• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.48.2011.tde-10082011-141814
Documento
Autor
Nome completo
Ana Maria Klein
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Araujo, Valeria Amorim Arantes de (Presidente)
Colello, Silvia de Mattos Gasparian
Machado, Nilson Jose
Martins, Raul Aragão
Souza, Leonardo Lemos de
Título em português
Projetos de vida e escola: a percepção de estudantes do ensino médio sobre a contribuição das experiências escolares aos seus projetos de vida
Palavras-chave em português
adolescência e juventude
experiências escolares significativas
projetos de vida
projetos vitais
valores
Resumo em português
O presente estudo investiga a percepção dos(as) estudantes do Ensino Médio sobre a contribuição que as experiências escolares podem trazer aos seus projetos de vida. Tomamos por referência o conceito de projetos vitais formulado por Damon, adotando a perspectiva da psicologia positiva (Seligman & Csikszentmihalyi). Partimos da concepção de que projetos que orientam a vida das pessoas são elementos centrais à humanidade e podem contribuir tanto para a satisfação pessoal como para fins coletivos. Entendemos que a juventude é um período relevante para a identificação de tais projetos, dada a necessidade do(a) jovem de projetar seu futuro e de escolher caminhos a serem percorridos na vida adulta. Buscamos compreender a complexidade desta fase da vida a partir da visão de alguns autores relacionados à psicologia (Inhelder & Piaget, Erikson, Damon) e à sociologia (Mannheim, Eisenstadt). Dada a função formativa da escola, à diversidade de experiências que propicia aos(às) estudantes e ao tempo que esses passam em seu interior, esta instituição torna-se potencialmente favorável à identificação de projetos de vida. O conceito de experiências escolares tem por base o trabalho de Dewey. Optamos por uma abordagem positiva do tema, ou seja, vamos nos deter nos elementos que contribuem para o desenvolvimento de projetos de vida. O plano de investigação traz os dados de uma pesquisa realizada com 305 estudantes do primeiro e segundo anos do Ensino Médio oriundos das redes pública e particular da cidade de São Paulo. A pesquisa, ao buscar a percepção dos sujeitos, adota uma abordagem qualitativa do problema, mas faz uso, também, de procedimentos quantitativos para alcançar seus objetivos. O conceito de projetos vitais pressupõe a investigação de diferentes elementos como objetivos e metas de vida, ações, percepção do sentido da vida e preocupação com o futuro. Para tanto, foi utilizado um instrumento com questões fechadas em uma escala do tipo Likert e questões abertas destinadas à identificação da contribuição da escola aos projetos de vida sob a ótica dos sujeitos envolvidos. A análise dos dados indica que a maioria dos(as) jovens têm projetos de vida econômicos ou hedonistas que se combinam com valores e objetivos de vida familiares, pró-sociais, religiosos, dentre outros. Os dados evidenciam que quase a totalidade dos(as) jovens consideram objetivos políticos sem importância para as suas vidas. A escola é percebida positivamente, 81% dos(as) participantes consideram que ela contribui para seus projetos de vida, principalmente por meio das disciplinas curriculares que têm seu significado associado ao futuro, à formação para o trabalho e ao vestibular. Dados relacionados à representação estudantil e atuação protagonista dos(as) estudantes revelam percentuais muito baixos de vivência desse tipo de experiência. Dentre as justificativas atribuídas às contribuições das experiências escolares detectamos significados que: são auto-centrados, incorporam o outro por meio de relações interpessoais e consideram interesses e causas coletivas. Os dados mostram que valores, objetivos de vida e significados atribuídos à escola combinam-se de maneiras diversas, evidenciando a complexidade que envolve a adoção de um projetos de vida.
Título em inglês
Life projects and school: the perception of high school students about the contribution that school experiences can bring to their life projects.
Palavras-chave em inglês
life projects
meaningful school experiences
purpose
values
youth and adolescence
Resumo em inglês
The present study investigates the perception of high school students about the contribution that school experiences can bring to their life projects. Damon's formulation of the concept of purposes was taken for reference, adopting the perspective of positive psychology (Seligman & Csikszentmihalyi). The assumption adopted was that projects that guide people's lives are central to humanity and can contribute to both personal satisfaction and for collective purposes. It is believed that youth is a time relevant to the identification of such projects, given the need for the teenager in designing their future, choosing ways to be followed into adulthood. The complexity of this phase of life was sought understood in the view of some authors related to psychology (Inhelder & Piaget, Erikson, Damon) and sociology (Mannheim, Eisenstadt). Given the formative role of the school, the diversity of experience that delivers on students and to the time they spend in it, the identification of potentially life projects becomes favorable in this institution. The concept of school experiences have the basis on Dewey's work. A positive approach to the subject was choosen, ie, the elements that contribute in developing life projects will be consider. The research plan provides data from a survey with 305 students from first and second years of high school from public and private schools in São Paulo. The research, in order to seek the subjects' perception, not only adopts a qualitative approach to the problem, but also makes use of quantitative procedures to achieve your goals. The concept of purposes involves an investigation of different elements such as goals and life goals, actions, perceptions of the meaning of life and concern with the future. For that, was used an instrument elaborated on a Likert scale with closed questions and open questions for identify the contribution of school in life projects from the perspective of those involved. Data analysis indicates that most of the youth have economic or hedonistic life projects that combine values with family life goals, pro-social, religious, among others. The data shows that almost all the youth do not consider the relevance of political objectives in their lives. School is perceived positively, 81% of (the) participants consider that it contributes for their life projects, mainly through the curriculum subjects that have their meaning associated with the future, training for work and college. Data related with student representation and youth protagonism data reveal very low percentage in the living this kind of experience. Among the reasons attributed to the contributions of school experiences were detected meanings wich are self-centered, incorporate the one by interpersonal relations and consider interests and collective causes. The data show that values, life goals and meanings attributed to school are combined in various ways, highlighting the complexity that involves adopting a life project.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
ANA_MARIA_KLEIN.pdf (1.20 Mbytes)
Data de Publicação
2011-08-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.