• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2005.tde-14102014-115851
Documento
Autor
Nome completo
Valdir Reginato
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2005
Orientador
Banca examinadora
Azevedo Neto, Raymundo Soares de (Presidente)
Gallian, Dante Marcello Claramonte
Jacob Filho, Wilson
Martins, Milton de Arruda
Stella, Regina Celes de Rosa
Título em português
Contribuição ao estudo do perfil do aluno de primeiro ano de medicina da grande São Paulo: aspectos familiares e suas implicações no âmbito vocacional e do desenvolvimento profissional
Palavras-chave em português
Comportamento
Educação médica
Escolas médicas
Orientação vocacional
Relações familiares
Testes obrigatórios
Resumo em português
Foram avaliados 487 estudantes do primeiro ano de seis escolas médicas da Grande São Paulo no ano de 2003 por intermédio de dois questionários: um de personalidade (16PF) e outro referente à experiência e convivência familiar e suas implicações no âmbito vocacional. Foram agrupadas em Públicas (FMUSP e UNIFESP) com 143 alunos e 101 alunas; e Particulares (FMSCSP, UNISA, FMABC e FMJundiaí) com 110 alunos e 133 alunas;e estudadas as possíveis semelhanças e diferenças do perfil destes alunos. Ocorreu predomínio de homens nas Públicas e mulheres nas Particulares (p=0,003). A idade predominou entre 18 e 21 anos, sendo que os mais jovens entravam mais nas Públicas (p=0,001)., com menor número de tentativas (p=0.003), que oscilaram entre duas ou três para a maioria dos estudantes. Foram elaborados três escores para avaliação do histórico do estudante nos aspectos: profissionais prévios; vivências ambientais em saúde e vivência com o sofrimento. Verificou-se que são alunos que buscam conhecimento prévio com a profissão, sendo que as alunas demonstraram maior disponibilidade para o trabalho voluntário (p=0,001). Consideram que tanto a vivência em ambientes de estabelecimentos vinculados a saúde, como experiências com o sofrimento favoreçam a escolha profissional, ainda que acusem pouco contato com a dor. São estudantes que valorizam muito seus laços familiares sem diferenças para gênero ou faculdades. Mais de 50% deles tem parentes médicos próximos, onde a figura paterna tem especial influência., e sentem-se relacionados a estímulos e desmotivações para a sua escolha profissional, onde as alunas percebem maior desmotivação (p=0,029) e falta de importância por parte dos pais. (p= 0,004). São jovens que decidem precocemente pela profissão, sendo 33% "desde que se conhecem por gente".; e pouco questionam a sua decisão. No seu cotidiano os alunos em relação as alunas preferem os esportes (p= 0,002)e as alunas o teatro (p=0,015), a religião (p=0,035) e as artes pláticas (p=0,035) Na caracterologia destacam-se como alunos preferencialmente ativos e emotivos, sendo que nesta última as alunas com muito mais intensidade (p<0,001).No teste 16PF apresentaram estenos dentro da faixa na população normal, exceto na Inteligência, que superou os nove pontos. A diferença no grupo melhor assinalada diz respeito ao gênero (independente da faculdade) em destaque pela maior Brandura para o sexo feminino segundo o 16PF. Os resultados revelaram que o fator Inteligência tem sido avaliado como principal diferencial nos candidatos submetidos ao vestibular, sendo maior para as Públicas do que para as Particulares, o que reflete o critério técnico classificatório atual. Conclui que a população de estudantes quanto a sua procedência no ambiente familiar e comportamentos são bastante semelhantes, não se podendo fazer deste um critério de melhor juízo classificatório.Sugere que novos fatores como experiência de vida pessoal, e a participação voluntária em estágios de locais referentes à área da saúde possa vir a ser utilizada associada a uma maior valorização das ciências humanas para melhor avaliação da classificação do candidato enquanto futuro profissional
Título em inglês
Contribution for the study of freshman medical student's profile in the greater São Paulo: familiar aspects and their implications on vocational scope and in the profissional development
Palavras-chave em inglês
Behavior
Education medical
Family relations
Mandatory testing
Schools medical
Vocational guidance
Resumo em inglês
487 freshman students from six Medical Schools in the Greater São Paulo area were evaluated during the 2003 school year by means of two questionnaires: a personality one (16PF) and another referring to experience and family life and their implications on the vocational scope. The colleges were grouped in Public (FMUSP and UNIFESP) with 143 men and 101 women; and Private (FMSCSP, UNISA, FMABC e FMJundiaí) with 110 men and 133 women; and the possible similarities and differences of the students' profiles were studied. There are more men in the public colleges and more women in the private colleges (p= 0,003). Age varied and the majority ranged between 18 and 21. There was a preponderance of younger students in the public colleges (p=0,001), with smaller number of attempts (p=0,003), which varied between, two or three for the majority. Three fundamental contexts were evaluated: (a) the contact the students had had with the profession before college,(b) the experience the students had had in environments involved helth care,(c) experience involve suffering. The students have had contact with the professional contact itens , and female students participated expressively more in philanthropic activities than the male (p<0,001).The students believe that experiences in environments involved helth care , and experiences involve suffering can influence on career decision, although it was observed that most students had few points with pain. Most students think that the family is very important for their personal growth, without difference for colleges or gender. Concerning the existence of physicians in the family, more than 50% had physicians, and the father had a special influence. The students received incentive and discouragement for the chosen profession, and the women were more discouragement (p=0,029) and the importance given by the parents is smaller (p=0,004).They decided to enter Medical School early , which 33% "ever since he can remember"; and the students question their decision less frequently than not. Themes linked to family daily life , the men preferred sports (p= 0,002) , and the women preferred drama (p=0,015), religious (p=0,035) and fine arts (p=0,035). In the Characteriology the students were considered the prominence of Activity and Emotionality, and there is a highly difference in Emotionality aspect, very strong in women (p<0,001).In the 16PF the results collect in the group indicate that they are within the stens of the population in general.The most highlighted difference concerns gender (regardless of the college) with emphasis on higher Sensitivity levels for women according to the 16PF. Results revealed that the Intelligence factor has been analyzed as the main differential in applicants who take the entrance exam (vestibular) for it is higher in the public colleges. That confirms the current technical classification criterion. Results also show that the populations of students are highly similar concerning their origin in the family environment and behaviors, thus making this criterion not applicable for a better classification judgment. They suggest that new factors like personal life experience and volunteer participation in internships where health care activities take place may come to be used together with a better appreciation of the humanities to best evaluate the applicant's classification as a future professional
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
ValdirReginato.pdf (797.87 Kbytes)
Data de Publicação
2014-10-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.