• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.48.2016.tde-17102016-090134
Documento
Autor
Nome completo
Fernanda Moraes dos Santos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Vidal, Diana Goncalves (Presidente)
Gallego, Rita de Cassia
Silva, Adriana Maria Paulo da
Título em português
O processo de escolarização pública na Vila de Cotia no contexto cultural caipira (1870-1885)
Palavras-chave em português
Cotia - SP
Escolaridade
História local
Século 19
Resumo em português
Objetivei investigar o processo de escolarização pública na Vila de Cotia, município rural com características culturais caipiras do entorno da Capital paulista, entre 1870 e 1885. No período houve uma retração econômica, porém a oferta de cadeiras públicas foi aumentada. Utilizei-me de variadas fontes, como livros de matrícula, relatórios de inspetores e professores e de governo, legislação, dados estatísticos, periódicos, registros de batismo e casamento, mapas, fotos, crônica, poesias, peça teatral etc., que foram entrecruzadas e interpretadas a partir, sobretudo, dos conceitos de cultura caipira (CANDIDO, 2001a), lar docente (MUNHOZ; VIDAL, 2014), estratégia e tática (CERTEAU), além dos apontamentos de Thompson (1998) quanto à lei da praxis se sobrepondo à do governo. No primeiro capítulo tratei da história local enfatizando o contexto do recorte. O local tinha a economia voltada para o tropeirismo, a subsistência e o abastecimento da Capital. A população era formada sobretudo por roceiros e sitiantes e os bairros eram dispersos e com características comuns, porém com algumas particularidades. No segundo capítulo, para visualizar o processo de escolarização, apresentei mapas com a localização dos bairros de instalação das escolas, possibilitando verificar a interiorização da escolarização e os problemas devidos às dificuldades em demarcações de fronteiras com os municípios vizinhos. No terceiro capítulo dei destaque aos professores. O casal Maria Joanna do Sacramento e João José Coelho morava num lar docente, onde algumas práticas do magistério eram compartilhadas. As fontes confirmaram que os professores das cadeiras da Vila tinham a permanência estável; os professores dos bairros, contrariamente, permaneceram por pouco tempo frente às cadeiras, evidenciando o caráter restritivo da vida nos bairros rurais. Em geral, não exerceram outros cargos antes do magistério, mas depois alguns exerceram outras funções em setores públicos. Apresentei ainda as precárias condições materiais de trabalho vivenciada pelos docentes, que implicaram nos resultados da aprendizagem dos alunos. O quarto capítulo versou sobre os alunos cotianos. A falta de frequência era motivada principalmente pelo trabalho na lavoura, evidenciando a ruralidade local e o não cumprimento da lei de obrigatoriedade de ensino (1874). Todavia, os dados mostraram um aumento de 407% de alunos e que muitas meninas frequentavam escolas particulares em 1872. A análise da composição das turmas de quatro cadeiras mostrou que a média de matrícula no bairro era maior que na Vila, e que esta tinha um fluxo maior de alunos, evidenciando seu caráter dinâmico em comparação ao bairro. Muitos alunos eram eliminados por motivo de mudança (principalmente para o sítio) ou por ausentar-se por mais de três meses. Metade dos alunos estudava com outro membro da família, evidenciando que seus pais/tutores preferiam que fossem juntos às aulas. A maioria dos professores qualificava os alunos e seus pais, o que permitiu a confirmação de quatro alunos ingênuos nas turmas, dos quais dois estudavam com os filhos do senhor de sua mãe, comprovando a hipótese de que nesse contexto os senhores e escravos tinham uma relação mais próxima que em lugares mais ricos da Província e que a vida fora da escola se refletia dentro dela.
Título em inglês
The public schooling process in the Village of Cotia in the caipira cultural context (1870-1885)
Palavras-chave em inglês
19th Century
Cotia SP
Local history
Schooling
Resumo em inglês
I aimed to investigate the public schooling process in the Village of Cotia, rural municipality with the caipira cultural characteristics in the Capital paulista surrondings, between 1870 and 1885. In the period was an economic retraction, but the offer of public chairs was increased. I used several sources, such as enrollment books, inspectors, teachers and government reports, legislation, statistic data, journals, baptism and matrimony registers, maps, photos, chronicles, poetry, theatrical play etc., that were interlaced and interpreted, mainly, from the concepts of caipira culture (CANDIDO, 2001a), teacher family (MUNHOZ; VIDAL, 2014), strategy and tactics (CERTEAU), besides Thompson notes (1998) about the law of praxis overlapping the government. In the first chapter I treated the local history emphasizing the delimited context. The local had the economy focused to the tropeirismo, subsistence and the Capital supply. The population was formed mainly by small farmers and ranchers and the districts were dispersed and with common characteristics, but with some particularities. In the second chapter, to visualize the schooling process, I presented maps with the localization of the school installing districts, enabling to verify the schooling internalization and the problems due the difficulties in borders demarcation with the surrounding municipalities. In the third chapter I gave prominence to the teachers. The couple Maria Joanna do Sacramento and João José Coelho lived in a teaching home, where some teaching practices were shared. The sources confirmed that the teachers of the Village chairs had stable permanence; the district teachers, in contrast, remained briefly in the chairs, evidencing the restricted nature of life in rural districts. In general, they didnt exercise other positions prior to teaching, but after some exercise other functions in public sectors. Ive presented the precarious material conditions of work lived by the teachers, which resulted in the students learning outcomes. The forth chapter expounded the cotiano students. The lack of frequency was mainly motivated by working in the fields, evidencing the local rurality and the non-compliance of the teaching obligatory law (1874). Nevertheless, the data showed an increase of 407% of students and that many girls attended private colleges in 1872. The analyses of the class composition of four chairs showed that the average of enrollments on the district was higher than the Village, and that this had a higher flow of students, evidencing its dynamic character comparing to the district. Many students were eliminated by moving reasons (mainly to small farms) or by being away for more than three months. Half of students studied with other family members, evidencing that their parents/tutors preferred that they went together to the classes. Most of teachers qualified their students and parents, allowing the confirmation of four students ingênuos in the classes, of which two studied with the children of their Lords mother, proving the hypothesis that in this context lords and slaves had a nearest relation than in richer places of the Province and that the life outside school reflected inside it.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
FERNANDA_MORAES.pdf (5.42 Mbytes)
Data de Publicação
2016-10-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.