• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.48.2012.tde-19072012-151313
Documento
Autor
Nome completo
Gabriela Albanás Couto
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Pierro, Maria Clara di (Presidente)
Gutberlet, Jutta Gertrud Anna
Haddad, Sergio
Título em português
Aprendizagem social e formação humana no trabalho cooperativo de catadores(as) em São Paulo
Palavras-chave em português
Aprendizagem social
Catadores de materiais recicláveis
Cooperativismo
Letramento
Resumo em português
Estima-se que cerca de 800 mil pessoas vivam da atividade de catação de materiais recicláveis no Brasil. Apenas na cidade de São Paulo existem oficialmente 63 cooperativas de catadores organizados, além de diversos outros grupos e associações. São pessoas que encontraram nos materiais recicláveis uma alternativa para sua manutenção e, mais do que isso, uma nova maneira de se organizar política e coletivamente. Por reconhecer a relevância social e pedagógica de processos de formação entre grupos de pessoas pouco escolarizadas e em situação de maior vulnerabilidade social, procuramos conhecer os espaços de aprendizagem social que se configuram no interior de uma cooperativa de catadores de materiais recicláveis, a Coopere-Centro, localizada na região central da cidade de São Paulo. O objetivo principal da pesquisa foi identificar quais conhecimentos estão presentes no trabalho dos catadores e, por outro lado, quais são suas demandas formativas. De natureza qualitativa, com abordagem etnográfica, a pesquisa empregou técnica de observação participante, com a pesquisadora convivendo e trabalhando com os catadores em suas diferentes funções dentro da cooperativa ao longo de sete meses de coleta de dados. Foram também realizadas três entrevistas semiestruturadas com coordenadores da cooperativa. Identificamos uma série de práticas de letramento, bem como uma atividade profissional complexa, repleta de significados e de valor social e pedagógico no cotidiano dos catadores organizados. Essa complexidade foi categorizada em quatro diferentes dimensões: técnica, coletiva, ambiental e política. Verificou-se que o trabalho na cooperativa de reciclagem, além de gerar renda, traz reflexos positivos na subjetividade dos catadores, em sua autoestima e autoimagem, e os ajuda a construir caminhos de luta por reconhecimento, dignidade e inclusão social. Deste modo, percebemos que trabalhar em uma cooperativa desenvolvendo atividades ligadas à reciclagem se configura em um importante processo educativo para estes sujeitos, porém, gera também demandas formativas que precisam ser atendidas em sua especificidade.
Título em inglês
Social learning and human development in the cooperative work of collectors in São Paulo
Palavras-chave em inglês
Cooperativism
Literacy
Recyclable materials collectors
Social learning
Resumo em inglês
It is estimated that about 800,000 people are involved in the activity of collecting recyclable materials in Brazil. In the city of São Paulo alone, there are officially 63 organized recycling cooperatives, as well as several other groups and associations. These are people who have turned recyclable materials into an alternative for their livelihoods and, at the same time, a new way of organizing themselves politically and collectively. Recognizing the social and pedagogical importance of the formative processes among groups of people with little education and under a vulnerable social condition, this study sought to understand the social learning that occurs within a cooperative of recyclable material collectors, Coopere-Centro, located in downtown São Paulo. The main objective of the study was to identify both the knowledge present in the daily activities of the collectors work and their formative demands. This qualitative research takes an ethnographic approach and its main technique used was participant observation. The seven-month work with the collectors on a daily basis allowed the researcher to produce a field research diary. Also, three semi-structured interviews with the cooperative coordinators were conducted. The research identified not only a number of literacy practices in the everyday life at Coopere but also a complex activity among the organized collectors, characterized by a range of meanings and social/educational values. This complexity was categorized into four different dimensions: technical, collective, environmental and political. It was found that working with the recycling cooperative has brought to its members apart from income generation , a positive impact on their subjectivity, self-esteem and selfimage, helping them to struggle for recognition, dignity and social inclusion. Thus, we come to the conclusion that the activities related to recycling, at a cooperative, configure an important educational process for those people. However, this activity also generates specific formative demands, which need to be fulfilled.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-07-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.