• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.48.2014.tde-08122014-130944
Documento
Autor
Nome completo
Eliane Mingues
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Marandino, Martha (Presidente)
Roberto, Lúcia Helena Sasseron
Sousa, Guaracira Gouvea de
Título em português
"O museu vai à praia": análise de uma ação educativa à luz da alfabetização científica
Palavras-chave em português
Ação educativa O Museu Vai à Praia
Alfabetização científica
MAST - Museu de Astronomia e Ciências Afins
Resumo em português
Esta investigação caracteriza-se por ser estudo qualitativo que buscou compreender quais as características e as evidências da alfabetização científica presentes na ação educativa O Museu Vai à Praia, iniciativa desenvolvida pelo Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST) que leva atividades do museu para a praia durante o verão. Os dados deste estudo foram coletados durante o mês de março de 2013, no Rio de Janeiro e em três praias diferentes da cidade de Niterói, contemplando, além de entrevistas com os conceptores da ação educativa e com o público espontâneo, a observação da ação e a análise documental do projeto. A revisão da literatura referente à alfabetização científica e à educação em museus possibilitou o desenvolvimento de uma ferramenta de análise composta de dimensões e seus respectivos indicadores, usados para análise de dois importantes aspectos do O Museu Vai à Praia: as intenções do programa nos anos 1980 e em 2013 e a experiência do púbico na sua quinta edição. Os resultados revelam que, apesar de o projeto não ter sido elaborado na perspectiva da Alfabetização Científica (AC), ela contempla todas as dimensões propostas: Científica, Interface Ciência e Sociedade, Institucional e Afetiva, além da maioria dos indicadores de cada uma das dimensões. Mesmo nem todos os indicadores estando explicitados, consideramos que a presença reiterada de todas as dimensões denota que, desde sua origem, os objetivos da ação O Museu Vai à Praia dialogam com as finalidades da alfabetização científica. A ausência de alguns dos indicadores foi problematizada, assim como foram discutidas as mudanças nas ênfases de algumas dimensões ocorridas entre os anos 1980 e 2013, com a finalidade de promover uma análise crítica e uma reflexão sobre o papel da ação O Museu Vai à Praia na perspectiva da AC. Ao se defender que a AC é um processo que ocorre ao longo da vida, avaliamos que as ações educativas desenvolvidas pelos museus de ciências possuem grande potencial para sua promoção e que tais ações, se planejadas com base nas dimensões e nos indicadores propostos, podem se mostrar como um recurso fundamental para a maior compreensão da ciência e de sua relação com a sociedade.
Título em inglês
The museum goes to the beach": analysis of an educational action under the perspective of a scientific literacy
Palavras-chave em inglês
Dimensions and indicators of scientific literacy
MAST - Museu de Astronomia e Ciências Afins (Museum of Astronomy and Science)
Project the museum goes to the beach
Scientific literacy
Resumo em inglês
This investigation is a qualitative study that aims to understand the evidences and characteristics of scientific literacy present in the project "The Museum goes to the Beach", an initiative developed by MAST (Museum of Astronomy and Science), which takes museum activities to the beach during summer.Data was collected in March 2013 in Rio de Janeiro and in three different beaches of Niteroi. Besides interviews with the creators of the project and the spontaneous public, we conducted a documental analysis and an observation of activities. The literature review on scientific literacy and education in museums allowed the development of an analytical tool regarding dimensions and indicators of "the musem goes to the beach" that focus on two specific aspects: the intention of the project in the 1980s and in 2013 and the experience with the participants in its fifth edition.Results indicate that even though the project was not built under the perspective of scientific literacy, it involves all the proposed dimensions: scientific, science and society interface, institutional and affective, besides the majority of indicators in each of the dimensions.Even though not all indicators are explicit, we believe that the consistent presence of all the dimensions reinforce that, since its origin, the objectives of "the museum goes to the beach" dialogue with the goals of scientific literacy.The absence of some indicators was analyzed, such as the change in emphasis in some dimensions between the 1980s and 2013 was discussed, in the attempt to foster a critical analysis and reflection over the role of the activity "the museum goes to the beach", under the perspective of scientific literacy.Stating that scientific education is a process ongoing throughout life, it is evaluated that educational activities developed by science museums have great potential to its promotion. This kind of activities, if based on the proposed dimensions and indicators, can be a fundamental resource to a deeper understanding of science and its relation with society.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
ELIANE_MINGUES.pdf (16.59 Mbytes)
Data de Publicação
2014-12-12
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.