• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.48.2017.tde-15022017-143235
Documento
Autor
Nome completo
Maria Aparecida Gonçalves Gomes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2016
Orientador
Banca examinadora
Araujo, Valeria Amorim Arantes de (Presidente)
Fonseca, Viviane Potenza Guimarães Pinheiro
Garbin, Monica Cristina
Pataro, Cristina Satiê de Oliveira
Souza, Leonardo Lemos de
Título em português
A dimensão afetiva e a felicidade nos projetos de vida dos jovens: um estudo na perspectiva da teoria dos Modelos Organizadores do Pensamento
Palavras-chave em português
Felicidade
Juventude
Projeto de vida
Sentimentos
Teoria dos Modelos Organizadores do Pensamento
Valores
Resumo em português
O presente estudo teve como objetivo geral investigar os processos psíquicos subjacentes aos projetos de vida dos jovens e sua dimensão afetiva, com foco no sentimento de felicidade. A relevância do tema se deve ao fato de que os jovens elaboram seus projetos de vida orientados por valores que lhes são centrais e nos quais estão envolvidas projeções afetivas. O trabalho pautou-se pela concepção da indissociabilidade entre os aspectos cognitivos e afetivos no funcionamento do psiquismo. Analisaram-se as possíveis relações entre os projetos de vida construídos pelos jovens e o sentimento de felicidade a eles relacionados. Essas duas dimensões foram contempladas na análise dos dados empíricos, tendo como subsídio teóricometodológico a Teoria dos Modelos Organizadores do Pensamento, elaborada por Moreno, Sastre, Bovet e Leal. Para o plano de investigação, foi aplicado um questionário online a jovens estudantes do ensino médio de escolas públicas das cinco regiões brasileiras. A análise dos dados compreendeu algumas etapas orientadas pelos objetivos da pesquisa e organizadas de forma a estabelecer um continuum entre si. Quatro categorias de análise orientaram à reflexão sobre as possíveis formas de elaboração mental envolvidas no processo de formulação das justificativas às respostas, pelos entrevistados. Os modelos organizadores do pensamento foram construídos a partir do estudo sobre a organização do raciocínio dos jovens, ao abstraírem elementos, atribuírem-lhes significados e estabelecerem as relações e implicações entre eles. As formulações expressaram diferentes compreensões a respeito dos projetos de vida dos jovens, desde os modelos organizadores que imprimem uma forma natural sobre o modo de viver a vida até os modelos em que os jovens realizam suas projeções com aparente cuidado em relação ao outro. A análise dos modelos organizadores levou a perceber a predominância de uma carga afetiva positiva vinculada aos projetos de vida dos jovens. Observa-se a importância desta investigação a partir de seus resultados sobre projetos de vida com foco no sentimento de felicidade, que apontaram para perspectivas diversas no que se refere à articulação entre valores e sentimentos construída pelos jovens em seus projetos de vida, desde a não vinculação de tais relações até o entendimento de que esses conceitos se complementam.
Título em inglês
The affective dimension and happiness in the life projects of young people: a study from the perspective of the Organizational Models of Thought
Palavras-chave em inglês
Feelings
Happiness
Life project
Theory of Thought-Organizing Models
Values
Youth
Resumo em inglês
The present study had as general objective to investigate the psychic processes underlying the life projects of young people and their affective dimension, focusing on the feeling of happiness. The relevance of the theme lies in the fact that young people elaborate their life projects oriented by values that are central to them and in which affective projections are involved. The works basis is the conception of the inseparability between the cognitive and affective aspects in the functioning of the psyche. Possible relations among the life projects of young people and the feeling of happiness related to them were analyzed. These two dimensions were contemplated in the analysis of empirical data, having as theoretical and methodological support the Theory of Thought-Organizing Models, elaborated by Moreno, Sastre, Bovet and Leal. For the research plan, an online questionnaire was applied to young high school students from public schools in the five Brazilian regions. The data analysis comprised some steps guided by the research objectives and organized in order to establish a continuum among them. Four categories of analysis guided the reflection on the possible forms of mental elaboration involved in the process of formulating the justifications for the answers, by the interviewees. The so-called thought-organizing models were made from the study of the organization of young people's reasoning, by abstracting elements, assigning meanings to them, and establishing their relationships and implications. The formulations expressed different understandings about the life projects of the youth, from the organizing models that gave a natural way of living the life to the models in which the young people made their projections with apparent care for the other. The analysis of the organizing models led us to perceive the predominance of a positive affective charge linked to the life projects of the youth. It is observed the importance of this research from its results on life projects focused on the feeling of happiness, which pointed to different perspectives regarding the articulation between values and feelings built by the youth in their life projects, from the nonlinking of such relationships to the understanding that these concepts complement each other.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-02-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.