• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Renata Flaiban Zanete
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2003
Orientador
Banca examinadora
Miranda, Hercilia Tavares de (Presidente)
Oliveira, Ulisses Ferraz de
Pupo, Maria Lúcia de Souza Barros
Título em português
Provocações na escola: performance e infância no centro das atenções
Palavras-chave em português
Arte-educação
Infância
Performance
Resumo em português
Uma performance inicialmente realizada em parques e praças da cidade de São Paulo foi levada ao espaço de uma escola pública desse mesmo município. Realizei uma série de provocações artísticas e educativas buscando apreender modos diversos de fruição e mediação de alunos e professores de 1º e 2º ciclos do ensino fundamental, durante os meses de março a setembro de 2001. Nesta pesquisa-participante desempenhei os papéis de artista, pesquisadora e educadora. A pesquisa de campo dividiu-se em três etapas, que foram esboçadas a priori e se configurando com mais clareza no desenvolvimento do trabalho, conforme as interações e ressonâncias que iam ocorrendo. As diferentes linguagens utilizadas gestual, escrita, visual, videográfica e corporal mostraram-se essenciais à captação dos sentidos atribuídos à performance, bem como à exploração de interações nem sempre presentes no território escolar. Possibilitaram ainda a vivência de processos criativos e de produção de sentidos pessoais e coletivos, a partir de provocações estético-artísticas e/ou educativas. A escola mostrou-se aberta para o desenvolvimento das atividades, disponibilizando espaço e tempo para o trabalho com alunos e professores. A iniciativa de levar um trabalho artístico para dentro de uma instituição educativa foi vista positivamente pelos profissionais da escola, principalmente depois de concluída a pesquisa. No desenvolvimento das propostas, no entanto, surgiram dificuldades como: a limitação do horário dos professores para reflexões mais aprofundadas, a grande quantidade de alunos em cada grupo, os equipamentos precários da escola, a falta de funcionários que pudessem auxiliar os professores, a resistência dos profissionais da escola para trabalhar com a liberdade do imaginário das crianças. As entrevistas realizadas com artistas e professores revelaram semelhanças e diferenças de concepções, formação e experiências que interferem nas atuações desses profissionais. A pesquisa aponta para a necessidade de maiores investimentos, parcerias e integração entre as políticas públicas de educação e cultura a fim de que professores e crianças tenham chances de aprofundar seus conhecimentos em arte, nas suas diferentes linguagens, bem como artistas possam refletir e contribuir com maior clareza sobre a função social da arte no mundo atual.
Título em inglês
Challenges at school: performance and childhood in the spotlight
Palavras-chave em inglês
Art education
Childhood
Performance
Resumo em inglês
A performance carried out in parks and public squares in São Paulo city was taken to a public school in São Paulo. My performances were both artistically and educationally provoking, aiming at a better understanding of how different teachers and students from 1st. to the 8th. grade enjoy and interact with art. These were performed from March to September 2001. In this sort of action research I played the roles of artist, researcher and teacher. The fieldwork consisted of three stages, which were previously planned though they took shape as the project developed according to the interactions and resonances that ensued. The different languages and media used video, visual, written word, gestores, and body language were crucial. They enabled the senses relating to performance to be absorbed and interactions not always present in school environments to be explored, apart from allowing creative processes to be experienced and both personal and collective feelings to be produced from aesthetic and/or educative provoking. The schools approach as regards the development of the activities was an open-minded one making time and space available to work with pupils and teachers. The idea of taking art to school was welcomed by the professionals, particularly after the research was complete. However, there were some difficulties as the proposals were developed, such as: limited amount of time available for teachers to participate in deeper reflections; large number of students in each group; out-of-date equipment at school; lack of employees who could assist the teachers; school professionals resistance to deal with the freedom of the childrens world. Interviews with artists and teachers revealed where their conception, formation, and experiences affecting their work alike and where they are different. The research shows greater investments, partnerships and integration between culture and public education policies are needed, so teachers and children have a chance to enrich their knowledge of art in all its different languages and so artists can reflect upon and contribute to a better understanding of the social role of art in todays world.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-08-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.