• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.48.2014.tde-11112014-101357
Documento
Autor
Nome completo
Iasmin da Costa Marinho
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Oliveira, Romualdo Luiz Portela de (Presidente)
Beisiegel, Celso de Rui
Vieira, Sofia Lerche
Título em português
Administração escolar no Brasil (1935-1968): um campo em construção
Palavras-chave em português
Escola nova
Metáforas organizacionais da escola
Pioneiros da administração escolar
Resumo em português
O objetivo dessa dissertação é revisar a produção dos pioneiros da Administração Escolar no Brasil, compreendendo o período de 1935 a 1968. Destacam-se enquanto pioneiros da Administração Escolar no Brasil: Anísio Spínola Teixeira; Antônio Carneiro Leão; José Querino Ribeiro e Lourenço Filho. Esses educadores se enquadram enquanto pioneiros da Administração Escolar brasileira, por serem os primeiros a produzir pesquisas sobre o tema. Suas produções sobre Administração Escolar se situam nos anos 1935 a 1968, quais sejam: Administração pública: administração e desenvolvimento (TEIXEIRA, 1935); Fayolismo na Administração de escolas públicas (RIBEIRO, 1938); Introdução à Administração Escolar (LEÃO, 1939); Ensaio de uma teoria de Administração Escolar (RIBEIRO, 1952); Pequenos Estudos Sobre Grandes Problemas Educacionais (Alguns aspectos do ponto de vista da Administração Escolar) (RIBEIRO, 1952); Racionalização do Sistema Escolar (RIBEIRO, 1954); Administração pública brasileira e a educação (TEIXEIRA, 1956); Que é Administração Escolar? (TEIXEIRA, 1961); Organização e Administração Escolar: curso básico (LOURENÇO FILHO, 1963); Natureza e função da Administração Escolar (TEIXEIRA, 1968). Foi realizado um estudo do contexto em que as obras foram produzidas, recuperando dados importantes para análise das obras. Como recurso metodológico utilizou-se o método da Análise de Conteúdo (BARDIN, 2011), produzindo categorias de análise, quais sejam: Administração Escolar; Administrador Escolar; Formação dos administradores escolares e Influências do modelo de Administração Escolar. A partir dos dados coletados pelas categorias aplicamos uma segunda análise identificando as metáforas organizacionais presentes nos modelos de Administração Escolar dos pioneiros. Para esta segunda etapa foram utilizadas as metáforas organizacionais propostas por Gareth Morgan (2006) e Jorge Adelino Costa (1996). A revisão possibilitou observar a proposição de um modelo misto de Administração Escolar, centrado nas questões sociológicas e racionais da escola. Observou-se também uma divergência entre os modelos de Administração Escolar propostos pelos pioneiros. Todos apresentam em seus estudos a influência do Movimento da Escola Nova. Anísio Teixeira apresenta um modelo concentrado na metáfora da escola como cultura e democracia, observando a influência da Filosofia Pragmática de John Dewey e das Teorias das Relações Humanas de Elton Mayo. Os demais pioneiros apresentam um modelo também misto, no entanto, abordando de forma mais enfática as questões da administração racional da escola, tendo influência dos estudos de Taylor e Fayol. As metáforas interpretadas para estes pioneiros são da escola como arena política, empresa, burocracia, cultura, democracia e anarquia. A aplicação das metáforas na interpretação dos modelos foi importante na superação da distinção desses estudos somente às influências empresariais que possuem. Observar as metáforas também nos revela as limitações e conseqüências desses modelos para a escola pública do presente. O estudo buscou contribuir para área de Administração e Política Educacional, abordando também sugestões de outros estudos a serem realizados neste campo.
Título em inglês
School administration in Brazil (1935-1968): a field under construction
Palavras-chave em inglês
New school
Organizational metaphors school
Pioneers of school administration
Resumo em inglês
The objective of this dissertation is to review the production of the pioneers of School Administration in Brazil, covering the period from 1935 to 1968. The highlights are as pioneers in School Administration in Brazil: Anísio Spinola Teixeira; Antônio Carneiro Leão; Querino José Ribeiro and Lourenço Filho. These educators fall as pioneers of Brazilian School Administration, by being the first to produce research on the topic. His productions on School Administration lie in the years 1935-1968, namely: Public Administration: Administration and development (TEIXEIRA, 1935); Fayolismo Administration in Public Schools (RIBEIRO, 1938); Introduction to Educational Administration (LION, 1939); Test of a theory of school administration (RIBEIRO, 1952); Small Studies Major Educational Problems (Some aspects from the standpoint of School Administration) (RIBEIRO, 1952); Rationalization of the School System (RIBEIRO, 1954); Brazilian public administration and education (TEIXEIRA, 1956); What is School Administration? (TEIXEIRA, 1961); School Organization and Administration: basic course (LOURENÇO FILHO, 1963); The Nature and Function of School Administration (TEIXEIRA, 1968). A study of the context in which the works were produced, recovering important data for analysis of the works was carried out. As a methodological approach we used the method of content analysis (BARDIN, 2011), producing categories of analysis, namely: School Administration; School Administrator; Training of school administrators and Influences of the School Administration model. From the data collected by the categories we apply a second analysis identifying the organizational metaphors present in models of School Directors of the pioneers. For this second step organizational metaphors proposed by Gareth Morgan (2006) and Jorge Adelino Costa (1996) were used. The review observed allowed the proposition of a hybrid model of school administration, focusing on sociological and rational school issues. We also observed a divergence between the models proposed by the pioneers School Administration. All come in their studies the influence of the New School Movement. Teixeira presents a metaphor focused on school culture and democracy as a model, noting the influence of the philosophy of John Dewey and Pragmatic Theories of Human Relations of Elton Mayo. Other pioneers also present a mixed model, however, addressing the most emphatic manner the issues of rational administration of the school, taking influence from the studies of Taylor and Fayol. The metaphors are interpreted for these pioneers of the school as a political arena, business, bureaucracy, culture, democracy and anarchy. The use of metaphors in the interpretation of the models was important in overcoming the distinction of these studies only to corporate influences they have. Observe the metaphors also reveals the limitations and consequences of these models for public school of this. The study sought to contribute to the area of Educational Administration and Policy, also addressing suggestions from other studies to be conducted in this field.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-11-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.