• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2014.tde-24102014-104455
Documento
Autor
Nome completo
Emerson Leonildo Marques
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Cercato, Cintia (Presidente)
Pajecki, Denis
Mancini, Márcio Corrêa
Silva, Maria Elizabeth Rossi da
Zanella, Maria Teresa
Título em português
Efeito da perda de peso induzida por cirurgia bariátrica sobre metabolismo cerebral e função cognitiva
Palavras-chave em português
Biomarcadores
Doença de Alzheimer/complicações
Obesidade
Prognóstico
Tomografia por emissão de pósitrons
Resumo em português
INTRODUÇÃO: Obesidade e doença de Alzheimer afetam um número cada vez maior de pessoas no mundo. Nos últimos anos, surgiram várias evidências de que essas duas doenças estão interligadas, sendo obesidade um fator de risco para a ocorrência de demência. A doença de Alzheimer é de mau prognóstico e de difícil tratamento e estão envolvidos na sua patogênese fatores genéticos e ambientais. A obesidade é encarada como um fator ambiental modificável e, talvez, capaz de mudar a história natural da doença se precocemente controlada. A cirurgia bariátrica é o tratamento mais eficaz para obesidade severa; no entanto, não se sabe claramente o efeito da cirurgia bariátrica sobre o metabolismo cerebral e a função cognitiva. OBJETIVOS: Avaliar prospectivamente o impacto da perda de peso induzida pela cirurgia bariátrica sobre metabolismo cerebral e função cognitiva de obesos; correlacionar metabolismo cerebral e função cognitiva antes e após a cirurgia bariátrica com marcadores metabólicos e inflamatórios. MÉTODOS: 17 mulheres obesas realizaram tomografia computadorizada com emissão de pósitrons com flúor-desoxi-glicose (PET-FDG) para avaliação do metabolismo cerebral de repouso (metabolismo glicolítico regional), testes neuropsicológicos para avaliação da função cognitiva e dosagens de marcadores metabólicos e inflamatórios antes e após a cirurgia bariátrica e, foram comparadas com 16 mulheres de peso normal, eutróficas, pareadas em idade e escolaridade. Foram excluídas da seleção pacientes portadoras de diabetes, usuárias de medicação psicotrópica nos três meses que antecederam as avaliações, portadoras de doença psiquiátrica grave atual ou prévia e mulheres com história de pais acometidos por demência antes dos 70 anos de idade. Nas mulheres obesas as avaliações do metabolismo cerebral, da função cognitiva e das dosagens laboratoriais foram realizadas antes e aproximadamente seis meses após a cirurgia bariátrica, enquanto nas mulheres eutróficas foram realizadas apenas uma vez. Os dados de imagem foram processados através do programa Statistical Parametric Mapping (SPM versão 8) e os demais através do Statistical Analysis System (SAS versão 9.3). Os dados encontrados nas obesas antes da cirurgia foram comparados aos obtidos após a perda de peso e, ambos foram comparados aos dados obtidos nas mulheres eutróficas. RESULTADOS: Mulheres com idade média de 40,5±9,1 anos e índice de massa corporal (IMC) médio de 50.1±4,7 kg/m2 quando comparadas a mulheres de mesma faixa etária com IMC médio de 22.3±2,1 kg/m2 apresentaram aumento do metabolismo cerebral em algumas áreas, principalmente do giro cingulado posterior, com valor de p corrigido para comparações múltiplas de 0,004. No entanto, não encontramos diferença no desempenho dos testes neuropsicológicos entre os grupos. Após a perda de peso, o metabolismo cerebral das mulheres obesas ficou semelhante ao das mulheres eutróficas e houve melhora no desempenho de teste que avalia função executiva (Trail Making Test). CONCLUSÃO: Estudos mostram que o giro cingulado posterior é uma das primeiras áreas acometidas pela doença de Alzheimer e que o aumento do metabolismo cerebral regional pode ser deletério. Esta condição encontrada em obesas, parece ser revertida após a perda de peso induzida por cirurgia bariátrica, acompanhando melhora da função executiva e de marcadores metabólicos e inflamatórios
Título em inglês
The effect of bariatric surgery induced weight loss on brain metabolism and cognitive function
Palavras-chave em inglês
Alzheimer's disease/complications
Biomarkers
Computerized positron emission tomography
Obesity
Prognosis
Resumo em inglês
INTRODUCTION: Obesity and Alzheimer's disease affect a growing number of people in the world. In recent years, evidence has arisen suggesting that these two illnesses are linked, with obesity being a risk factor for the occurrence of dementia. Alzheimer's disease has an unfavorable prognosis, is hard to treat and genetic and environmental factors are involved in the pathogenesis. Obesity is regarded as a modifiable environmental factor and maybe capable of changing the natural prognosis of the disease if controlled at an early stage. Bariatric surgery is the most effective treatment for severe obesity, however the effect of bariatric surgery on cerebral metabolism and cognitive function is not clearly known. OBJECTIVES: Prospectively assess the impact of weight loss caused by bariatric surgery on the cerebral metabolism and cognitive function of the obese. Correlate the cerebral metabolism and cognitive function before and after bariatric surgery with metabolic and inflammatory markers. METHODS: 17 obese women performed computerized positron emission tomography with fluoro-deoxy-glucose (FDG-PET) for the assessment of resting cerebral metabolism (regional glycolytic metabolism), neuropsychological tests to assess cognitive function and doses of metabolic and inflammatory markers before and after bariatric surgery and compared with 16 women of normal weight, eutrophic, paired by age and level of education. Patients with diabetes, those who had used psychotropic medication within three months prior to the assessments, people with current or previous history of severe psychiatric illness and women with a family history of dementia before 70 years of age. The assessments of cerebral metabolism, cognitive function and laboratory doses were conducted before and approximately 6 months after bariatric surgery in the obese women, whereas the women of normal weight were only assessed once. The imaging data was processed using the Statistic Parametric Mapping (SPM version 8) program and the others through the Statistical Analysis System (SAS version 9.3). The data found in the obese women prior to surgery were compared with those after the weight loss, and both were compared to the data taken from the eutrophic women. RESULTS: Women with a mean age of 40.5±9.1 years and mean body mass index (BMI) of 50.1±4.7 kg/m2 when compared to women of the same age group with mean BMI of 22.3±2.1 kg/m2 presented increased cerebral metabolism in some areas, in particular of the posterior cingulate gyrus, with a corrected p value for multiple comparisons of 0.004. However, differences were not found between the groups for the performance of the neuropsychological tests. After weight loss, the cerebral metabolism of the obese women was similar to the eutrophic women and they performed better in the tests to assess executive function (Trail Making Test). CONCLUSION: Studies show that the posterior cingulate gyrus is one of the first areas affected by Alzheimer's disease and that having increased regional cerebral metabolism may be deleterious. This condition found in the obese, appears to be reversed after weight loss induced by bariatric surgery, followed by improved executive function and metabolic and inflammatory markers
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-10-24
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.