• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.48.2009.tde-17052009-190433
Documento
Autor
Nombre completo
Maria Antonia Ramos de Azevedo
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2009
Director
Tribunal
Abib, Maria Lucia Vital dos Santos (Presidente)
Cunha, Ana Maria de Oliveira
Cunha, Maria Isabel da
Moura, Manoel Oriosvaldo de
Terrazzan, Eduardo Adolfo
Título en portugués
Os saberes de orientação dos professores formadores: desafios para ações tutoriais emancipatórias
Palabras clave en portugués
formação de formadores
formação de professores
saberes de orientação
saberes docentes
Resumen en portugués
Estudos recentes sobre os processos de formação docente têm destacado a importância da formação dos formadores como elemento fundamental para a melhoria da formação e atuação de futuros professores. Com essa perspectiva, pesquisas sobre saberes docentes têm trazido contribuições importantes à compreensão e aprimoramento dos processos de formação. Neste trabalho colocamos como temática principal o estudo sobre os saberes docentes relativos aos processos de orientação de estágio que seriam essenciais aos formadores de professores. Com este objetivo, buscamos identificar os saberes de orientação que professores orientadores mobilizam mediante o trabalho desenvolvido em atividades de Prática de Ensino e Estágio Supervisionado por meio de suas ações tutorais. Na pesquisa realizada sob os parâmetros de uma metodologia qualitativa, investigamos o trabalho de quatro professores formadores de um Curso de Licenciatura em Química de uma Universidade brasileira, através de pesquisa teórica e de campo, com uso de questionários, entrevistas individuais e coletivas, e a análise documental do Projeto Pedagógico do referido Curso. Ao analisarmos as informações obtidas por meio de articulações com os aportes teóricos e com saberes apontados por estes professores nas ações tutorais desenvolvidas nos processos de orientação dos futuros professores, definimos saberes de orientação, organizados nas seguintes categorias: a) os dialógicos e afetivos; b) os relativos à auto-formação e auto-organização baseados na reflexão permanente; c) os relacionados à ação colaborativa; d) os técnico-científicos e pedagógicos relativos às diferentes áreas de conhecimento; e) os relativos aos saberes sobre os processos teórico-práticos de aprendizagem da docência. Como resultados, destacamos que nos casos analisados, os formadores desenvolvem os saberes dialógicos e afetivos, e os de autoformação e auto-organização baseados na reflexão permanente junto aos seus alunos e com os seus pares. Entretanto, os saberes de orientação voltados à ação colaborativa, os técnicocientíficos e pedagógicos e os relativos processos teórico-práticos da aprendizagem sobre a docência precisam ser mais mobilizados, tanto no contexto da universidade como também nas parcerias interinstitucionais. Como idéias conclusivas, apontamos a necessidade de políticas que garantam o exercício pleno dos professores formadores junto às escolas campo de estágio, ressignificando estas atividades e as condições de trabalho destes professores, pois estas são condições necessárias a ações tutorais e estilos de orientação que promovam atitudes reflexivas e emancipatórias dos envolvidos no processo formativo por meio das parcerias colaborativas. Nesse sentido, os cursos de formação de professores precisam instituir um modelo de formação que prime pela racionalidade emancipatória e crítica, superando os processos ainda predominantemente pautados nas racionalidades técnica e prática. Defendemos que o desenvolvimento de saberes de orientação com potencial para redirecionar as ações tutorais nas atividades de orientação dos estágios pode trazer contribuições para a melhoria dos processos de formação de futuros professores.
Título en inglés
The Advising Knowledge of the Superviosing Teachers: Chalenges to the tutoring actions towards emancipation
Palabras clave en inglés
education of teachers
education of teachers advisor
teaching expertise
tutoring expertise
Resumen en inglés
Late research on teacher education processes has highlighted the importance of the education of the teacher educators. The present research was focused on the advising knowledge (expertise) the advisor has to develop and use about such processes, to supervise efficiently the trainee teachers. The field work aimed to survey such expertise in Teaching Practice and Supervisoned Teaching Training courses, taught in Teacher in Chemistry Curriculum at a University in Southern Brazil. Four advisors were studied using qualitative methodology (questionnaires, single and group interviews, and documental analysis). Interpretation of results from the perspective of present day knowledge of this subject allowed to identify five tutoring expertise components: a) conversational and sympathetic; b) Self-learning and selforganizing; c) cooperational action; d) technical, scientific and pedagogical knowledge as regarded to the practicing area; and e) those related to the theoretical and practical processes of teaching. Regarding the advisors studied, it was possible to identify the exercise of the conversational and sympathetic components; the self-learning and self organizing components. However, the actions related to the cooperational action, to the technical, scientific and pedagogical knowledge as regarded to the practicing area and those related to the theoretical and practical processes of teaching need to be improved, as well as a better collaboration between the university and the schools that accept the students during the trainee period. It was possible to conclude that strategies that can assure the full exercise of advisors are needed. The full exercise implies a reflexion among advisors, trainees and school teachers towards the a new meaning of training conditions in such a way that the trainee period can develop autonomy in the trainees to adapt their knowledge to the diversity of contexts each school represent. Therefore, a new paradigm has to be stated, and that the study of the advisor expertise components has a great potential to better qualify the performance of the tutorial practice of the advisors.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2009-11-03
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2020. Todos los derechos reservados.