• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2005.tde-20052011-113933
Documento
Autor
Nome completo
Glaucia Rosana Guerra Benute
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2005
Orientador
Banca examinadora
Nomura, Roseli Mieko Yamamoto (Presidente)
Lúcia, Mara Cristina Souza de
Miyadahira, Seizo
Rezende Filho, Jorge Fonte de
Zugaib, Marcelo
Título em português
Do diagnóstico de malformação fetal letal à interrupção da gravidez: psicodiagnóstico e intervenção
Palavras-chave em português
Aborto legal/psicologia
Complicações na gravidez/psicologia
Entrevistas
Feto/anormalidades
Resumo em português
Este trabalho trata da interrupção da gestação, em casos de diagnóstico de malformação fetal letal e os processos psíquicos dela decorrentes. São feitas algumas considerações sobre os aspectos históricos e políticos da reprodução e da sexualidade, explorando, em seguida, aspectos relativos ao contexto cultural do aborto; o debate sobre o início da vida humana; questões da bioética e da legislação. O trabalho explora, ainda, questões sobre a legislação brasileira, Medicina Fetal e os processos psíquicos desencadeados a partir do diagnóstico de anomalia fetal letal. Foi desenvolvida uma pesquisa de campo, na Divisão de Clínica Obstétrica do Hospital das Clínicas da FMUSP, para aprofundar as questões teóricas discutidas. No período de agosto de 1998 a dezembro de 2003, foram realizadas entrevistas abertas com 249 mulheres, após terem recebido o diagnóstico de malformação fetal letal e entrevista semidirigida com trinta e cinco destas pacientes após a interrupção da gravidez. Este trabalho tem como objetivos específicos: identificar os processos psíquicos desencadeados nas mulheres, após o diagnóstico de malformação fetal letal; no processo de decisão pela interrupção judicial da gravidez; após a interrupção da gravidez; e identificar, na opinião das mulheres que receberam o diagnóstico de malformação fetal letal e que realizaram a interrupção da gestação, qual o papel da consulta psicológica nesse processo. A análise dos dados se deu de forma quantitativa e qualitativa. Os resultados obtidos versam tanto sobre o momento do diagnóstico como experiência que propicia um caos temporário com perda do raciocínio lógico, não permitindo reflexões imediatas. Demonstra as angústias vivenciadas no processo de decisão pela interrupção ou manutenção da gravidez, apresentando o processo de reflexão como de fundamental importância para decisão consciente e para posterior satisfação com a decisão tomada. O acompanhamento psicológico foi destacado como de fundamental importância para elaborar a situação vivida. Conclui que o diagnóstico de malformação fetal letal ativa mecanismos de defesa para manutenção do equilíbrio psíquico. O processo de decisão pela interrupção da gravidez deve ser acompanhado por um psicólogo para que ocorra revisão dos valores morais e culturais permitindo uma decisão adequada que visa minimizar o sofrimento vivido.
Título em inglês
From the diagnosis of lethal fetal malformation until the termination of pregnancy. Psychological diagnosis and interposition
Palavras-chave em inglês
Abortion
Fetus/abnormalities
Legal abortion/psychology
Pregnancy complications/psychology
Resumo em inglês
This research is about the termination of pregnancy in situations where lethal fetal malformation has been diagnosed, and the psychic process that the patient goes through in these cases. The study was done with some consideration for the historical and political process of reproduction and sexuality, exploring aspects about the cultural context of abortion, the beginning of human life, issues about bioethics, and specific Brazilian laws on abortion. It discusses the point of view of the Catholic Church on the termination of pregnancy. This research also explores questions about Brazilian laws, fetal medicine, and the psychic processes triggered after the diagnosis of fetal anomaly. This study was performed at the Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de Sao Paulo, in the Department of Obstetrics Between august, 1998 and December, 2003 open interviews was performed with 249 women after they have been diagnosed with lethal malformation of the fetus, and semi-direct interviews with 35 women after their pregnancy had been terminated. The objective of this research was not only to identify the psychic process women undergo after the diagnosis of lethal fetal malformation, during the decision-making process for the judicial intervention in the pregnancy, and after the termination itself; but also to know their opinion about the function of the psychological consult in this process. The data analysis was quantitative and qualitative. The results show that the moment of the diagnosis is an experience that creates a temporary chaos that deprives logical reasoning, and this situation does not allow an immediate decision. It shows the distress experienced in the decision-making process, showing that a reflective process is essential to the conscious decision and to being satisfied with the decision once it has been made. The psychological follow-up was determined to be of essential importance to understanding this situation. The study concludes that the diagnosis of lethal malformation of the fetus triggers a defense mechanism to maintain the psychic equilibrium. A psychologist must follow the process of the decision through to the termination of the pregnancy in order to provide a moral and cultural reflection leading to the correct decision and minimizing the emotional distress for the patient.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2011-06-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.