• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.5.2011.tde-01032012-100808
Documento
Autor
Nome completo
Zaida Noemy Cabrera Jimenez
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Elias, Rosilene Motta (Presidente)
Abensur, Hugo
Palomba, Henrique
Título em português
Índice de pressão tornozelo-braquial em pacientes renais crônicos incidentes em hemodiálise
Palavras-chave em português
Diálise renal
Doença arterial periférica
Doenças cardiovasculares
Mortalidade
Pressão arterial
Resumo em português
Doença cardiovascular é uma causa importante de morte em pacientes em diálise. Doença arterial obstrutiva periférica (DAOP) é um fator prognóstico de doença cardiovascular. Índice de pressão tornozelo-braquial (ITB) é um método não invasivo usado para o diagnóstico de DAOP. A diferença entre ITB pré e pós diálise ainda não foi formalmente testada e foi um dos objetivos deste estudo. Além disso, nós avaliamos o ITB como marcador de mortalidade em pacientes incidentes em hemodiálise. ITB foi obtido por método oscilométrico automático em uma população de pacientes incidentes em hemodiálise. Este estudo foi desenhado para testar a aplicabilidade da determinação do ITB com o uso de 2 aparelhos oscilométricos simultâneos de pressão arterial (Omron Corp 705 CP Corp, Tokyo, Japan) comparando pré e pós diálise assim como lados direito e esquerdo. 123 pacientes (85 homens e 38 mulheres) idade 53±19 anos foram incluídos. Medidas de pressão arterial do lado direito e do lado esquerdo apresentaram médias semelhantes (p=0,565), assim como em 3 sessões consecutivas de diálise, tempo 1, 2 e 3 (coeficiente de variação menor que 5). Nenhuma diferença foi encontrada entre ITB pré e pós diálise, tanto no lado direito quanto no lado esquerdo, assim como nos tempos 1, 2 e 3. Em pacientes com história de DAOP, o ITB pré vs. pós diálise teve uma tendência a ser significante no lado direito (p=0,088). Durante o período de acompanhamento, 31 pacientes morreram. Estes pacientes eram mais velhos e apresentaram maiores níveis de cálcio. Diabetes, hipertensão e qualquer outro fator de risco cardiovascular não estiveram associados com mortalidade. Pacientes com ITB baixo (<0,9) e alto (>1,3) apresentaram maior mortalidade que pacientes com ITB normal (0.9-1.3). Foi concluído que medidas de ITB pré e pós diálise mostraram baixa variabilidade. O ITB em pacientes com história de DAOP deve ser avaliado com mais atenção. A presente técnica usada neste estudo pode ser usada como marcador de mortalidade em pacientes incidentes em hemodiálise
Título em inglês
Ankle-brachial Index in End-stage Renal Disease Incident in hemodialysis
Palavras-chave em inglês
Blood pressure
Cardiovascular disease
Mortality
Peripheral arterial disease
Renal dialysis
Resumo em inglês
Cardiovascular disease is an important cause of death in patients on dialysis. Peripheral arterial disease (PAD) is a prognostic factor for cardiovascular disease. Ankle-brachial index (ABI) is a non-invasive method used for the diagnosis of PAD. The difference between ABI pre and post dialysis was not yet formally tested, and it was one objective of this study. In addition, we evaluate the ABI in predict mortality in incident patients on hemodialysis. ABI was assessed by automated oscillometric device in incident patients on hemodialysis. This study was designed to assess the applicability of ABI determination with the employment of two automated oscillometric blood pressure devices simultaneously (Omron Corp 705 CP Corp, Tokyo, Japan), comparing pre and post dialysis as well right and left side. The measurements were done by using two oscillometric devices simultaneously to measure blood pressure in upper and lower extremities. 123 patients (85 men and 35 women), age 53±19 years were enrolled. Blood pressure measurements on the right side and on the left side presented similar means (p=0,565), as well in the consecutive sessions, times 1, 2 and 3, (coefficient of variation lower than 5). We found no difference in ABI pre and post dialysis, either on the right or left side, as well in times 1, 2 and 3. In patients with history of PAD, the ABI pre vs. post dialysis was of borderline significance on the right side (p=0.088). During the follow-up period, 31 patients died. These patients were older and presented higher calcium level. Diabetes, hypertension and any other cardiovascular risk factor were not associated with mortality. Patients with either low ABI or high ABI (<0.9 and >1.3, respectively) presented higher mortality than patients with normal ABI (0.9-1.3). We concluded that ABI measured pre and post dialysis offered low variability. The ABI in patients with history of PAD should be evaluating with caution. The current method applied in this study can predict mortality among incident patients on hemodialysis
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-03-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.