and the media, considering that man lives within a socio-cultural context and by means of constant interactions, builds meanings. The meanings attributed by man take place both at the level of perceptions as well as at the level of the formation of concepts, and in this sense, this research not only deals with some perceptions of Science and Technology that students have, but also contributes in understanding how such students interact with such perceptions and the newspapers and magazine publications that promote Science and Technology. The research methodology utilized was based on the interpretative paradigm, which presupposes that the real world is a construction by the social actors in the search for meanings. Starting from this paradigm a source of data was built through two research approaches: the quantitative and qualitative approaches. Data was collected through the technique of structured and semi-structured interviews, sociocultural questionnaire, and recording of activities in the classroom. This broad collection of data resulted in abundant source of data which, after analysis, permitted the drawing of some guidelines for an intervention in the classroom taking into consideration the perceptions of Science and Technology of the students and the influence of such perceptions in the signification processes. In addition, the results lead to the conclusion that there is a real need for a critical reading of the promotion of Science by students, and that this reading may be carried out by means of interaction with scientific divulgation texts in Science classes.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2010-03-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.