• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.48.2010.tde-11062010-103654
Documento
Autor
Nome completo
Carla Juliana Pissinatti Borges
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Silva, Roberto da (Presidente)
Fichtner, Bernhard Johannes Maria
Souza Neto, João Clemente de
Título em português
O debate internacional sobre competências: explorando novas possibilidades educativas
Palavras-chave em português
competências
cooperação internacional
educação internacional
educação não-formal
habilidades
pedagogia social
Resumo em português
Um dos maiores desafios que se interpõem à educação neste início de século é encontrar as bases para promover uma educação de qualidade para todos. Entretanto, definir qualidade e os caminhos para alcançá-la não tem se mostrado tarefa simples nem consensual. Entre as diversas propostas, surge a ideia da educação para o desenvolvimento de competências, que tem encontrado eco entre teóricos de todo o mundo e, mais recentemente, também entre pesquisadores e autoridades brasileiras. Como se verificou no Brasil e em diversas outras localidades, apesar da rápida incorporação do conceito de competências nos mecanismos de regulação educacional nacionais, a maioria das discussões sobre as competências permanece focada sobre a esfera da educação escolar, negligenciando o imenso universo de práticas educativas concebidas em contextos não-formais e que podem revelar-se estimuladores privilegiados de determinadas competências, entre as quais as competências relacionadas ao convívio social. A presente proposta tem como intuito, pois, revigorar o debate sobre as possibilidades educativas encontradas também fora da escola a partir da perspectiva de competências e de contribuir, assim, para a expansão desse debate para além dos limites da educação escolar. Para tal, queremos revisar o estado da arte e o histórico da evolução do conceito de competências até contextualizá-lo no âmbito das práticas de educação não-formal, amparados, sobretudo, nos referenciais da Pedagogia Social, que se propõem a estudar esse universo educacional em específico.
Título em inglês
The international debate on competencies: exploring new educational possibilities
Palavras-chave em inglês
international cooperation
international education
non-formal education
skills
social pedagogy
Resumo em inglês
One of the greatest challenges faced by education at the beginning of this century is finding a basis to promote quality education for all. Nonetheless, defining quality and the main ways to achieve it has neither been a simple nor a consensual task. Amongst the various proposals surfaces the idea of education for the development of competences, which has resonated with scholars all over the world and more recently, also with Brazilian researchers and authorities. As can be observed in Brazil and various other countries, despite the quick introduction of the concept of competencies into the national educational regulations, the great majority of discussions about the concept remain focused on the school environment. Such a focus neglects the immense universe of educational practices conceived in less formal contexts that can, in fact, turn out to be privileged means to encourage certain competences, such as those related to social coexistence. The current proposal intends to shed some light on the debate about the educational possibilities found out-of-school from a competences approach perspective. Hence, we intend to contribute to widening the debate beyond the boundaries of school education. In this sense, we will review and the historical background of competences and contextualize the concept within the framework of non-formal education, based on the theoretical framework of Social Pedagogy, aimed to study this educational universe specifically.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
CAPA.pdf (432.83 Kbytes)
Data de Publicação
2010-07-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.