• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Thèse de Doctorat
DOI
10.11606/T.48.2011.tde-06122011-162826
Document
Auteur
Nom complet
Virgínia Talaveira Valentini Tristão
Adresse Mail
Unité de l'USP
Domain de Connaissance
Date de Soutenance
Editeur
São Paulo, 2011
Directeur
Jury
Jacobi, Pedro Roberto (Président)
Bacci, Denise de La Corte
Beduschi Filho, Luiz Carlos
Pontuschka, Nidia Nacib
Toledo, Renata Ferraz de
Titre en portugais
Educação ambiental não formal: a experiência das organizações do terceiro setor
Mots-clés en portugais
educação ambiental
educação não formal
ONGs
práticas educativas
tendências pedagógicas
terceiro setor
Resumé en portugais
A educação ambiental é um campo de conhecimento e de atividades pedagógicas constituído internacionalmente ao longo das últimas décadas, com o objetivo de compreender e oferecer respostas a um conjunto de problemas decorrentes das relações que envolvem a sociedade, a educação e o meio ambiente. Com rápido crescimento, a educação ambiental estendeu sua atuação para outras dimensões além da escola. A educação ambiental não formal praticada pelas organizações do terceiro setor apresenta-se como uma nova proposta pedagógica voltada para a mudança de hábitos, atitudes e práticas sociais que apontem uma solução para o quadro de degradação socioambiental que aflige o mundo contemporâneo. Esta trabalho é uma iniciativa de investigação no campo da educação ambiental não formal, procurando compreender sua constituição e dinâmica. Tem como objeto de estudo as práticas de educação ambiental não formal desenvolvidas pelas organizações não governamentais ONGs e problematiza a fundamentação epistemológica e pedagógica dessas práticas, refletindo sobre suas finalidades e condições de existência e funcionamento. Discute-se o papel pedagógico das ONGs em sua atuação como agentes detentores de know-how em metodologias, estratégias e programas de ação para o atendimento de demandas sociais que refletem a complexidade das relações socioambientais do tempo presente. Para consecução dos objetivos, foi realizado um levantamento da literatura da área e uma pesquisa empírica que aplicou duas metodologias: o estudo de caso e a pesquisa Delphi. Foi, também, elaborado um referencial analítico que permitiu a classificação dos processos educativos, a partir da sua orientação pedagógica. Os resultados apontam no sentido de uma crescente, embora ainda incipiente, consolidação das atividades de educação ambiental não formal desenvolvidas pelas organizações do terceiro setor.
Titre en anglais
NON-FORMAL ENVIRONMENTAL EDUCATION: the experience of third-sector organizations.
Mots-clés en anglais
educational practices
environmental education
NGOs
non-formal education
pedagogic trends
third-sector
Resumé en anglais
Environmental education is a field of knowledge and pedagogic activities constructed internationally during the past few decades with the objective of understanding education and the environment and offering answers to a set of current problems that involve relationships with society. Growing rapidly, environmental education has extended its activity to other dimensions beyond the school. Non-formal environmental education practiced by third-sector organizations is presented as a new pedagogic proposal focusing on change in habits, attitudes, and social practices that point toward a solution to the situation of socio-environmental degradation that affects the contemporary world. This thesis is an investigation into the field of non-formal environmental education, seeking to understand its structure and dynamic. The objects of study are the non-formal environmental educational practices developed by non-governmental organizations - NGOs and this work raises the issue of the epistemological and pedagogical structuring of these activities, reflecting on their results and existing conditions and functioning. The pedagogic roles of NGOs are discussed in their performance as agents possessing methodological know-how, strategies, and action plans to serve the social demands that reflect the complexity of present-day socio-environmental relations. In order to achieve these objectives, a review of the literature and empirical research, which applied two methods: case study and Delphi, were realized. Also elaborated is an analytical benchmark that permitted the classification of the educational processes from their pedagogic orientation. The results point to a growing, while still incipient, consolidation of non-formal environmental educational activities developed by third-sector organizations.
 
AVERTISSEMENT - Regarde ce document est soumise à votre acceptation des conditions d'utilisation suivantes:
Ce document est uniquement à des fins privées pour la recherche et l'enseignement. Reproduction à des fins commerciales est interdite. Cette droits couvrent l'ensemble des données sur ce document ainsi que son contenu. Toute utilisation ou de copie de ce document, en totalité ou en partie, doit inclure le nom de l'auteur.
Date de Publication
2012-01-16
 
AVERTISSEMENT: Apprenez ce que sont des œvres dérivées cliquant ici.
Tous droits de la thèse/dissertation appartiennent aux auteurs
Centro de Informática de São Carlos
Bibliothèque Numérique de Thèses et Mémoires de l'USP. Copyright © 2001-2021. Tous droits réservés.