• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.5.2011.tde-13062011-120806
Documento
Autor
Nome completo
Ricardo Teles Schulz
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Abdala, Edson (Presidente)
Cançado, Eduardo Luiz Rachid
Schiavon, Leonardo de Lucca
Título em português
Valor preditivo de marcadores laboratoriais não invasivos para o diagnóstico de fibrose hepática na recidiva da hepatite C crônica pós-transplante de fígado
Palavras-chave em português
Cirrose hepática
Curva ROC
Hepatite C
Marcadores biológicos
Transplante de fígado
Resumo em português
INTRODUÇÃO E OBJETIVO: Recidiva da hepatite C crônica com progressão acelerada, embora imprevisível, da fibrose é responsável por piora no prognóstico após o transplante de fígado (Tx). Biópsia hepática protocolar é considerada o padrão ouro para estadiamento da fibrose na recidiva da hepatite C pós-Tx. Para superar as limitações da biópsia, principalmente custo e complicações, marcadores simples e não invasivos de fibrose hepática têm sido propostos para pacientes imunocompetentes, porém com escassos estudos disponíveis no contexto pós-Tx. O objetivo desse estudo é avaliar o desempenho diagnóstico dos marcadores não-invasivos para estadiar fibrose hepática em pacientes pós-Tx. MÉTODOS: Pacientes consecutivos receptores de Tx com recidiva da hepatite C (n=45) que foram submetidos a 118 biópsias hepáticas foram incluídos. Variáveis laboratoriais dentro de trinta dias de cada biópsia foram consideradas. Índice da razão AST-plaqueta (APRI), razão AST/ALT, Escore discriminativo de Bonacini (EDB), Escore de Pohl e índice idade-plaqueta foram calculados para cada biópsia. Fibrose significante foi definida como estágio METAVIR 2. RESULTADO: A área sob a curva ROC (receiver operating characteristic) do Escore discriminativo de Bonacini para predizer fibrose significante foi 0,68, superior aos outros testes avaliados. Utilizando-se o melhor ponto de corte, um valor de Escore discriminativo de Bonacini 8 foi 42% sensível e 95% específico, com razão de verossimilhança positiva e negativa de 7,98 e 0,62, respectivamente. Análise multivariada identificou razão AST/ALT como preditor independente de fibrose significante (OR=4.2; CI 95%=1.5-11.4; p-valor=0.005, ponto de corte 0,89). Análise adicional considerando apenas uma biópsia por paciente confirmou o desempenho superior do Escore discriminativo de Bonacini em relaçãoaos outros testes avaliados, com uma área sob a curva de 0,76. CONCLUSÃO: Escore discriminativo de Bonacini foi o marcador laboratorial não invasivo com melhor desempenho diagnóstico para predizer fibrose hepática significante em pacientes com recidiva de hepatite C crônica pós-Tx
Título em inglês
Predictive value of simple non-invasive liver fibrosis tests in liver transplant recipients with recurrent hepatitis C
Palavras-chave em inglês
Biological markers
Hepatitis C
Liver cirrhosis
Liver transplantation
Resumo em inglês
BACKGROUND AND AIM: Recurrent hepatitis C with accelerated, although unpredictable, fibrosis progression accounts for a poor prognosis after liver transplantation (LT). Per protocol liver biopsy is considered the gold standard for fibrosis staging in recurrent hepatitis C after LT to overcome the limitations of liver biopsy, mainly cost and complications, simple non-invasive liver fibrosis tests have been proposed for immunocompetent patients, butfew data are available in the post-transplant setting. The aim of this study was to evaluate diagnostic performance of noninvasive tests to stage liver fibrosis in LT setting. METHOD: Consecutive LT patients with recurrent hepatitis C (n=45) who have undergone 118 liver biopsy were included. Laboratory variables at the time of biopsies were recorded. AST to platelet ratio index (APRI), AST/ALT ratio, Bonacini discriminant score (BDS), Pohl score and age-platelet index were calculated at the time of biopsies. Significant fibrosis was defined as METAVIR stage 2. RESULT: The area under the receiver operating characteristic (ROC) curve (AUC) of Bonacini discriminant score for predicting significant fibrosis was 0,68, better than the other non-invasive liver fibrosis tests. Using the best cutoff value, Bonacini discriminant score value 8 was 42% sensitive and 95% specific, with positive and negative likelihood ratio of 7,98 and 0,62, respectively. Multivariate analysis identified AST/ALT ratio as an independent predictor of significant fibrosis (OR=4.2; CI 95%=1.5-11.4; p-value=0.005, cutoff point 0,89). Additional analysis considering only one biopsy per patient confirmed the superior performance of Bonacini discriminant score compared to the other non-invasive liver fibrosis tests, with an AUC of 0,76. CONCLUSION: Bonacini discriminant score was the non-invasive liver fibrosis test with the best performance for significant liver transplant patients with recurrent hepatitis C
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2011-06-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.